A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
132 pág.
Aula 9   Sistema Reprodutor Femininopdf

Pré-visualização | Página 1 de 1

SISTEMA REPRODUTOR 
FEMININO
Anatomia Veterinária
SISTEMA REPRODUTOR FEMININO
SISTEMA REPRODUTOR FEMININO
OVÁRIOS
OVÁRIOS
OVÁRIOS
OVÁRIOS
OVÁRIOS
OVÁRIOS
OVÁRIOS
OVÁRIOS
OVÁRIOS
OVÁRIOS
OVÁRIOS
OVÁRIOS DOS CARNÍVOROS
OVÁRIOS DOS CARNÍVOROS
OVÁRIOS DOS CARNÍVOROS
OVÁRIOS DAS ÉGUAS
OVÁRIOS DAS ÉGUAS
OVÁRIOS DAS ÉGUAS
OVÁRIOS DAS ÉGUAS
OVÁRIOS DAS ÉGUAS
OVÁRIOS DAS VACAS
OVÁRIOS DAS VACAS
OVÁRIOS DAS VACAS
OVÁRIOS DAS VACAS
OVÁRIOS DAS PORCAS
OVÁRIOS DAS PORCAS
BOLSA OVÁRICA
BOLSA OVÁRICA DA CADELA
BOLSA OVÁRICA DA CADELA
BOLSA OVÁRICA DA CADELA
TUBAS UTERINAS
TUBAS UTERINAS
TUBAS UTERINAS
TUBAS UTERINAS
TUBAS UTERINAS
TUBAS UTERINAS
TUBAS UTERINAS
TUBAS UTERINAS
TUBAS UTERINAS
TUBAS UTERINAS
ÚTERO
ÚTERO
ÚTERO
ÚTERO
ÚTERO
ÚTERO
ÚTERO
ÚTERO
ÚTERO
ÚTERO
ÚTERO PORCA
ÚTERO
CORNOS DO ÚTERO
CORNOS DO ÚTERO
CORNOS DO ÚTERO
CORPO DO ÚTERO
CORPO DO ÚTERO
CORPO DO ÚTERO
CORPO DO ÚTERO
CORPO DO ÚTERO
CORPO DO ÚTERO
CÉRVIX DO ÚTERO
CÉRVIX DO ÚTERO
CÉRVIX DO ÚTERO
CÉRVIX DO ÚTERO
CÉRVIX DO ÚTERO
CÉRVIX DO ÚTERO
CÉRVIX - PORCAS
CÉRVIX - PORCAS
CÉRVIX - VACAS
CÉRVIX - VACAS
CÉRVIX - ÉGUA
CÉRVIX - CADELA
VAGINA
VAGINA
VAGINA
VAGINA
VAGINA
HÍMEN
MUCOSA VAGINAL
MUCOSA VAGINAL
VESTÍBULO DA VAGINA
VESTÍBULO DA VAGINA
VESTÍBULO DA VAGINA - ESTRUTURAS
VESTÍBULO DA VAGINA - ESTRUTURAS
VESTÍBULO DA VAGINA - ESTRUTURAS
VULVA
VULVA
VULVA
VULVA
VULVA
VULVA
CLITÓRIS
CLITÓRIS
CLITÓRIS - ESTRUTURAS
VASCULARIZAÇÃO
VASCULARIZAÇÃO
VASCULARIZAÇÃO
VASCULARIZAÇÃO
VASCULARIZAÇÃO
GLÂNDULAS MAMÁRIAS
Sistema Tegumentar
GLÂNDULAS MAMÁRIAS
 Característica apenas dos mamíferos; presentes em machos e 
fêmeas.
 São glândulas sudoríparas modificadas – produção leite 
(colostro)
 Ficam dispostas de modo bilateral e simétrico – ventre do 
abdome
 Carnívoros e suínos – se prolongam da região torácica a inguinal
 Ruminantes e equinos – restritas a região inguinal
GLÂNDULAS MAMÁRIAS - ESTRUTURA
 Corpo mamário – porção onde ficam as glândulas mamárias 
entremeadas por tecido conectivo intersticial, nervos, vasos sanguíneos 
e linfáticos.
 Tecido glandular dividido em lóbulos – dentro possuem vários alvéolos 
produtores de leite.
 Vários lóbulos se juntam para formar os lobos mamários
 Saída do leite por ductos (ducto intralobar -> ducto interlobar -> seio 
lactífero [porção glandular])
GLÂNDULAS MAMÁRIAS - ESTRUTURA
 Tetos ou papilas – local de passagem e abertura para saída do leite (seio 
lactífero [porção papilar] -> ducto papilar-> orifício da papila 
[m.esfíncter])
 Pele – recobre todas as estruturas (corpo e teto), sendo recoberta por 
pelos na região de corpo (variação em quantidade espécie e indivíduo) e 
tetos sem pelo)
 Obs: a junção de todas estas estruturas formam a unidade mamários e a 
junção de algumas unidades mamárias formam um complexo mamário 
– torácico, abdominal e inguinal.
Seio 
Glandular
Seio 
Papilar
LIGAMENTOS
GLÂNDULAS MAMÁRIAS - VASCULARIZAÇÃO
 a. Epigástrica superficial cranial – complexos mamários torácico e 
abdominal cranial.
 a. Torácica interna – complexos mamários torácicos e abdominal cranial.
 a. Epigástrica superficial caudal (a. Pudenda externa) – complexos 
mamários abdominais caudais e inguinais.
 v. Epigástricas superficiais craniais e v. Epigástrica superficial cranial –
complexos mamários torácicos.
 v. Epigástricas superficiais caudais que se abrem na v. Pudenda externa 
– complexos mamários abdominais e inguinais. 
GLÂNDULAS MAMÁRIAS
Sistema linfático:
 Linfonodo axilar – drena complexos mamários torácicos e abdominais 
craniais.
 Linfonodo inguinal superficial (Linfonodo mamário) – drena os 
complexos mamários abdominal caudal e inguinal.
GLÂNDULAS MAMÁRIAS - CARNÍVOROS
Cadela:
 10 complexos mamários, dispostos dois a dois em duas fileiras bilaterais simétricas 
(8 a 12) – sulco intermediário = divide lado direito e esquerdo
 Complexo mamário torácico, complexo mamário abdominal cranial, complexo 
mamário abdominal caudal e complexo mamário inguinal.
Gata: 
 8 complexos mamários – dispostos dois a dois em duas fileiras bilaterais simétricas
 sulco intermediário = divide lado direito e esquerdo
 Obs: ductos papilares – 5 a 20 (unidades mamárias)
GLÂNDULAS MAMÁRIAS - SUÍNOS
 14 complexos mamários dispostos em pares em duas fileiras muito 
simétricas – facilita acesso dos leitões.
 sulco intermediário = divide lado direito e esquerdo
 Possuem 2 a 3 ductos papilares (unidades mamárias)
GLÂNDULAS MAMÁRIAS – PEQ. RUMINANTES
 Complexos restritos a região inguinal
 Possuem 2 complexos dispostos lado a lado da linha média ventral.
 Cada complexo é composto por apenas 1 unidade mamária = 1 ducto 
papilar por teto.
 Toda a estrutura de complexos e pele = Úbere
GLÂNDULAS MAMÁRIAS – BOVINOS
 Complexos restritos a região inguinal
 Possuem 4 complexos dispostos lado a lado, dois a dois, em relação a 
linha média ventral – quartos (isolados entre si)
 Cada complexo é composto por apenas 1 unidade mamária = 1 ducto 
papilar por teto.
 Sulco intermediário = divide lado direito e esquerdo
 Toda a estrutura de complexos e pele = Úbere
GLÂNDULAS MAMÁRIAS – EQUINOS
 Complexos restritos a região inguinal- pequenos
 Possuem 2 complexos dispostos lado a lado em relação a linha média 
ventral – quartos (isolados entre si)
 Cada complexo é composto por apenas 2 unidade mamária = 2 ducto 
papilar por teto.
 Sulco intermediário = divide lado direito e esquerdo
 Toda a estrutura de complexos e pele (fina e bem pigmentada) = Úbere
PROBLEMAS MAIS COMUNS...