Atividade de Direito
2 pág.

Atividade de Direito


DisciplinaInstituições de Direito1.351 materiais13.309 seguidores
Pré-visualização1 página
1- Estabeleça a diferença entre Direitos Individuais e Direitos Sociais, exemplificando.
R.: Direitos Individuais são casos em que o Estado analisa o caso específico em que concessões podem ser tomadas para amparar o indivíduo. Já os Direitos Sociais abordam a sociedade como um todo baseando-se no princípio de igualdade estabelecido na Constituição. Como exemplo, foi citado em sala de aula, a saúde é um direito de todo cidadão (Direito Social), porém, se um indivíduo necessita de um medicamento ou tratamento mais caro, o mesmo pode solicitar o mesmo para o Estado mediante ação judicial alegando o direito à vida (Direito Individual).
2- As cotas para os egressos do ensino públicos e os negros ofendem o princípio do direito a igualdade? Justifique.
R.: Não, pois entende-se que as cotas para os egressos do ensino público são necessárias para que estes possam competir com pé de igualdade a entrada em universidades públicas com os egressos do ensino particular, visto que o ensino público brasileiro é ineficiente. Já a cota para os negros representam uma forma de sanar a dívida que a sociedade tem para com eles.
3-É possível o estabelecimento pela Constituição de diferenças de direitos entre homens e mulheres? Justifique.
R.: Sim. A Constituição estabelece que homens e mulheres são iguais em direitos e obrigações, ainda assim, dá a mulher o direito à licença à gestante de 120 dias e ao homem a licença paternidade, com duração reduzida, assim como a idade para a aposentadoria, que para a mulher é 60 anos e para o homem é 65 anos.
4- Em que casos é possível a violação de domicílio no Brasil?
R.: É possível a violação de domicilio no Brasil nos casos de flagrante delito ou desastre, ou para prestar socorro, ou, durante o dia, por determinação judicial.
5- Explique o princípio do devido processo legal.
R.: O Devido Processo Legal é o princípio que garante aos indivíduos o direito a um processo com todas as etapas previstas por lei, dotado de todas as garantias constitucionais.
6- Explique a diferença entre os princípios do contraditório e da ampla defesa.
R.: O princípio do Contraditório é inerente ao direito de defesa, em que o acusado tem a oportunidade de desdizer as afirmações feitas sobre o mesmo. Já o princípio da Ampla Defesa é um direito garantido pela Constituição do acusado construir sua defesa em base jurídicas de provas.
7- Quando é possível a queda de sigilo telefônico e de dados no Brasil?
R.: A queda de sigilo telefônico e de dados no Brasil só é legalizada quando feita investigação criminal, mediante mandado judicial.
8- É possível a utilização de provas ilícitas para o processo penal? Justifique.
R.: Não, uma vez que aceitar provas ilícitas incentivaria a obtenção das mesmas e a infração do direito à privacidade.
9- É garantida a liberdade de crença e de culto no Brasil?
R.: Sim. A liberdade de crença e culto no Brasil é garantido pela Constituição.