DIREITO EMPRESARIAL 2º bim. - 6º período
21 pág.

DIREITO EMPRESARIAL 2º bim. - 6º período


DisciplinaDireito Empresarial II2.986 materiais13.222 seguidores
Pré-visualização3 páginas
não conseguir encontrar outro sócio, para recompor o quadro societário, antes dos 180 dias:
Lei (LC 128) autoriza ao empresário sócio remanescente, comunicar a junta comercial a transformação da Sociedade Empresária para Firma Individual ou para EIRELI;
Exaurimento ou Irrealização do objeto social:
- CC, 1034, II
Art. 1.034. A sociedade pode ser dissolvida judicialmente, a requerimento de qualquer dos sócios, quando:
II \u2013 exaurido1 o fim social, ou verificada a sua inexequibilidade2.
 Irrealização = Inexequibilidade;
1 Exaurimento = o objeto não pode mais ser realizado;
Ex.: Pecuária que não possui mais semovente; não é mais possível a realização da atividade;
2 Irrealizado = não conseguir realizar;
Ex.: constitui uma empresa no Alaska para vender gelo;
Sociedade constituída para fazer silagem; foram importadas máquinas da Alemanha; não conseguiram a liberação das máquinas na aduana; não conseguindo, portanto, realizar a atividade de silagem.
Extinção da autorização para funcionar:
- CC, 1033, V
Art. 1.033. Dissolve-se a sociedade quando ocorrer:
V \u2013 a extinção, na forma da lei, de autorização para funcionar.
Autorização que agencias reguladores, controladoras, ou governamentais concedem a atividade em si;
Seguradora para operar no mercado deve ter autorização da SUSEP. Corretora de Valores Mobiliários deve ter autorização da CVM; Banco deve ter autorização do BACEN.
Autorização de Funcionamento \u2260 Alvará;
RESOLUÇÃO DA SOCIEDADE:
	
Dissolução Total:
Acarreta a extinção da sociedade (passando pelas 3 fases);
Dissolução Parcial:
É um vicio de linguagem; pois não tem como ser dissolvida \u201cparcialmente\u201d; o termo mais correto seria = Resolução!
Sociedade perde a figura de um, ou alguns sócios, mas continua sua atividade normalmente.
O sujeito de direito criado se resolve perante aquele que sai da sociedade;
Resolução Administrativa:
1.1 - Vontade dos Sócios
Alteração do contrato quando um sócio sai da sociedade;
Diminuição do capital social;
Sociedade com 3 sócios (A,B e C) ( sócio C se retira da sociedade ( A, e B permanecem. Subentende-se que o capital social reduz na parcela do capital do sócio retirante. Porem os outros dois sócios podem aumentar suas participações e integralizar o faltante.
Exercício do direito de retirada (direito de recesso):
Tanto pela via administrativa, quanto pela via judicial;
2.1- Prazo Indeterminado \u2013 60 dias;
Pode se retirar a qualquer tempo;
Devendo notificar os demais sócios no seu interesse de se retirar ( aguardar 60 dias para se retirar.
Ação de resolução da sociedade em relação a um dos sócios;
2.2 - Prazo Determinado \u2013 justa causa;
Não ocorre a qualquer tempo pela simples arrependimento do sócio descontente; Deve ter uma justificativa;
Quando o sócio assinou o contrato, ele tinha consciência do termo final; por isso se ele se arrepender antes, não pode se retirar. Salvo, pela justa causa (provada em juízo!).
Porém se um sócio quiser sair, e os demais sócios concordarem (tópico 1.1) ( acordo; não precisa provar;
Expulsão do Minoritário:
Administrativamente = apenas em duas hipóteses: 
a) remisso (provada inadimplência). 
b) desde que haja cláusula permissiva e este sócio minoritário incorrer em falta grave;
3.1 - Cláusula Permissiva
3.2 - Remisso
3.3 - Judicial
Morte de sócio:
Regra = Artigo 1.028, caput;
Art. 1.028 CC. No caso de morte de sócio, liquidar-se-á sua quota, salvo:
I \u2013 se o contrato dispuser diferentemente;
II \u2013 se os sócios remanescentes optarem pela dissolução da sociedade\ufffd;
III \u2013 se, por acordo com os herdeiros, regular-se a substituição do sócio falecido.
4.1 - Vínculo instável
Contrato dispondo que na morte do sócio os herdeiros ingressarão. Porém os herdeiros não são obrigados a ingressarem. Pois é uma Sociedade contratual;
Vinculo se desestabiliza, com a saída do sócio;
LTDA = A alteração das quotas dependerá da anuência dos demais sócios;
4.2 - Vínculo estável
S.A. = se o acionista vier a falecer, os herdeiros ingressam imediata e automaticamente.
Vinculo societário permanecerá;
	
Herdeiro de uma participação societária esta obrigado a ingressar na sociedade?
Depende do vinculo da sociedade;
Estável = anônimas = obrigatoriamente irá ingressar;
Instável = não está obrigado, pois não é obrigado a contratar o que não quer;
Sócios remanescentes terão que aceitar ou não o ingresso dos herdeiros;
Liquidação da quota a pedido de credor:
Sócio excluído sai da sociedade, mas continua existindo;
Exclusão Judicial:
6.1 \u2013 Majoritário ( Somente em juízo; 
Art. 1.030. Ressalvado o disposto no art. 1.004 e seu parágrafo único, pode o sócio ser excluído judicialmente, mediante iniciativa da maioria dos demais sócios, por falta grave no cumprimento de suas obrigações, ou, ainda, por incapacidade superveniente.
6.1.1 - Falta grave
Age contra os interesses da sociedade;
6.1.2 - Incapacidade superveniente
6.2 - Minoritário
- Artigo 1085 CC
Art. 1.085. Ressalvado o disposto no art. 1.030, quando a maioria dos sócios, representativa de mais da metade do capital social, entender que um ou mais sócios estão pondo em risco a continuidade da empresa, em virtude de atos de inegável gravidade, poderá exclui-los da sociedade, mediante alteração do contrato social, desde que prevista neste a exclusão por justa causa.
\ufffd Art. 1.033. Dissolve-se a sociedade quando ocorrer: II \u2013 o consenso unânime dos sócios;