Cont Custos_Lorentz 2012-1_Lorentz
49 pág.

Cont Custos_Lorentz 2012-1_Lorentz


DisciplinaContabilidade e Análise de Custos784 materiais2.499 seguidores
Pré-visualização18 páginas
pelo apontamento) e 50% acabadas em relação aos CIF (já que o 
critério de rateio destes últimos é o número de horas-máquinas trabalhadas e as unidades não terminadas receberam 
metade do número de horas/máquinas das prontas). 
Contabilidade e Análise de Custos \u2013 2012/1 Francisco Lorentz 
 
lorentz@unisuamdoc.com.br twitter.com/f_lorentz 
46
\ufffd 
Nesse caso, a produção equivalente será diferente para cada item do custo, já que as unidades apresentam 
diferentes graus de acabamento em relação a cada um deles: 
 
Material Direto. 
As unidades prontas e as em elaboração já receberam totalmente a aplicação dos materiais. Então todas as 
1.000 unidades iniciadas são consideradas 100% acabadas em relação a este item e produção equivalente será 1.000. 
 
Mão de Obra Direta. 
A produção equivalente será: 
600 unidades acabadas + 400 unidades acabadas em 60% = 600 + (400 x 60%) = 840 
CIF 
Será: 
600 acabadas + 400 acabadas em 50% = 600 + (400 x 50%) = 800 
 
O custo médio por item de custo será calculado dividindo-se o custo de cada item pela sua produção equivalente 
e o custo médio unitário será o somatório dos custos médios dos itens. 
 
Item do Custo Custo Médio do item 
M. DIRETO 
80.000 
1000 
= 80 
MOD 
50.400 
840 
= 60 
CIF 
69.600 
800 
= 87 
Custo Médio Total = 227 
 
A transferência das 600 unidades para produtos acabados será pelo valor de: 600 x $ 227 = 136.200 
E o estoque de produtos em elaboração será: 
 
M. DIRETO 
400 unidades 100% acabadas = 400 x 100% x 80 = 32.000 
MOD 
400 unidades 60% acabadas = 400 x 60% x 60 = 14.400 
CIF 
400 unidades 50% acabadas = 400 x 50% x 87 = 17.400 
TOTAL 63.800 
 
Os razonetes ficariam assim: 
 
Prod. Em Elaboração \u201cW\u201d Prod. Acabados \u201cW\u201d 
 Ei = 0 
CPP = 200.000 
 
 
 E1= 0 
(1) 136.200 
 
200.000 136.200 (1) 136.200 122.580 (2) 
(90% de 136.200) 
63.800 13.620 
 CPV 
 (2) 122.580 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
Contabilidade e Análise de Custos \u2013 2012/1 Francisco Lorentz 
 
lorentz@unisuamdoc.com.br twitter.com/f_lorentz 
47
\ufffd 
EXERCÍCIOS 
 
QUESTÃO 1 - Assinalar a alternativa correta: 
1. Um fator que determina as características de um sistema de custeio (por Ordem ou por Processo) é: 
a) Característica da atividade. b) Relevância do patrimônio. 
c) Negociação com sindicato. d) Determinação da empresa. 
e) Pagamento de horas extras. 
2. Quando ocorre a perda de todas as unidades de uma ordem inteira, seu custo deve ser contabilizado como: 
a) Custo de produção. b) Despesa do período. 
c) Perda do período. d) Investimento total. 
e) Custo de estocagem. 
3. Observar as sentenças a seguir: 
I - Produção em série caracteriza-se pela elaboração do mesmo bem ou serviço de forma não continuada por um longo 
período. 
II - Produção por ordem consiste na produção de um bem ou serviço de forma contínua ao longo do tempo. 
III - Na Produção Contínua, os custos são apropriados e reportados por período de tempo. 
IV - Na Produção por Ordem, acumulam-se os custos até o término da ordem ou encomenda, mesmo passando por 
vários períodos. 
Estão corretas as sentenças: 
a) I e III. b) II e IV. c) III e IV. d) II e III. e) I e IV. 
 
4. São exemplos de atividades com sistema de produção contínua: 
a) empresa de telefonia e indústria naval. b) escritórios de auditoria e petroleiras. 
c) construção civil e indústria química. d) empresas de energia e montadoras. 
e) indústrias pesadas e de saneamento. 
 
5. Assinale a alternativa incorreta: 
a) As linhas de produção contínua ou por processos caracterizam-se pela produção rotineira de produtos similares, 
utilizando fatores de produção que não se alteram facilmente a curto ou médio prazo. 
b) Nas linhas de produção por encomenda, as máquinas, matérias-primas, mão-de-obra etc. são adaptadas para um 
fluxo ininterrupto de fabricação dos mesmos produtos. 
c) O sistema de custeio para a produção contínua e o sistema de custeio por encomenda foi a resposta da contabilidade 
de custos para a solução do problema da acumulação dos custos nos processos produtivos. 
d) O sistema de custeio para a produção contínua é uma das ferramentas para a correta avaliação da eficácia e 
eficiência da produção em cada departamento, visto gerar informações que podem ser utilizadas como medidas e 
parâmetros de desempenho. 
 
6. Assinale a(s) alternativa(s) correta(s) (pode haver mais de uma): 
a) Na implantação de um sistema de acumulação de custos, é fundamental o conhecimento da estrutura 
organizacional, os procedimentos operacionais e os processos de manufatura da empresa. 
b) A produção de cimento é um exemplo de linha de produção por encomenda. 
c) A linha de produção por encomenda caracteriza-se pela fabricação de produtos ou serviços diferenciados, que se 
alteram de acordo com as especificações do cliente. 
d) Na implantação de um sistema de custos, não há necessidade de conhecer os sistemas adotados para a acumulação 
de custos nos diversos períodos e para os diversos produtos ou serviços. 
 
7. Assinale a alternativa incorreta: 
a) A linha de produção por encomenda caracteriza-se pela produção rotineira de produtos similares, utilizando fatores 
de produção que não se alteram facilmente a curto ou médio prazo. 
b) Na linha de produção contínua ou por processos, as máquinas, matérias-primas, mão-de-obra etc. são adaptadas 
para um fluxo ininterrupto de produção dos mesmos produtos. 
c) Na linha de produção por encomenda, sempre que possível, os custos indiretos devem ser identificados e 
apropriados às Ordens de Produção (OP) específicas. Os custos indiretos que não puderem ser identificados com as 
diversas OP devem ser apropriados com base nos diversos critérios de rateios. 
Contabilidade e Análise de Custos \u2013 2012/1 Francisco Lorentz 
 
lorentz@unisuamdoc.com.br twitter.com/f_lorentz 
48
\ufffd 
d) O mecanismo para cálculo da equivalência de produção não apresenta dificuldades conceituais. O problema está na 
definição, na prática, do estágio em que o produto se encontra, isto é, qual o coeficiente de equivalência de produção 
que deve ser usado. 
 
8 - (Petrobras/Contador/2010) Considere as informações da Cia. Industrial Mediterrânea Ltda. a seguir. 
\u2022 Ordens de produção (OP) existentes em 1o de março de 2009: 
 
 
 
 
 
\u2022 
 
 
Os gastos em Março de 2009: 
 
 
 
 
 
 
 
 
Os custos indiretos de fabricação no mês foram de R$ 6.000,00 e foram apropriados às OP proporcional mente 
aos gastos com mão de obra direta ocorridos durante o mês de março de 2009. 
\u2022 As ordens de produção 21.145, 21.146 e 21.148 foram completadas durante o mês, entregues e faturadas aos clientes. 
Considerando apenas as informações acima, na apuração de resultados, em 31 de março de 2009, foi levado ao Custo 
dos Produtos Vendidos (CPV) o valor, em reais, de 
A) 52.000,00 
B) 66.000,00 
C) 58.000,00 
D) 70.800,00 
E) 74.700,00 
9. (QT Marinha 2011) Uma empresa fabricante de equipamentos para a construção civil utiliza o método do custeio por 
ordem. No inicio de determinado mês, a empresa tinha as seguintes ordens de produção em andamento: 
 
 
 
Durante o referido mês, a empresa incorreu nos seguintes custos: 
 
 
 
Os custos indiretos de produção do referido mes somaram R$ 6.400,00 e foram rateados as ordens de produção, 
proporcionalmente ao consumo de mão de obra direta. 
Sabendo-se que as ordens de produção nº 101, 102 e 104 foram completadas e vendidas no mês em referencia, o 
valor correto apurado como custo de produtos vendidos neste período foi de: 
 
Contabilidade e Análise de Custos