EXERCICOS DE LIBRAS
33 pág.

EXERCICOS DE LIBRAS


DisciplinaTópicos em Libras Surdez e Inclusão3.552 materiais87.975 seguidores
Pré-visualização9 páginas
Gabarito: Datilologia é a representação manual da ortografia da língua portuguesa. Cumpre a função de 
empréstimo linguístico porque introduz na LIBRAS novas palavras que não tem sinais próprios. 
 
 8a Questão (Ref.: 201301778314) Pontos: 0,5 / 0,5 
Se considerada sob o enfoque sociolinguístico e pensada em suas especificidades, a LIBRAS: 
 
 
Embora classificada como universal , também é heterogênea. 
 
Por ser denominada "línguagem brasileira de sinais", é a única língua de sinais existente no Brasil. 
 
Não pode ser classificada como universal, embora seja homogênea. 
 Não pode ser classificada como universal, diferindo das demais línguas de sinais do mundo. 
 
Por ser denominada "língua brasileira de sinais", é a única língua de sinais existente no Brasil. 
 
 4a Questão (Ref.: 201301879987) Pontos: 0,0 / 0,5 
A datilologia é apenas um recurso na fronteira linguística entre a LIBRAS e qualquer outro idioma oral. Cumpre 
a função de empréstimo linguístico, ou seja, introduz na LIBRAS novas palavras que não tem sinais próprios. 
Até que se crie , segundo a necessidade dos falantes, um sinal específico. Assim ocorre , por exemplo, da 
palavra inglesa software para o português. No caso da LIBRAS, os empréstimos linguísticos do Português são 
efetuados por meio de: 
 
 Soletração Manual 
 Classificadores 
 
Uso do Sinal 
 
Expressão facial 
 
Gesto ou mímica 
 
 9a Questão (Ref.: 201107265773) Pontos: 1,5 / 1,5 
Com base na aula 3, discorra sobre políticas linguísticas e sua importância na Educação de surdos. 
 
 
 
 
 
Gabarito: A proposição de políticas linguísticas será eticamente efetiva se acompanhada de ações em torno do 
sujeito e da sociedade. Pensar um modelo novo de Educação, seria pensar criação de um índex de cultura 
inclusiva, por ações inclusivas, por meio de ações legais que legitima o sujeito. 
 
 
 
 10a Questão (Ref.: 201107265780) Pontos: 0,5 / 1,5 
Discorra sobre a importância da LIBRAS como fator de interação social e comunicacional para os surdos, sob as 
perspectivas linguísticas aplicadas à LIBRAS estudadas na disciplina Tópicos em LIBRAS: surdez e inclusão. 
 
 
 
 
 
Gabarito: A LIBRASalém de um sistema complexo de regras gramaticias, também é uma atividade social usada 
para realizar ações através da interação social e cognitiva entre os falantes. Deve-se Considerar as situações 
contextuais de interlocução que se realiza a interação linguística e a influência de diversas outros aspectos 
presentes. 
 
 2a Questão (Ref.: 201001409620) 
Se uma pessoa estiver em um espaço publico, por exemplo, e vir um grupo de surdos conversando, para 
que possa entender com clareza o conteúdo da ¿conversa¿, precisará considerar alguns aspectos 
linguísticos, EXCETO: 
 
 A boa formação dos sinais. 
 
A configuração das mãos e seus usos. 
 
A posição do corpo e a expressão facial aliadas ao tipo de sinal utilizado. 
 A expressão facial comparada ao tipo de vestimenta do surdo e sons emitidos. 
 
Os sinais que estão utilizando aliados ao contexto. 
 
 5a Questão (Ref.: 201001409598) 
O método Oralista simplesmente desconsiderava questões relacionadas à cultura e à comunidade surda. Em 
oposição a essa metodologia surgiu uma proposta que permitiu o uso da língua de sinais pelos sujeitos surdos 
como língua natural e primeira. Que proposta seria esta? 
 
 
SignWriting. 
 
Comunicação total. 
 Bilingüismo. 
 
Bimodalismo 
 
Naturalismo 
 
 8a Questão (Ref.: 201001409609) 
O Decreto 5.626/2005 regulamenta a Lei de LIBRAS. Assinale a alternativa que NÃO apresenta assunto tratados 
nesse Decreto: 
 
 Possibilidade de implante coclear para surdos. 
 
Garantia e atenção à saúde da pessoa surda e com deficiência auditiva 
 
Acesso das pessoas surdas à educação. 
 A inclusão da LIBRAS como disciplina escolar. 
 
Formação de Tradutores e Intérpretes de LIBRAS. 
 
 
 
 9a Questão (Ref.: 201001409632) 
A lei de LIBRAS também é conhecida como: 
 
 Lei 10.436. 
 
Lei 10.438. 
 
Lei 10.098. 
 
Lei 10.426 
 
Lei 10.048. 
 
 11a Questão (Ref.: 201001450367) 
De acordo com Skliar, naturalizar os surdos, aceitando apenas sua língua como elemento integrador, significa 
ouvintizálos da mesma forma que o discurso clínico-patológico propõe. Este mecanismo é um disfarce que 
esconde a diferença, desconsiderando a diversidade. Na concepção socioantropológica, a língua de sinais tem a 
função de 
 
 emancipar o surdo enquanto sujeito político e social. 
 tornar o sujeito linguisticamente mais próximo da língua oral. 
 
emancipar o deficiente auditivo no aspecto social. 
 
integrar o deficiente auditivo apenas no contexto educacional. 
 
eximir o surdo de seus compromissos na sociedade. 
 
 
 12a Questão (Ref.: 201001409613) 
O sinal pessoal de apresentação pode ser entendido, segundo descrito na IC (Informação Cultural) como: 
 
 
Como uma exclusão. 
 Como um batismo. 
 
Como uma eliminação. 
 
Como uma aberração. 
 Como uma integração. 
 
 
13a Questão (Ref.: 201001450533) 
Em 1880 houve o congresso de Milão onde se instituiu a prática de qual metodologia de ensino: 
 
 
Interlíngua 
 
Comunicação Total 
 
Bilinguismo 
 
Pedagogia surda 
 Oralismo 
 
 14a Questão (Ref.: 201001410088) 
Quanto a LIBRAS, é correto afirmar que: 
 
 
Não é universal, é heterogênea, apresentando variações de acordo com região, idade, sexo, etc. Sua 
padronização se dá através de empréstimo do sistema de escrita Braille. 
 
Não é universal, apresenta um caráter homogêneo, não passando por nenhum processo de padronização. 
 É heterogênea, não universal, apresenta variações linguísticas. Embora historicamente ágrafa, há 
atualmente propostas de utilização de um sistema de escrita, o "signwriting". 
 
Não é universal nem homogênea, tendo sido padronizada através de um sistema de escrita própria. 
 
É heterogênea, não universal, apresenta nenhuma variação linguística. Embora historicamente ágrafa, há 
atualmente propostas de utilização de um sistema de escrita, o "signwriting". 
 
 
 15a Questão (Ref.: 201001450526) 
Complete a lacuna. ¿É somente ao perceber o outro como diferente, que pode nascer, no sujeito, sua 
consciência identitária...¿ 
 
 
É o que se chama de princípio de altruísmo 
 
É o que se chama de princípio de alienação 
 É o que se chama de princípio de alteridade 
 
É o que se chama de princípio de austeridade 
 É o que se chama de princípio de alternativa 
 
 
 
 16a Questão (Ref.: 201001410096) 
Em comparando à língua portuguesa, temos no sistema pronominal da LIBRAS a seguinte assertiva: 
 
 Formado por três pessoas do discurso. 
 
Formado por quatro pessoas do discurso. 
 Formado por duas pessoas do discurso. 
 
Formado por cinco pessoas do discurso 
 
Formado por seis pessoas do discurso. 
 
 
 20a Questão (Ref.: 201001410105) 
Sobre a ordem frasal na LIBRAS, NÃO é correto afirmar que: 
 
 
A LIBRAS admita a ordem SVO. 
 
A LIBRAS admita a ordem SOV. 
 
A LIBRAS possua uma ordem flexível. 
 
A LIBRAS admita a ordem OSV. 
 A LIBRAS possua uma única ordem fixa. 
 
 
 
 
 
 3a Questão (Ref.: 201301612431) 
Com relação à identidade surda, é correto afirmar que(QUESTÃO 52 DO CONCURSO 
PÚBLICO DA SEESP) 
 
 a escrita do surdo aproxima-se da escrita do ouvinte. 
 o surdo se utiliza da cultura ouvinte. 
 ser surdo é pertencer a um mundo de experiência 
visual. 
 o surdo pronuncia o som das palavras. 
 a cultura surda se confunde com a do ouvinte. 
 
 5a Questão (Ref.: 201301571680)
Sabriina
Sabriina fez um comentário
muito bom!!
0 aprovações
Sul
Sul fez um comentário
gostei muito
0 aprovações
Carregar mais