Direito Processual Civil I
372 pág.

Direito Processual Civil I


DisciplinaDireito Processual Civil I43.148 materiais749.189 seguidores
Pré-visualização50 páginas
2.\u202f Cada	
  \u201cJus<ça\u201d	
  é	
  organizada	
  hierarquicamente,	
  cumprindo-­\u2010se	
  o	
  princípio	
  do	
  Duplo	
  Grau	
  
3.\u202f O	
  Território	
  nacional	
  é	
  dividido	
  em	
  Seções	
  Judiciárias	
  ou	
  Comarcas,	
  subordinadas	
  a	
  outros	
  órgãos	
  
4.\u202f Há	
  possibilidade	
  de	
  exis<r	
  mais	
  de	
  um	
  órgão	
  de	
  igual	
  categoria	
  na	
  mesma	
  comarca	
  ou	
  Seção	
  
5.\u202f Pode	
  exis<r	
  juízes	
  subs<tutos	
  ou	
  auxiliares	
  nesses	
  órgãos,	
  com	
  competências	
  dis<ntas	
  
	
  
Hierárquica	
   x	
   Originária	
   \u2013	
   em	
   face	
   do	
   princípio	
   do	
   duplo	
   grau,	
   veri\ufb01ca-­\u2010se	
   a	
  
competência	
  originária,	
  para	
  o	
  órgão	
  que	
  primeiramente	
  tomará	
  conhecimento	
  
da	
  causa	
  e,	
  posteriormente,	
  a	
  hierárquica,	
  para	
  determina	
  o	
  órgão	
  competente	
  
para	
  apreciar	
  o	
  recurso	
  
	
  
Veri\ufb01cações	
   para	
   competência	
   \u2013	
   levando-­\u2010se	
   em	
   consideração	
   a	
   estrutura	
  
jurisdicional	
  brasileira,	
  deve-­\u2010se	
  fazer	
  uma	
  série	
  de	
  veri\ufb01cações:	
  
1.\u202f Eleger	
  qual	
  a	
  Jus<ça	
  competente	
  
2.\u202f O	
  órgão,	
  dentro	
  da	
  Jus<ça	
  escolhida,	
  originariamente	
  competente	
  para	
  apreciar	
  a	
  lide	
  
3.\u202f Se	
  for	
  de	
  primeiro	
  grau,	
  qual	
  a	
  Comarca	
  ou	
  Seção	
  competente	
  
4.\u202f Se	
  houver	
  mais	
  de	
  um	
  juízo	
  com	
  as	
  mesmas	
  atribuições,	
  qual	
  a	
  Vara	
  competente	
  
5.\u202f Qual	
  a	
  competência	
  interna	
  da	
  Vara	
  ou	
  Tribunal,	
  quando	
  houver	
  mais	
  de	
  um	
  Juiz	
  
6.\u202f Qual	
  o	
  órgão	
  competente	
  para	
  conhecer	
  o	
  recurso	
  
	
  
123	
  
Prof.	
  Me.	
  Altair	
  Rosa	
  Filho	
  
altair_silva@uniri,er.edu.br	
  
Introdução	
  
Competência	
  Interna	
  
Hierárquica	
   x	
   Originária	
   \u2013	
   em	
   face	
   do	
   princípio	
   do	
   duplo	
   grau,	
   veri\ufb01ca-­\u2010se	
   a	
  
competência	
  originária,	
  para	
  o	
  órgão	
  que	
  primeiramente	
  tomará	
  conhecimento	
  
da	
  causa	
  e,	
  posteriormente,	
  a	
  hierárquica,	
  para	
  determina	
  o	
  órgão	
  competente	
  
para	
  apreciar	
  o	
  recurso	
  
	
  
Caráter	
  Residual	
  da	
  JusOça	
  Civil	
  \u2013	
  A	
  matéria	
  Civil	
  é	
  residual,	
  pois	
  toda	
  a	
  matéria	
  
que	
   não	
   for	
   per<nente	
   às	
   Jus<ças	
  Militar,	
   Trabalhista	
   e	
   Eleitoral,	
   bem	
   como	
   a	
  
matéria	
   penal,	
   terminará,	
   residualmente,	
   sendo	
   jurisdicionado	
   através	
   da	
  
jurisdição	
  civil	
  
	
  
Conjunto	
  de	
  matérias	
  \u2013	
  com	
   isso,	
  as	
  matérias	
  per<nentes	
  à	
   jurisdição	
  civil	
  não	
  
são	
   unicamente	
   as	
   vinculadas	
   ao	
   Direito	
   Civil,	
   mas	
   também	
   as	
   de	
   Direito	
  
Cons<tucional,	
  Previdenciário,	
  Administra<vo,	
  Tributário,	
  etc.	
  
	
  
JusOças	
   \u2013	
   as	
   \u201cJus<ças\u201d	
   encarregadas	
   de	
   jurisdicionar	
   sobre	
   matéria	
   civil,	
   no	
  
Brasil,	
   são	
   a	
   Federal	
   e	
   a	
   Estadual,	
   necessitando-­\u2010se	
   veri\ufb01car	
   qual	
   das	
   duas	
   é	
  
competente	
  para	
  julgar	
  a	
  matéria	
  em	
  questão	
   124	
  
Prof.	
  Me.	
  Altair	
  Rosa	
  Filho	
  
altair_silva@uniri,er.edu.br	
  
Competência	
  da	
  Justiça	
  Federal	
  
Competência	
  Interna	
  
Previsão	
  ConsOtucional	
  \u2013	
  a	
  Cons<tuição	
  Federal	
  estabelece	
  quais	
  as	
  causas	
  
que	
   tocam	
   à	
   Jus<ça	
   Federal,	
   observando	
   critérios	
   quanto	
   ao	
   sujeito	
   ou	
   à	
  
matéria	
  
	
  
Competência	
   em	
   Razão	
   da	
   Pessoa	
   \u2013	
   caracterís<cas	
   subje<vas	
   (ra?one	
  
personae)	
  levam	
  a	
  causa	
  à	
  competência	
  da	
  Jus<ça	
  Federal,	
  cf.	
  art.	
  109,	
  CF:	
  
1.\u202f Causas	
   de	
   interesse	
   da	
   União,	
   en<dade	
   autárquica	
   ou	
   empresa	
   pública	
   federal,	
  
como	
  réu,	
  autor,	
  assistente,	
  opoente,	
  exceto	
  de	
  falência	
  e	
  acidente	
  de	
  trabalho	
  
2.\u202f Causas	
   entre	
   Estados	
   estrangeiros	
   ou	
   organismos	
   internacionais	
   e	
   municípios	
   ou	
  
pessoas	
  domiciliadas	
  no	
  Brasil	
  
3.\u202f Mandados	
  de	
  Segurança	
  contra	
  ato	
  de	
  autoridade	
  federal,	
  ressalvadas	
  as	
  hipóteses	
  
de	
  competência	
  do	
  STF	
  	
  
	
  
ATENÇÃO	
   \u2013	
   a	
   competência	
   em	
   razão	
   da	
   pessoa,	
   da	
   Jus<ça	
   Federal,	
   não	
  
abrange	
  as	
  sociedades	
  de	
  economia	
  mista	
  da	
  União,	
  já	
  que	
  é	
  pessoa	
  jurídica	
  
de	
  direito	
  privado	
  
125	
  
Prof.	
  Me.	
  Altair	
  Rosa	
  Filho	
  
altair_silva@uniri,er.edu.br	
  
Competência	
  da	
  Justiça	
  Federal	
  
Competência	
  Interna	
  
Competência	
   em	
   Razão	
   da	
   Matéria	
   \u2013	
   caracterís<cas	
   obje<vas	
   (ra?one	
  
materiae)	
  levam	
  a	
  causa	
  à	
  competência	
  da	
  Jus<ça	
  Federal,	
  cf.	
  art.	
  109,	
  CF:	
  
1.\u202f Causas	
   fundadas	
  em	
   tratados	
  ou	
   contratos	
  da	
  União	
   com	
  Estados	
  estrangeiros	
  ou	
  
organismos	
  internacionais	
  
2.\u202f Disputa	
  sobre	
  direito	
  indígena	
  
3.\u202f Execução	
  de	
  Carta	
  Rogatória	
  ou	
  de	
  sentença	
  estrangeira	
  após	
  homologação	
  
4.\u202f Causas	
  referentes	
  à	
  nacionalidade,	
  incluindo-­\u2010se	
  a	
  respec<va	
  opção	
  e	
  à	
  naturalização	
  	
  
5.\u202f Causas	
  rela<vas	
  a	
  Direitos	
  Humanos,	
  quando	
  ocorrer	
  a	
  hipótese	
  do	
  §	
  5º,	
  do	
  art.	
  109,	
  
CF	
  
	
  
ATENÇÃO	
   \u2013	
   só	
   é	
   competente,	
   quando	
   se	
   tratar	
   de	
   Direitos	
   Humanos,	
   se	
  
houver	
   grave	
   violação,	
   devidamente	
   veri\ufb01cado	
   através	
   de	
   incidente	
   de	
  
deslocamento	
  de	
  competência	
  suscitado	
  pelo	
  Procurador-­\u2010Geral	
  da	
  República	
  
frente	
  ao	
  STJ.	
  Busca-­\u2010se	
  assegurar	
  o	
  cumprimento	
  de	
  tratados	
  internacionais	
  
que	
  versem	
  sobre	
  direitos	
  humanos	
  
126	
  
Prof.	
  Me.	
  Altair	
  Rosa	
  Filho	
  
altair_silva@uniri,er.edu.br	
  
Competência	
  da	
  Justiça	
  Federal	
  
Competência	
  Interna	
  
Foro	
  dos	
  Tribunais	
  Regionais	
  Federais	
   -­\u2010	
  é	
  a	
   soma	
  de	
   todas	
  as	
  varas	
  
que	
  pertencem	
  à	
   região	
  que	
   lhe	
  é	
   afeta,	
   havendo	
  atualmente	
   cinco	
  
regiões	
  no	
  Brasil,	
  entre	
  as	
  quais	
  se	
  distribui	
  a	
  competência	
  da	
  Jus<ça	
  
Federal.	
  
	
  
Cada	
  TRF	
  é	
  composto	
  pelas	
  Seções	
  Judiciárias	
  	
  de	
  mais	
  de	
  um	
  estado	
  
	
  
1ª	
  Região	
  \u2013	
  Roraima,	
  Amazonas,	
  Acre,	
  Rondônia,	
  Pará,	
  Amapá,	
  Mato	
  
Grosso,	
  Maranhão,	
  Piauí,	
  Tocan<ns,	
  Bahia,	
  Distrito	
  Federal,	
  Goiás.	
  
2ª	
  Região	
  \u2013	
  Rio	
  de	
  Janeiro,	
  Espírito	
  Santo	
  
3ª	
  Região	
  \u2013	
  São	
  Paulo	
  e	
  Mato	
  Grosso	
  do	
  Sul	
  
4ª	
  Região	
  \u2013	
  Paraná,	
  Santa	
  Catarina	
  e	
  Rio	
  Grande
Karen
Karen fez um comentário
Este material é atualizado pelo novo CPC?
0 aprovações
Carregar mais