A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
119 pág.
Aula 03   Orçamento na Constituição Federal

Pré-visualização | Página 1 de 34

Aula 03
Professor: Sérgio Mendes
 Noções de Orçamento Público p/ TRT-RN 
Teoria e Questões Comentadas 
Prof. Sérgio Mendes ʹ Aula 03 
 
Prof. Sérgio Mendes www.estrategiaconcursos.com.br 1 de 118 
AULA 3 - CICLO ORÇAMENTÁRIO 
APRESENTAÇÃO DO TEMA 
SUMÁRIO 
APRESENTAÇÃO DO TEMA ......................................................................... 1 
1. ELABORAÇÃO/PLANEJAMENTO ............................................................ 5 
1.1. Iniciativas...................................................................................... 5 
1.2. Prazos ........................................................................................ 10 
1.3. Lei Complementar (art. 165, § 9.º, da CF/1988) ....................................... 14 
1.4. Conteúdo da Proposta Orçamentária .................................................... 16 
2. DISCUSSÃO/ESTUDO/APROVAÇÃO ....................................................... 18 
2.1. Comissão Mista de Planos, Orçamentos Públicos e Fiscalização ..................... 18 
2.2. Emendas Parlamentares ................................................................... 20 
2.3. Aprovação ................................................................................... 23 
2.4. Sanção ....................................................................................... 24 
3. EXECUÇÃO ORÇAMENTÁRIA E FINANCEIRA ............................................ 27 
3.1. Considerações Iniciais...................................................................... 27 
3.2. Execução Orçamentária e Cumprimento das Metas .................................... 29 
3.3. Emendas Parlamentares Individuais de Execução Obrigatória........................ 30 
4. AVALIAÇÃO E CONTROLE ................................................................. 41 
4.1. Avaliação .................................................................................... 41 
4.2. Controle ..................................................................................... 43 
 ................................................................................. 57 
QUESTÕES DE CONCURSOS ANTERIORES - FCC ............................................... 66 
LISTA DE QUESTÕES COMENTADAS NESTA AULA .......................................... 101 
GABARITO ........................................................................................ 118 
 
 
 Noções de Orçamento Público p/ TRT-RN 
Teoria e Questões Comentadas 
Prof. Sérgio Mendes ʹ Aula 03 
 
Prof. Sérgio Mendes www.estrategiaconcursos.com.br 2 de 118 
Olá amigos! Como é bom estar aqui! 
 
³+RMH�OHYDQWHL�FHGR�SHQVDQGR�QR�TXH�WHQKR�D�ID]HU�DQWHV�TXH�R�UHOyJLR�PDUTXH�
meia noite. É minha função escolher que tipo de dia vou ter hoje. Posso 
reclamar porque está chovendo ou agradecer às águas por lavarem a poluição. 
Posso ficar triste por não ter dinheiro ou me sentir encorajado para administrar 
minhas finanças, evitando o desperdício. Posso reclamar sobre minha saúde ou 
dar graças por estar vivo. Posso me queixar dos meus pais por não terem me 
dado tudo o que eu queria ou posso ser grato por ter nascido. Posso reclamar 
por ter que ir trabalhar ou agradecer por ter trabalho. Posso sentir tédio com o 
trabalho doméstico ou agradecer a Deus. Posso lamentar decepções com 
amigos ou me entusiasmar com a possibilidade de fazer novas amizades. Se as 
coisas não saíram como planejei posso ficar feliz por ter hoje para recomeçar. 
O dia está na minha frente esperando para ser o que eu quiser. E aqui estou 
HX�� R� HVFXOWRU� TXH� SRGH� GDU� IRUPD�� 7XGR� GHSHQGH� Vy� GH� PLP´�� �&KDUOHV�
Chaplin) 
 
³2�KRPHP�QmR�FRQVHJXH�GHVFREULU�QRYRV�RFHDQRV�VH�QmR�WLYHU�D�FRUDJHP�GH�
SHUGHU�GH�YLVWD�D�FRVWD�´��$QGUp�*LGH� 
 
Na certeza de um belo dia e que outros ainda melhores virão, entusiasmados 
estudaremos nesta aula o ciclo (ou processo) orçamentário, o qual 
corresponde ao período de tempo em que se processam as atividades típicas 
do orçamento público, desde sua concepção até a apreciação final. 
 
Possivelmente será a aula com o conteúdo mais extenso em todo o nosso 
curso, mas certamente uma das mais cobradas! 
 
Ressalto que nosso conteúdo de hoje se encontra disponível também em 
videoaulas na área do aluno. 
 
O ciclo orçamentário é um processo contínuo, dinâmico e flexível, por meio do 
qual se elabora/planeja, aprova, executa, controla/avalia a programação de 
dispêndios do setor público nos aspectos físico e financeiro. 
 
No nosso país identificam-se, basicamente, quatro etapas no ciclo ou processo 
orçamentário: 
x elaboração/planejamento da proposta orçamentária; 
x discussão/estudo/aprovação da Lei de Orçamento; 
x execução orçamentária e financeira; e 
x avaliação/controle. 
 
 Noções de Orçamento Público p/ TRT-RN 
Teoria e Questões Comentadas 
Prof. Sérgio Mendes ʹ Aula 03 
 
Prof. Sérgio Mendes www.estrategiaconcursos.com.br 3 de 118 
 
 
O processo orçamentário é dinâmico, entretanto, não autossuficiente, porque 
a elaboração da proposta, primeira etapa do ciclo orçamentário, renova-se 
anualmente e é resultante das definições da programação de médio prazo, que 
por sua vez detalha o plano de longo prazo, para integrá-lo ao processo de 
planejamento. 
 
E o exercício financeiro? 
 
O exercício financeiro coincidirá com o ano civil1. 
 
O exercício financeiro coincide com o ano civil, ou seja, inicia-se em 1º de 
janeiro e se encerra em 31 de dezembro de cada ano. 
 
 
 
 
1
 Art. 34 da Lei 4.320/1964. 
 Noções de Orçamento Público p/ TRT-RN 
Teoria e Questões Comentadas 
Prof. Sérgio Mendes ʹ Aula 03 
 
Prof. Sérgio Mendes www.estrategiaconcursos.com.br 4 de 118 
 
(CESPE ± Agente Administrativo - DPU ± 2016) Para efeitos da LOA, o 
exercício financeiro tem início com a aprovação da lei, não coincidindo 
este com o ano civil. 
 
O exercício financeiro coincide com o ano civil, ou seja, inicia-se em 1º de 
janeiro e se encerra em 31 de dezembro de cada ano, conforme dispõe o art. 
34 da Lei 4.320/1964. 
Resposta: Errada 
 
(CESPE ± Economista e Contador - DPU ± 2016) O ciclo orçamentário 
pode ser definido como um rito legalmente estabelecido, com etapas 
que se repetem periodicamente e que envolvem elaboração, discussão, 
votação, controle e avaliação do orçamento. 
 
No Brasil, o ciclo orçamentário se divide em quatro etapas: a 
elaboração/planejamento da proposta orçamentária, a 
discussão/estudo/aprovação, a execução orçamentária/ financeira e a 
avaliação/controle. 
Resposta: Certa 
 
 
 
Em vários momentos desta aula (e do curso) 
colocarei as referências das legislações citadas nos rodapés das páginas. Isso 
vai acontecer apenas para que você saiba a fonte. NÃO é necessário que você 
perca tempo e vá até a CF/1988 ou até a respectiva Lei, pois eu colocarei na 
íntegra o dispositivo citado, no próprio corpo do texto. 
 
 
 Noções de Orçamento Público p/ TRT-RN 
Teoria e Questões Comentadas 
Prof. Sérgio Mendes ʹ Aula 03 
 
Prof. Sérgio Mendes www.estrategiaconcursos.com.br 5 de 118 
1. ELABORAÇÃO/PLANEJAMENTO 
 
 
Palácio do Planalto por Roberto Stuckert Filho/Presidência 
 
1.1. Iniciativas 
 
1.1.1. A iniciativa do Poder Executivo 
 
Segundo o art. 165 da Constituição Federal de 1988 (CF/1988): 
Art. 165. Leis de iniciativa do Poder Executivo estabelecerão: 
I ± o plano plurianual; 
II ± as diretrizes orçamentárias; 
III ± os orçamentos anuais. 
 
De acordo com esse artigo, as leis do PPA, LDO e LOA são de iniciativa do 
Poder Executivo: Presidente, Governadores e Prefeitos.