Estudo Dirigido Angelita (Corrigido)
2 pág.

Estudo Dirigido Angelita (Corrigido)

Disciplina:Psicofarmacologia @emunys19 materiais23 seguidores
Pré-visualização1 página
RESPOSTAS

ANTIPSICÓTICOS

Ocorre o bloqueio de receptores da via mesolímbica e mesocortical.O bloqueio que você mencionou é o suficiente para a melhora dos sintomas, mas os antipsicóticos típicos bloqueiam as 4 vias da dopamina. Uma dessas vias é a nigroestriatal. Veja os slides 12 e 25 da aula sobre antipsicóticos.

Para minimizar esses efeitos, recomenda-se o uso concomitante de anticolinérgico (biperideno).

Esses efeitos colaterais são de antipsicóticos típicos. No contexto, a afirmativa esta correta “O uso de biperideno (anticolinérgico) deve ser usado para minimizar os efeitos extrapiramidais (tremor, rigidez muscular)”

Não. São representados por antagonistas do receptor de dopamina.

Sim. Os sintomas descrevem o quadro.

Apenas deixa os sintomas mais amenos com o uso do medicamento. A alternativa é falsa, pois o quadro é reversível. A pessoa pode apresentar o quadro similar ao parkinsonismo mas não é a doença em si. A suspensão/diminuição da medicação + o uso de biperideno cessa a sintomatologia.

Não sei a resposta. A afirmativa pode ser verdadeira já que, para a remissão dos sintomas bastaria bloquear os receptores dopaminérgicos das vias mesolimbica e mesocortical. Vimos que os antipisicóticos, principalmente os típicos, bloqueiam as quatro vias dopaminérgicas.

ESTUDO DIRIGIDO 2

Sonolência durante o dia, prejuízo no desempenho intelectual e psicomotor, depressão do humor e amnésia anterógrada, disartria e ataxia.
Agitação, ansiedade, irritabilidade, insôõnia, fraqueza, tremores, tontura, depressão,
 ...
Porque os hipnóticos substituídos eram altamente viciáveis e devido seu baixo índice terapêutico, também eram perigosos na superdosagem.

Os BZDs aumentam a frequência das aberturas do canal de cloro, modulando assim os efeitos do gaba. Já oss barbitúricos aumentam a duração da abertura do canal de cloro.
Essa distinção é responsável pela maior segurança dos BZDs na superdosagem com menos probabilidade de depressão respiratória ou coma.

Alteram pouco a arquitetura normal do sono, com menor potencial de produzir tolerância e insônia rebote se comparados com os BZDs.

Antidepressivos e antipsicóticos.

Relaxamento muscular, amnésia anterógrada, prejuízo no desempenho psicomotor e dependência fisiológica e psicológica. Os efeitos principais, além da diminuição da ansiedade, incluem a sedação, hipnose, relaxamento muscular e propriedades anticonvulsivantes. (slide 10 – aula ansiolíticos)

Benzodiazepínicos, antidepressivos, buspirona, betabloqueadores e antipsicóticos.