A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
187 pág.
DIREITO PENAL CONSTITUCIONAL  CRIMES EM ESPÉCIE

Pré-visualização | Página 3 de 40

138 Referências
 ....................................................................................................... 138 Exercícios de fixação
Chaves de resposta ................................................................................................................... 144 
 ............................................................................... 145 Aula 7: Crimes contra a Paz e a fé públicas
 ......................................................................................................................... 145 Introdução
 ............................................................................................................................ 146 Conteúdo
Delitos contra a paz pública ........................................................................................ 146 
Associação criminosa ................................................................................................... 146 
Organização criminosa................................................................................................. 148 
Constituição de milícia privada – Artigo 288-A do Código Penal ....................... 149 
Constituição de milícia privada ................................................................................... 150 
Delitos contra a fé pública ........................................................................................... 150 
Falsificação de documento .......................................................................................... 151 
Tipos de falsificação de documento .......................................................................... 153 
Tipos de falsificação de documento: moeda falsa .................................................. 155 
Atividade proposta ........................................................................................................ 156 
 ..................................................................................................................... 157 Aprenda Mais
......................................................................................................................... 158 Referências
 ....................................................................................................... 158 Exercícios de fixação
Notas ......................................................................................................................................... 163 
Chaves de resposta ................................................................................................................... 163 
 ........................................................................ 165 Aula 8: Crimes contra a Administração Pública
 ......................................................................................................................... 165 Introdução
 ............................................................................................................................ 166 Conteúdo
Definição de Administração Pública .......................................................................... 166 
Conceito de funcionário público ................................................................................ 166 
Crimes praticados por funcionário público contra a Administração Pública .... 167 
Tipo penal de ação múltipla ou tipo misto alternativo .......................................... 170 
Princípios da intervenção mínima e adequação social .......................................... 170 
Dos crimes praticados por particular contra a administração pública ............... 171 
Prática do delito de resistência em seguida ao delito de roubo .......................... 172 
O delito como verdadeiro estelionato perpetrado contra a Administração 
Pública.............................................................................................................................. 174 
Conceito de contrabando e descaminho ................................................................. 176 
Súmula nº 151, do Superior Tribunal de Justiça ...................................................... 176 
Atividade proposta ........................................................................................................ 177 
 ..................................................................................................................... 178 Aprenda Mais
......................................................................................................................... 178 Referências
 ....................................................................................................... 178 Exercícios de fixação
Notas ......................................................................................................................................... 183 
Chaves de resposta ................................................................................................................... 183 
Nesta disciplina, faremos um estudo crítico das principais figuras típicas, a partir 
da relevância do bem jurídico tutelado, de forma a adequá-las aos princípios 
norteadores, limitadores e garantidores do Direito Penal. 
Em seguida, provocaremos o raciocínio crítico-jurídico referente à Parte Geral 
do Direito Penal, das Teorias da Sanção Penal e de seus reflexos no estudo dos 
crimes em espécie, sempre pautado na filtragem constitucional. 
Sendo assim, esta disciplina tem como objetivos: 
1. Compreender a relevância do estudo integrado entre as Teorias do Delito, da
Sanção Penal e os Crimes em Espécie; 
2. Compreender a relação entre o instrumental, teórico e prático por meio da
exposição, de um contexto pedagógico e de suas experiências profissionais; 
3. Compreender as medidas de Política Criminal adotadas para fins de seleção
dos bens jurídicos, a tipificação das condutas e aplicação de sanção penal para 
fins de legitimação do Controle Social. 
Introdução 
Inicialmente, será feita a análise do bem jurídico vida, seja ela intrauterina ou 
extrauterina, seus respectivos termos iniciais e finais para fins de tutela penal e 
respectiva tipificação. 
Posteriormente, será feito um estudo dos crimes contra a vida: homicídio, 
induzimento, instalação ou auxílio ao suicídio, infanticídio e as modalidades de 
aborto. 
Objetivo: 
1. Estudo das figuras típicas dos crimes de homicídio e induzimento, instigação
ou auxílio ao suicídio; 
2. Estudo das figuras típicas dos crimes de infanticídio e aborto.
Conteúdo 
Vida – Introdução 
Em um primeiro momento, é necessária a delimitação do conceito de “vida 
humana” para o Direito Penal, bem como a distinção entre vida intrauterina e 
extrauterina, e seus termos inicial e final. 
Dessa forma, em consonância com a adoção de um Direito Penal 
Constitucional, imperioso o reconhecimento de que o bem jurídico-penal vida 
deva abranger não só aspectos biológicos (naturais), como também 
normativos, de modo a partirmos da premissa que, em regra, o bem jurídico 
tutelado é indisponível, sendo irrelevante o consentimento da vítima. 
Conceito de vida 
No que concerne ao termo inicial da vida humana, para fins penais, não 
obstante a questão seja extremante controvertida, o melhor entendimento é no 
sentido da adoção da teoria conceptualista, segundo a qual o início da vida 
intrauterina ocorre com a nidação, ou seja, no momento em que o óvulo 
fecundado é fixado no útero materno. Nesse sentido, Luiz Regis Prado afirma 
que “a gestação tem início com a implantação do óvulo fecundado no 
endométrio”. (PRADO, 2010, p. 86). 
Assim, poderemos diferenciar os delitos contra a vida a partir da distinção entre 
eliminação da vida intra ou extrauterina. No que concerne à eliminação da vida 
intrauterina, tipificada pelo abortamento criminoso, este poderá ser praticado 
pelo agente desde