A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
79 pág.
HOMEOPATIA VETERINARIA

Pré-visualização | Página 6 de 19

ar fresco. O fato de expectorar suas 
mucosidades espessas e difíceis de sair, o fazem melhorar. 
 
 É também um artrítico-reumático crônico com claudicação. Piora no 
calor, com clima úmido e de tempestade, com o exercício e o esforço físico 
(ao contrário do SULFUR). 
 
Posologia: 5 CH, 1 vez ao dia 
 
 
- BARBERIS 
 
É um cão subpletórico com lesões que lembram a tinha, portanto este 
 dores 
renolombares, com micções frequentes, pouco abundantes e escuras (litíase 
vermelha cor de tijolo). 
 
 É, além disso, um reumático uricêmico com dores erráticas nos 
membros e articulações; um fígado frágil (boa drenagem hepática) sensível 
à palpação. É um agitado que piora com o movimento. 
 
Posologia: 6 D, 1 vez ao dia. 
 
 
- CISTUS 
 
 Cão que apresenta um prurido violento, crônico. Pode ser uma cadela 
com inflamação mamária e mesmo ganglionar, chegando até a supuração. 
 Animal muito sensível ao frio, com problemas respiratórios crônicos, 
que começa com diarréia logo que come alimentos um pouco ácidos. 
 
 É também um adenopático crônico com uma grande inflamação dos 
gânglios cervicais e axilares, chegando até a supuração. Seu eczema está 
frequentemente superinfestado com sarna. Piora com o frio ou água fria. 
Melhora com o calor. 
 
Posologia: 5 CH, 1 ao dia. 
uma de acompanhada boca na espuma com consciência 
frequência 
acompanhando de 
com 
um Fazer 
 Ele 
agressivo. 
alterações. 
 as 
serofibrinosa, 
 exame 
apresenta 
- CANTHARIS 
 
 É um RHUS TOXICODENDRON envelhecido ou excitado sexual. 
Frequentemente tem intertrigem. 
 
É menos agitado que o RHUS TOXICODENDRON, porém mais 
urina detalhado, 
 pleurisia 
inflamações bucofaríngeas com tendências ulcerativas acompanhadas de 
uma sede intensa. 
 
 Suas inflamações urinárias são proverbiais: dores antes, durante e 
após as micções, seguidas frequentemente por ereções longas e dolorosas. 
 
 Seu eczema piora ao deitar e melhora com compressas frias e 
mesmo quentes. 
 
Posologia: 7 CH, 1 vez ao dia. 
 
 
 
 
 Ouvido 
 
- Diminuição da Audição 
 
 A homeopatia tem uma ação de amenizar os sintomas da perda de 
audição. 
 
Diminuição passageira dependente dos cios 
 
- KREOSOTUM 5 CH: 3 grânulos 2 vezes ao dia. Animal tem odor pútrido na 
boca, incontinência de urina dependente da vontade de dormir, cios 
adiantados. 
 
- TANACETUM 5 CH: 3 grânulos 2 vezes ao dia. Cios atrasados e 
abundantes com dores podendo provocar cólicas ou claudicação, verminose. 
 
Senil 
 
- CALENDULA 5 CH: 3 grânulos 1 vez ao dia. Infecção ou supuração crônica 
em um animal com esgotamento nervoso e tornado irritável pela dor em 
seus ouvidos. 
 
- CHENOPODIUM 5 CH: 3 grânulos 1 vez ao dia. Dores dorsais, perda de 
 emissão 
abundante de urina muito amarela; entende mal a voz humana, porém muito 
bem os baralhos da rua. 
 - GRAPHITES 12 CH: 10 grânulos 2 vezes por semana. Animal grande, 
gordo, mole e constipado; doenças de pele frequentes (dermatose úmida); 
conjuntivite; terçol de repetição; piora no verão. 
 
- NITRICUM ACIDUM 7 CH: 3 grânulos 1 vez ao dia. Segue-se a uma antiga 
otite supurada ou a uma mastoidite mal curada. Animal sempre de mau 
humor, até mesmo agressivo; fome excessiva por alimentos indigestos 
(terra, giz, excrementos...). 
 
 Não suporta leite; comissuras labiais ulceradas, gretadas; ânus idem; 
diarreia crônica com sangue nos cães velhos; urina com odor de urina de 
cavalo; verrugas, condilomas. 
 
Rolhas de cerúmen 
 
Tratamento local com a seguinte solução: 
 
- CALENDULA T.M: 7 gramas 
 
- Glicerina boratada a 1/20: 20 gramas. 
 
Encher o conduto todo dia e limpar. Raro nos animais. 
 
 
- Mastoidites 
 
 Não hesitar em associar em uma antibioticoterapia (Clindamicina) à 
homeopatia. Resultados rápidos e eficazes com: 
 
- CAPSICUM 5 CH: 3 grânulos 3 vezes ao dia. 
 
- PYROGENIUM 9 CH: 3 grânulos 1 vez ao dia. 
 
 
- Otites 
 
1. Agudas 
 
 A homeopatia cumpre neste caso um papel equivalente ao dos 
antibióticos, que não são, portanto, indispensáveis. 
 
- BELLADONNA 5 CH: 3 grânulos 3 vezes ao dia a serem dados em todos 
os casos para preparar o terreno, durante trinta e seis horas. 
 
- ACONIT 5 CH: 3 grânulos 3 vezes por dia se o animal estiver agitado, 
congestionado, não transpirar; otite provocado pelo vento norte ou após uma 
viagem de carro, em que o cão tenha ficado todo o tempo com a cabeça fora 
da janela. 
- CAPSICUM 5 CH: 3 grânulos 2 vezes ao dia, se houver suspeita de um 
mastoidite ou se o ouvido estiver muito dolorido. 
 
- ARSENICUM ALBUM 5 CH: 3 grânulos 2 vezes ao dia se o animal estiver 
ansioso, agitando ou abatido. Ouvindo dolorido com franco agravamento dos 
sintomas depois de meia noite, em um animal parecendo muito mais velho 
que sua idade real. 
 
- PYROGENIUM 9 CH: 3 grânulos 1 vez ao dia a partir do segundo dia com 
a BELLADONNA 5 CH. 
 
 
2. Crônicas 
 
 Denominamos otite crônica uma otite que, após fase aguda, passa a 
supurar após o 3° ou 4° dia, ou todas as outras formas de secreção não se 
estancam: ceruminosa, parasitária e etc. 
 
 Como em outras moléstias crônicas, leva-se em conta a aparência 
dos sintomas do animal e não apenas os sintomas locais. 
 
 Para maior clareza, classificaremos do mesmo modo estas otites em 
função destes sintomas. 
 
 
Otite parasitária 
 
- Não hesitar em utilizar um antiparasitário injetável. 
 
- Em caso de micose: MUCOR MUCEDO 5 CH: 10 grânulos 2 vezes por 
semana. 
 
- Em caso de sarna: PSORINUM 9 CH: nas crises frequentes, preferir os 
tratamentos locais com antiparasitário e buscar o similimum. 
 
 
Otite de repetição 
 
- 1 dose de AVIARE 9 CH por semana. 
 
- Buscar o similimum. 
 
- Cobre-Ouro-Prata: 1 a 2 comprimidos ao dia, durante um mês. 
 
Em caso de corrimento não purulento: 
 
- NATRIUM MURIATICUM 7 CH: 3 grânulos 2 vezes ao dia, corrimento 
seroso, fluido, irritante, animal que prefere estar sozinho, introvertido; piora 
perto do mar; herpes bucal; boca seca com sede insaciável; porém com bom 
apetite. 
 
 Tendência à constipação; grande sensibilidade ao frio. O animal não 
pode urinar diante do seu dono. Cios irregulares, porém abundantes. 
 
- GRAPHITES 7 CH: corrimento viscoso, irritante e malcheiroso. Eczema 
úmido atrás das orelhas, nas pregas de flexão. Animal grande, gordo, mole, 
tendência à constipação, conjuntivite. 
 
 Agravamento no verão. Chora ao ouvir música. Cios em atraso, 
curtos, às vezes com coágulos pretos. 
 
Em caso de corrimento purulento, amarelo ou amarelo escuro: 
 
- AETHIOPS ANTIMONIALIS 6 D 2 vezes ao dia. Corrimento pouco espesso 
e pouco irritante, para drenar. 
 
- SIEGSBECKIA ORIENTALIS 8 D: 3 grânulos 1 a 2 vezes ao dia. 
Corrimento mais ou menos espesso com sensibilidade ao toque. Animal não