Resumo da Lei 8.112
10 pág.

Resumo da Lei 8.112


DisciplinaLei 8112/90160 materiais1.573 seguidores
Pré-visualização5 páginas
\ufffdPAGE \ufffd1\ufffd
\ufffdPAGE \ufffd10\ufffd
Lei nº 8.112 (11/12/90)
		RESUMO
1 ( Esta lei dispõe sobre o Regime Jurídico dos Servidores Públicos Civis:
( da União;
( das autarquias, inclusive as em regime especial;
( das fundações públicas federais. (Art.1º)
2 ( Servidor é a pessoa legalmente investida em cargo público. (Art. 2º)
3 ( Cargo Público é o conjunto de atribuições e responsabilidades previstas na estrutura organizacional que devem ser cometidas a um servidor. (Art. 3º)
4 ( Cargo Público:
( acessível a todos os brasileiros;
( criados por lei;
( denominação própria
( vencimento pago pelos cofres públicos
( provimento: ( caráter efetivo
 ( em comissão
5 ( Às pessoas portadoras de deficiência serão reservadas até 20% das vagas oferecidas no concurso. (Art. 5º § 2º)
6 ( Investidura é o ingresso no cargo, ela ocorrerá com a posse. Nomeação é o ato de provimento de cargo \u2013 ato da autoridade competente de cada poder - que se completa com a posse e o exercício.
7 ( Formas de provimento de cargo público:
( nomeação;
( promoção
( readaptação;
( reversão;
( aproveitamento;
( reintegração;
( recondução.
8 ( A nomeação pode ser:
( em caráter efetivo (cargo isolado de provimento efetivo ou de carreira);
( em comissão, inclusive em caráter interino (provisório) para cargos de confiança vagos.
9 ( A nomeação para:
( Cargo de carreira
( Cargo isolado de provimento efetivo
Depende de prévia habilitação em concurso público de provas ou de provas e títulos.
10 ( O concurso público terá validade de até 2 (dois) anos, podendo ser prorrogado uma única vez.
11 ( A posse dar-se-á pela assinatura do respectivo termo, no qual deverão constar:
( atribuições;
( deveres;
( responsabilidades;
( direitos inerentes ao cargo ocupado.
12 ( A posse ocorrerá no prazo de 30 dias contados da publicação do ato de provimento (nomeação). Posse só por nomeação.
13 ( No ato da posse o servidor apresentará:
( declaração de bens e valores;
( declaração quanto ao exercício ou não de outro cargo, emprego ou função pública
\ufffd
14 ( Só poderá ser empossado se :
( fizer prévia inspeção médica oficial
( e for julgado apto física e mentalmente para o exercício do cargo.
15 ( Exercício é o efetivo desempenho das atribuições do cargo público (cargo de provimento efetivo e em comissão) ou da função de confiança.
16 ( O servidor empossado tem quinze dias para entrar em exercício, contados da posse.
17 ( Serão registrados no assentamento individual do servidor:
( início
( suspensão
( interrupção
( reinicio
18 ( O ocupante de cargo de provimento efetivo fica sujeito a duração máxima de trabalho de 40 horas semanais, observados os limites mínimo de 6 horas e máximo de 8 horas diárias.
19 ( São estáveis após 3 anos de efetivo exercício os servidores nomeados para cargo de provimento efetivo em virtude de concurso público (Art. 41 CF) e depois de feita a avaliação especial de desempenho por comissão instituída para essa finalidade.
20 ( O servidor estável só perderá o cargo:
( em virtude de sentença judicial transitada em julgado;
( mediante processo administrativo em que lhe seja assegurada ampla defesa;
( mediante procedimento de avaliação periódica de desempenho.
Se a demissão do servidor(1) estável for invalidada judicialmente, ele será reintegrado, e o eventual ocupante da vaga(2), se estável, será:
( reconduzido ao cargo de origem, sem indenização;
( aproveitado em outro cargo;
( posto em disponibilidade com remuneração proporcional ao tempo de serviço.
Se o cargo foi extinto ou declarada sua desnecessidade aquele o servidor(1) será posto em disponibilidade com remuneração proporcional ao tempo de serviço até seu adequado aproveitamento.
21 ( Dos provimentos:
( Readaptação ( o servidor vai trabalhar em outra função, a qual seja compatível com sua limitação física ou mental.
( Reversão ( a junta médica oficial declarou insubsistente os motivos da aposentadoria, por invalidez, então o servidor retorna à atividade anterior.
( Reintegração ( A demissão é invalidada por decisão administrativa ou judicial, então ele volta ao cargo anteriormente ocupado.
( Recondução ( Retorno do servidor estável ao cargo anteriormente ocupado.
22 ( A volta à atividade do servidor em disponibilidade será mediante aproveitamento obrigatório em cargo de atribuições e vencimentos compatíveis com o antigo.
23 ( A vacância do cargo público decorrerá de:
1 ( exoneração (
2 ( demissão;
3 ( promoção;
4 ( readaptação;
5 ( aposentadoria;
6 ( posse em outro cargo inacumulável;
7 ( falecimento.
\ufffd
\ufffd
	EXONERAÇÃO
	Cargo efetivo
	Cargo em confiança ou
Dispensa de função de confiança
	. A pedido do servidor
	. a pedido do servidor;
	. De ofício (quando não satisfeitas as condições do estágio probatório ou quando ele não entrar em exercício no prazo de 15 dias depois da posse).
	. a juízo da autoridade competente;
24 ( Remoção é o deslocamento do servidor com ou sem mudança de sede, pode ser:
( De ofício, se for interesse da Administração;
( A pedido, a critério da Administração;
( A pedido para outra localidade, independente do interesse da Administração se for:
. Para acompanhar cônjuge ou companheiro (tbém servidor público)
. Por motivo de saúde dele mesmo, cônjuge, companheiro ou dependente que viva às suas expensas (e conste no seu assentamento funcional)
. Em virtude de processo seletivo promovido
25 ( Redistribuição (sempre ex officio) é o deslocamento de cargo de provimento efetivo para outro órgão do mesmo Poder e tem que:
( Ser de interesse da Administração;
( Ter equivalência de vencimentos;
( Ter as mesmas atribuições do cargo antigo.
( Vinculação entre os graus de responsabilidade e complexidade das atividades;
( Mesmo nível de escolaridade, especialidade ou habilitação profissional.
( Compatibilidade entre as atribuições do cargo e as finalidades institucionais do órgão.
25 ( Vencimento é a retribuição pecuniária pelo exercício de cargo público com valor fixado em lei E maior que o salário mínimo.
Remuneração é o vencimento + vantagens pecuniárias permanentes.
26 ( Além do vencimento poderão ser pagas ao servidor VANTAGENS:
( indenizações
( gratificações
( adicionais
27 ( Período de férias = 30 dias e pode ser acumulada até no máximo dois anos, no caso de necessidade do serviço. (Art. 77). O pagamento da remuneração das férias será efetuado até 2 (dois) dias antes do início do respectivo período.
Não poderá ser descontado nas férias qualquer falta ao serviço e poderão ser parceladas em até três etapas.
O servidor exonerado do cargo efetivo, ou em comissão, receberá indenização relativa ao período das férias a que tiver direito e ao incompleto, na proporção de um 1/12 por mês de efetivo exercício, ou fração superior a 14 dias. A indenização será calculada com base na remuneração do mês em que for publicado o ato exoneratório.
Em caso de parcelamento, o servidor receberá na 1ª etapa o adicional de férias (1/3 R). 
28 ( O servidor que opera direta e permanentemente com Raios X ou substâncias radioativas gozará 20 dias consecutivos de férias, por semestre de atividade profissional, proibida em qualquer hipótese a acumulação. E também terá de fazer exame médico a cada 6 meses.
29 ( As férias somente poderão ser interrompidas por motivo de:
( Calamidade pública,
( Comoção interna,
( Convocação para júri,
( Serviço militar ou eleitoral, ou
( Por necessidade do serviço (declarada pela autoridade máxima do órgão ou entidade).
O restante do período interrompido será gozado de uma só vez. 
30 ( O servidor ausentar-se do serviço (Art. 97):
( 1 dia, para doação de sangue;
( 2 dias, para se alistar como eleitor;
( 8 dias consecutivos em razão de casamento ou falecimento do cônjuge, companheiro,