A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
4 pág.
AVALIAÇÃO II. UNIDADE 2.Fundamentos do Processo Educativo no Contexto Histórico Filosófico UNIASSELVI

Pré-visualização | Página 1 de 2

Disciplina:
	Fundamentos do Processo Educativo no Contexto Histórico-Filosófico (UNIASSELVI
	Avaliação:
	Avaliação II - Individual e sem Consulta (Unidade 2) ( 
Parte superior do formulário
	1.
	Com poderes espirituais, econômicos e políticos, as autoridades da Igreja Católica tornaram-se personagens importantes nas sociedades medievais. Isso podia ser sentido tanto na vida pública quanto na privada, como, por exemplo, no trabalho (que era abençoado pelos padres) e no lazer (já que a maioria das festas tinha um motivo religioso). Sobre o desenvolvimento da educação no Império Ocidental, que teve uma forte influência católica, associe os itens, utilizando o código a seguir:
I- Escolas Monacais.
II- Renascença Carolíngia.
III- Educação Patrística.
IV- Escolástica.
(    ) Teve caráter apologético. Combateu o paganismo e as heresias que circulavam nos primeiros séculos do cristianismo.
(    ) Era o pensamento cristão europeu na Idade Média. Representa o último período do pensamento hegemônico da Igreja em toda a Europa.
(    ) A educação também se desenvolveu através dos monges, que tinham uma vida consagrada a Deus, ao estudo e à meditação.
(    ) Para fortalecer e unificar o Império Franco, Carlos Magno realizou uma reforma na educação, caracterizando-se como uma espécie de renascimento das letras e das artes. 
Agora, assinale a alternativa que apresenta a sequência CORRETA:
	 a)
	III - IV - I - II.
	 b)
	IV - III - II - I
	 c)
	I - II - III - IV.
	 d)
	II - I - IV - III.
	2.
	No final do século VIII, Carlos Magno conseguiu reunir grande parte da Europa sob seu domínio. Para unificar e fortalecer o seu império, decidiu executar uma reforma na educação. Como esta reforma ficou conhecida?
	 a)
	Renascimento Escolástico.
	 b)
	Renascimento Alcuíno.
	 c)
	Renascimento Carolíngio.
	 d)
	Renascimento Patrístico.
	3.
	"Entrar com o pé direito" é uma expressão popular da língua portuguesa e significa "entrar bem ou começar bem alguma coisa". Para muitas pessoas, é um ritual, uma superstição. É possível verificar isso no caso dos jogadores de futebol. Muitos entram no gramado com o pé direito, na esperança que a sorte jogue no time deles. Alguns alunos também entram na sala de aula com o pé direito, para que a matéria não fuja das suas cabeças antes de uma prova. A expressão "entrar com o pé direito" surgiu com a superstição de entrar em algum lugar com o pé direito para dar sorte. Essa tradição é de origem romana. Nos eventos e festas em Roma, os anfitriões acreditavam que, ao entrar com o pé certo, poderiam evitar agouros na sua festa e por isso mesmo pediam para os seus convidados cumprirem essa norma. No latim, a palavra “esquerda” significa “sinistro”, o que explica a crença dos romanos de que os lados direito e esquerdo simbolizavam o bem e o mal. Foi a partir dessa altura que a expressão e a crença se espalharam pelo mundo.
A expressão “entrar com o pé direito” faz parte da língua portuguesa e está vinculada a dois tipos específicos de conhecimento: o senso popular e religioso. Nesse contexto, sobre a expressão citada, analise as afirmativas a seguir:
I- A expressão relaciona-se com o conhecimento religioso, por ter vínculo com a crença popular e ser uma superstição.
II- Por ser uma expressão popular e ligar-se à tradição, a expressão faz parte da dimensão do senso popular.
III- Também é considerada como conhecimento científico, pois se trata de uma estatística populacional.
IV- Por ter origem histórica na Roma antiga, a expressão remete ao conhecimento científico.
Assinale a alternativa CORRETA:
FONTE: Significado de entrar com o pé direito. Disponível em: . Acesso em: 20 nov. 2013.
	 a)
	As afirmativas I e II estão corretas.
	 b)
	As afirmativas I, II e IV estão corretas.
	 c)
	As afirmativas I, III e IV estão corretas.
	 d)
	Somente a afirmativa I está correta.
	4.
	Sobre as maneiras de conhecer o mundo, estabelecidas pela Filosofia, podemos destacar o conhecimento mítico com o objetivo de explicar a existência humana. Sobre o conhecimento mítico, classifique V para as sentenças verdadeiras e F para as falsas:
(    ) É considerado mágico.
(    ) Pode ser subdividido em: senso comum, senso prático, bom-senso e senso crítico.
(    ) Seu critério para a verdade está na fé.
(    ) A verdade está na representação daquele que comunica sua forma de ver e interpretar a realidade.
Agora, assinale a alternativa que apresenta a sequência CORRETA:
	 a)
	V - V - F - V.
	 b)
	F - V - F - V.
	 c)
	F - F - V - F.
	 d)
	V - F - V - F.
	5.
	Durante a Idade Média, a autoridade da Igreja Católica era quase inquestionável. Mesmo assim, já havia quem ousasse discordar dos ensinamentos e das práticas da Igreja. As críticas ao domínio da Igreja Católica criaram um ambiente favorável ao desenvolvimento de novas interpretações da Bíblia, que originaram a Reforma Protestante e novas igrejas cristãs. Sobre a Reforma, classifique V para as sentenças verdadeiras e F para as falsas:
(    ) A Reforma provocou uma ruptura no pensamento religioso, separando a Igreja Protestante da Igreja Católica.
(    ) O motivo principal da Reforma foi a venda de indulgências da Igreja Católica, que assegurariam o perdão dos pecados de uma pessoa em troca de uma quantia em dinheiro.
(    ) O monge Martinho Lutero pregou na porta da Catedral de Wittenberg um documento com 95 pontos contrários aos ensinamentos e às práticas da Igreja Católica.
(    ) A Reforma Protestante foi um movimento social que fortaleceu a Igreja Católica, dando plenos poderes ao papa Leão X, que decretou a venda de indulgências.
Agora, assinale a alternativa que apresenta a sequência CORRETA:
	 a)
	F - V - F - V.
	 b)
	V - V - V - F.
	 c)
	F - F - V - V.
	 d)
	V - F - F - F.
	6.
	A Escolástica surgiu da necessidade de responder às exigências da fé, ensinada pela Igreja, que era considerada a guardiã dos valores espirituais e morais. Era responsável pela unidade de toda a Europa, que comungava da mesma fé. A Escolástica iniciou-se por volta do século IX e se estendeu até as últimas décadas do século XV e costuma-se dividi-la em três períodos. Sobre os períodos da Escolástica, associe os itens, utilizando o código a seguir:
I- Período antigo.
II- Período da Alta Escolástica.
III- Período posterior.
(    ) Esse período é dominado pelo aristotelismo, influenciado por São Tomás de Aquino. A fé e a razão caminham por direções diversas, mas não conflitantes.
(    ) Neste período, destaca-se com maior ênfase o franciscano Duns Scott. Considera-se que a fé e a razão não se complementam, mas se opõem.
(    ) Neste período, os pensadores são influenciados por Santo Agostinho, com base no pensamento platônico. Para eles, entre a fé e a razão existe harmonia.
Agora, assinale a alternativa que apresenta a sequência CORRETA:
	 a)
	I - II - III.
	 b)
	III - II - I.
	 c)
	III - I - II.
	 d)
	II - III - I.
	7.
	A Reforma Protestante foi um movimento que representou um cisma no interior da unidade religiosa-política da cristandade latina, representada pelo papado. Uma nova espiritualidade surgiu no seio da Europa ocidental. Com relação ao Movimento Cristão Reformado, analise as sentenças a seguir:
I- Martinho Lutero e João Calvino foram os principais líderes do movimento.
II- A tradução da Bíblia motivou a alfabetização dos países europeus protestantes.
III- A heresia protestante não trouxe nenhum benefício para a alfabetização.
IV- A Reforma Protestante foi um movimento religioso liderado pelos religiosos da Companhia de Jesus. 
Assinale a alternativa CORRETA:
	 a)
	As sentenças I e II estão corretas.
	 b)
	As sentenças I e III estão corretas.
	 c)
	As sentenças II e IV estão corretas.
	 d)
	As sentenças II e III estão corretas.
	8.
	No Renascimento, houve um novo interesse pela educação, com uma didática mais participativa

Crie agora seu perfil grátis para visualizar sem restrições.