PLANO DE ENSINO - INSTALAÇÕES ELÉTRICAS PREDIAIS
3 pág.

PLANO DE ENSINO - INSTALAÇÕES ELÉTRICAS PREDIAIS


DisciplinaInstalações Elétricas Prediais646 materiais8.745 seguidores
Pré-visualização1 página
Detalhes da Disciplina
	Código
	ENG1290
	Nome da Disciplina
	INSTALAÇÕES ELÉTRICAS PREDIAIS
	Carga Horária
	60
	Créditos
	4
	Ementa
	Projeto elétrico residencial. Fontes de luz, iluminação artificial. Sistemas de iluminação. Projeto de instalação telefônica residencial, comercial e predial. Instalações de comunicação, sinalização e controle.
Objetivos Gerais
Oferecer ao aluno conhecimentos necessários para o dimensionamento do projeto de instalações elétricas prediais de baixa tensão, conforme norma ABNT.
Objetivos Específicos
Estudo e elaboração de projetos para instalações elétricas de baixa tensão, estudar circuitos elétricos de distribuição de energia nas edificações, conhecer e compreender as metodologias usadas no dimensionamento de circuitos de força e de iluminação, aplicar princípios normatizados e desenvolver projetos de instalações elétricas residenciais e comerciais.
Conteúdo Programático
Apresentação, conceitos básicos de eletricidade (tensão, corrente, potência, sistemas monofásicos, bifásicos e trifásicos), sequência para elaboração de projeto de BT, normas pertinentes e responsabilidades envolvidas, determinação e distribuição dos pontos de força e luz nos ambientes, distribuição de carga projetada em circuitos elétricos, critérios para dimensionamento de condutor, critérios para dimensionamento de eletroduto, exemplos de esquemas elétricos para iluminação, circuitos de iluminação, de comando e circuitos de força, dimensionamento de condutores pela seção mínima, pela capacidade de condução e por queda de tensão, dimensionamento de proteção conta sobrecorrente (DTM), dimensionamento de proteção contra fuga de corrente (DR) e contra sobretensão (DPS), exercícios dimensionamento condutores, quadro de cargas, balanceamento de cargas, cálculo de demanda, diagrama unifilar, exemplo de projeto elétrico de baixa tensão, critérios para elaboração de projeto elétrico, aulas em laboratório para fixação do conhecimento teórico, apresentação de lay out para aprovação e inicio de desenvolvimento de projeto elétrico pelos discentes; orientação para desenvolvimento do projeto, entrega do projeto, entrega das notas finais e frequência na secretaria da Engenharia.
Atividades Externas da Disciplina (AED)
Visitas em instalações prediais para identificação na prática da teoria apreendida em sala de aula com apresentação de relatórios escritos.
Metodologia
Aulas Expositivas, apresentação de tecnologias e materiais pertinentes à disciplina, aulas de laboratório para aplicação do conhecimento teórico e reconhecimento de materiais, aula de aplicação através de elaboração de projeto para as instalações elétricas.
Avaliação
Frequência Mínima  60 aulas, N1 =  0,8 x  Prova Escrita  + 0,2 x  Atividades Laboratórios
NA2 =  0,5 x  Prova Escrita  + 0,3 x  Projeto  + 0,2 x  Atividades Laboratório
AI  Avaliação Interdisciplinar
N2 = NA2 x 0,9 + AI
Média Final  =  0,4 x N1 + 0,6 x N2.
Cronograma
Fevereiro: apresentação, conceitos básicos de eletricidade (tensão, corrente, potência, sistemas monofásicos, bifásicos e trifásicos), sequência para elaboração de projeto de BT, normas pertinentes e responsabilidades envolvidas, determinação e distribuição dos pontos de força e luz nos ambientes, distribuição de carga projetada em circuitos elétricos, critérios para dimensionamento de condutor, aulas 1 e 2 de laboratório. Março: critérios para dimensionamento de eletroduto, exemplos de esquemas elétricos para iluminação, circuitos de iluminação, de comando e circuitos de força, dimensionamento de condutores  pela seção mínima, aplicação da avaliação N1, dimensionamento de condutores pela capacidade de condução e por queda de tensão, dimensionamento de proteção conta sobrecorrente (DTM), dimensionamento de proteção de fuga de corrente (DR), aulas 3, 4, 5 e 6 de laboratório, aplicação da avaliação 1 de laboratório. Abril: dimensionamento de proteção contra sobretensão (DPS), dimensionamento condutores, quadro de cargas, balanceamento de carga, cálculo de demanda, diagrama unifilar, aulas 7, 8 e 9 de laboratório. Maio: exemplo de projeto elétrico de baixa tensão, aplicação da avaliação AI, critérios para elaboração de projeto elétrico, aulas 10, 11 e 12 de  laboratório, aplicação da avaliação 2 de laboratório. Junho: apresentação de lay out para aprovação e inicio de desenvolvimento de projeto elétrico pelos discentes; aula no laboratório, orientação para elaboração do projeto, aplicação da avaliação N2, entrega do projeto entrega notas finais e frequência na secretaria da Engenharia.
Bibliografia Básica
	1.
	1. CREDER, Hélio,. Instalações elétricas. 15. ed. Rio de Janeiro: LTC, 2007.
	2.
	2. NISKIER, Julio; MACINTYRE, Archibald Joseph. Instalações elétricas. 5. ed. Rio de Janeiro: LTC, 2008.
	3.
	3. COTRIM , Ademaro A . M . B. Instalac¿o¿es ele¿tricas. Sa¿o Paulo: Makron Books, 1998.
Bibliografia Complementar
	1.
	1. MAMEDE FILHO, João. Instalações elétricas industriais. 8. ed. Rio de Janeiro: LTC, 2010.
	2.
	2. CAVALIN, Geraldo; CERVELIN , Severino. Instalac¿o¿es ele¿tricas prediais. Sa¿o Paulo: E¿rica, 2001.
	3.
	3. MAMEDE FILHO, João. Proteção de equipamentos eletrônicos sensíveis. São Paulo: Érica, 1997.
	4.
	4. CRUZ, Eduardo Cesar Alves; ANICETO, Larry Aparecido (Sec.). Instalações elétricas: fundamentos, prática e projetos em instalações residenciais e comerciais. 1. ed. São Paulo: Érica, 2011.
	5.
	5. MAMEDE FILHO, João. Manual de equipamentos elétricos. 3. ed. Rio de Janeiro: LTC, 2005.
Material de Apoio
Os materiais de apoio serão enviados por email aos discentes.