A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
4 pág.
Arrebatamento

Pré-visualização | Página 1 de 2

O que a Bíblia diz sobre o arrebatamento? Quando será o arrebatamento da igreja?
A Bíblia diz que quando os mortos em Cristo ressuscitarem, todos os cristãos que estão vivos serão arrebatados para o Céu. Ninguém sabe quando acontecerá, mas será nos últimos tempos.
O que é o arrebatamento?
O arrebatamento é quando os salvos que estão vivos serão levados para o Céu, junto de Jesus, sem morrerem (1 Tessalonicenses 4:17). Enoque e Elias foram arrebatados, subiram vivos ao Céu (Gênesis 5:24; 2 Reis 2:11). Também Jesus, depois que ressuscitou, subiu ao Céu, enquanto seus discípulos olhavam (Atos dos Apóstolos 1:9-10).
Quando vai ser o arrebatamento?
O arrebatamento vai acontecer quando Jesus voltar para buscar os salvos, nos últimos tempos (João 14:2-3). Jesus dará a ordem, uma trombeta soará, Jesus descerá à terra, os mortos ressuscitarão e depois os vivos serão arrebatados (1 Tessalonicenses 4:16-17). Ninguém sabe quando isso será e poderá acontecer em qualquer altura, por isso temos de estar sempre preparados.
Veja aqui mais sobre o fim dos tempos.
Há muito debate sobre se acontecerá antes, durante ou depois da grande tribulação mencionada em Mateus 24:21. As duas teorias principais são:
Pré-tribulação
Algumas pessoas acreditam que o arrebatamento da igreja vai acontecer antes da grande tribulação, deixando todos que não crêem na terra para sofrerem. Também acreditam que alguns ainda poderão ser salvos depois do arrebatamento. Nesse caso, a segunda vinda de Jesus aconteceria em outra ocasião, bastante tempo depois do arrebatamento. Ao contrário da segunda vinda de Jesus, o arrebatamento aconteceria em segredo, deixando muitas pessoas confusas.
Descubra aqui mais: o que é o dragão do Apocalipse?
Pós-tribulação
Outras pessoas acreditam que os salvos serão arrebatados depois da grande tribulação. Isso acontecerá na altura da segunda vinda de Jesus. Os mortos ressuscitarão e os salvos que estão vivos serão arrebatados e Jesus trará julgamento e justiça sobre a terra. O arrebatamento e a segunda vinda de Jesus não acontecerão em fases distintas.
Como não sabemos o futuro, é impossível dizer com certeza absoluta se alguma dessas teorias está certa. Muito do que está escrito sobre o fim dos temos é simbólico e tudo depende da forma como interpretamos os símbolos. Também é bom lembrar que Deus tem uma noção de tempo muito diferente da nossa (2 Pedro 3:8).
O mais importante do arrebatamento é que vai acontecer um dia. Saber quando e como não é essencial. Sabendo que vai acontecer, temos uma boa motivação para continuar a seguir a Cristo e endireitar nossas vidas (2 Pedro 3:14). O arrebatamento é a promessa da vida eterna para todos que aceitam Jesus como seu salvador (1 Tessalonicenses 5:9-10).
O que é o Arrebatamento:
Arrebatamento é o efeito ou ação de arrebatar, ou seja, retirar algo repentinamente de um lugar. No entanto, existem diversas aplicações diferentes para este termo. A mais comum se refere a um conceito descrito na bíblia cristã, onde os fiéis seriam resgatados por Jesus Cristo antes do derradeiro Apocalipse. 
O arrebatamento pode estar relacionado com a condição do estado de espírito ou humor de um indivíduo, dominado pela alegria, entusiasmo e admiração por algo ou alguém.
Ainda sob o sentido figurado, arrebatamento significa a explosão de outros sentimentos, como a euforia, a fúria, a ira, a raiva repentina e etc.
Exemplo: “Os reféns foram salvos graças ao arrebatamento das armas dos bandidos pelos policiais”.
Normalmente, este termo está relacionado com os estudos da escatologia cristã, referentes ao fim do mundo e ao suposto ressurgimento de Jesus Cristo.
Saiba mais sobre o significado de Escatologia.
Arrebatamento na Bíblia 
De acordo com algumas doutrinas cristãs, o arrebatamento é um conceito que está relacionado com os últimos sete anos que precedem o chamado “Juízo Final”.
A descrição do arrebatamento da igreja está no livro de I Tessalonicenses 4:13-18 e I Coríntios 15:50-54. No entanto, mesmo este conceito sendo descrito na bíblia, nela não está presente a palavra "arrebatamento" para designá-lo. 
Assim, a ideia do arrebatamento no âmbito da igreja consiste numa interpretação que algumas doutrinas fizeram de determinadas passagens bíblicas. 
Como será o arrebatamento segundo a bíblia?
De acordo com os relatos da bíblia, o arrebatamento será um episódio em que todos os verdadeiros crentes em Deus serão, repentinamente, levados para os céus, no “Reino Celestial”.
Assim como os crentes vivos que foram arrebatados, os que já morreram ressuscitarão e se juntarão aos demais no Paraíso.
Após o arrebatamento, a Terra viverá um período chamado de Grande Tribulação, um momento de caos em que reinará o anticristo, falsos profetas e a Besta (o demônio). A Grande Tribulação, de acordo com a bíblia, durará sete anos.
Ao término do sétimo ano, chegará o Juízo Final e o reino de Deus dominará a Terra por mais mil anos. 
Ver também o significado de Apocalipse. 
Diferença entre o Arrebatamento e a Segunda Vinda de Cristo
Não são todas as doutrinas que adotam a mesma interpretação das passagens bíblicas, portanto é correto afirmar que o arrebatamento é um conceito aceito apenas por algumas vertentes cristãs.
A Igreja Católica, por exemplo, não crê que ocorra um evento como o arrebatamento antes do Apocalipse. Os católicos acreditam na Parúsia, também conhecida como Segunda Vinda de Cristo. 
Este evento seria descrito como a vinda de Jesus Cristo para "julgar" as pessoas no Juízo Final. Ao contrário do arrebatamento, os fiéis não serão levados previamente ao Paraíso antes da vinda de Cristo, mas esperarão na Terra junto com os demais. 
No entanto, assim como prevê o Arrebatamento, a Segunda Vinda de Cristo também servirá como o momento em que Deus salvará os justos, fazendo com que estes gozem da vida eterna. Por outro lado, todos os ímpios serão condenados a viver sem a presença do Divino, ou seja, no inferno.
O arrebatamento da Igreja será o grande momento em que o Senhor Jesus virá buscar o seu povo fiel aqui na terra. Nesse momento aqueles que morreram em Cristo serão ressuscitados, e todos os redimidos que ainda estiverem vivos serão transformados e glorificados.
A palavra “arrebatamento” é derivada da palavra utilizada na tradução latina da Bíblia, a Vulgata, para traduzir o verbo grego harpazo, que significa “pegar”, “agarrar”, “elevar” ou “levar pela força”, no texto de 1 Tessalonicenses 4:17. Assim, nas traduções da Bíblia em português o grego harpagesometha, “elevados”, é traduzido como “arrebatados”.
A doutrina sobre o arrebatamento da Igreja é de suma importância para todos nós, pois todo cristão verdadeiro deve aguardar e desejar ansiosamente por esse dia. A seguir, saberemos um pouco mais sobre o que é e como será o arrebatamento.
Quando será o arrebatamento?
A Bíblia não informa uma data exata sobre quando será o arrebatamento, mas ela afirma que o dia do arrebatamento já está determinado e só Deus o conhece (Marcos 13:32).
Sem tratar exatamente de datas, os cristãos se posicionam de maneiras diferentes com relação ao período em que o arrebatamento acontecerá. Basicamente existem três interpretações principais sobre esse assunto:
Pré-Tribulacionismo: essa linha de interpretação defende que o arrebatamento será antes da grande tribulação, exatamente para livrar a Igreja do grande sofrimento que ocorrerá na terra. Quem adota essa interpretação geralmente faz uma distinção completa entre Israel e Igreja, defendendo que a grande tribulação será apenas para Israel, e, portanto, a Igreja de Cristo deverá ser retirada da terra.
Meso-Tribulacionismo: essa interpretação ensina que a Igreja será arrebatada durante a grande tribulação. Segundo essa posição, os primeiros anos da grande tribulação serão de paz e prosperidade mundial, mas de repente essa falsa paz será quebrada e o Anticristo revelará toda a sua perversidade, e é então que ocorrerá o arrebatamento da Igreja.
Pós-Tribulacionismo: essa interpretação defende que o arrebatamento da