A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
2 pág.
Avaliando 3   Dir. Processo do Trabalho

Pré-visualização | Página 1 de 1

13/10/2018 EPS: Alunos
http://simulado.estacio.br/alunos/ 1/2
Desemp.: 0,5 de 0,5 13/10/2018 10:08:30 (Finalizada)
 
1a Questão (Ref.:201606509281) Pontos: 0,1 / 0,1 
Acerca da competência trabalhista analise as questões abaixo e marque a correta:
 
A Justiça do Trabalho não possui competência para analisar conflitos coletivos de trabalho
A localidade para ingressar com ação trabalhista sempre será o domicílio do empregado. 
 O local competente para ajuizar uma ação trabalhista é a localidade da prestação de serviços 
A competência territorial trabalhista é absoluta e deve ser declarada de ofício pelo Magistrado 
A justiça do trabalho possui competência para dirimir conflitos que envolvem conflitos individuas de
servidores públicos federais e empregados públicos. 
 
 
2a Questão (Ref.:201606466804) Pontos: 0,1 / 0,1 
(FCC 2017) Nos termos da Lei n° 13.467/2017, a exceção de incompetência territorial a ser arguida pelo reclamado,
deverá ser apresentada, 
 no prazo de 5 dias a contar da data da notificação, em peça autônoma. 
em audiência, em peça apartada à contestação. 
no prazo de 10 dias a contar da data da notificação, em peça apartada.
no prazo de 5 dias a contar da data da notificação, como preliminar de defesa. 
no prazo de 5 dias que antecede a audiência, em peça apartada à contestação.
 
3a Questão (Ref.:201606509273) Pontos: 0,1 / 0,1 
Acerca da competência trabalhista analise as assertivas abaixo e marque a correta:
I - A Justiça do Trabalho possui competência somente para dirimir conflitos individuais que envolvam relação de
emprego.
II - A Justiça do Trabalho tem competência para apreciar demandas envolvendo servidores públicos. 
III - A Justiça do Trabalho possui competência para dirimir conflitos que envolvam conflitos de greve.
IV - A Justiça do Trabalho possui competência para dirimir os mandados de segurança, habeas corpus e habeas data,
quando o ato questionado envolver matéria sujeita à sua jurisdição
II e III estão corretas. 
 III e IV estão corretas. 
I e II estão corretas
 
I e IV estão corretas. 
I e III estão corretas. 
 
4a Questão (Ref.:201606466805) Pontos: 0,1 / 0,1 
(FCC 2017) A respeito da competência das Varas do Trabalho, segundo a legislação trabalhista em vigor, considere:
 
I. A ação de consignação em pagamento que o empregador promover em face do empregado deve ser proposta no
foro do domicílio deste, desde que esta situação esteja prevista no seu contrato de trabalho, caso contrário, a
competência será da Vara onde se deu a contratação do trabalhador.
II. Quando for parte no dissídio agente ou viajante comercial, a competência será da Vara do Trabalho da localidade
em que a empresa tenha agência ou filial e a esta o empregado esteja subordinado e, na falta, será competente a
Vara da localização em que o empregado tenha domicílio ou a localidade mais próxima.
III. Quando for parte no dissídio agente ou viajante comercial, a competência será da Vara do Trabalho da localidade
em que a empresa tenha agência ou filial e a esta o empregado esteja subordinado e, na falta, será competente a
Vara da localização em que o empregado tenha sido contratado ou a localidade mais próxima.
13/10/2018 EPS: Alunos
http://simulado.estacio.br/alunos/ 2/2
IV. Em se tratando de empregador que promova realização de atividades fora do lugar do contrato de trabalho, é
assegurado ao empregado apresentar reclamação no foro da celebração do contrato ou no da prestação dos
respectivos serviços.
V. Mesmo em se tratando de empregador que promova realização de atividades fora do lugar do contrato de
trabalho, a competência continuará sendo exclusiva da Vara da localidade da prestação dos respectivos serviços, eis
que se trata de regra mais benéfica ao empregado.
 
Está correto o que consta APENAS em 
 II e IV 
I, II e IV. 
I, III e V
I e V. 
II e III. 
 
5a Questão (Ref.:201606501358) Pontos: 0,1 / 0,1 
Por conta do princípio dispositivo,
Compete ao Juiz do Trabalho o poder de iniciativa probatória para a determinação dos fatos postos pela parte
como fundamento de sua demanda;
 Nenhum juiz prestará a tutela jurisdicional senão quando for provocado;
Os direitos processuais das partes estão à livre disposição do juiz, que pode decidir arbitrariamente a quem
compete o ônus de prova;
As demais opções estão incorretas;
Compete ao Juiz do Trabalho, de ofício, instaurar reclamação trabalhista em favor de qualquer trabalhador,
quando constatado pelo magistrado o descumprimento de normas trabalhistas por parte de alguma empresa;

Crie agora seu perfil grátis para visualizar sem restrições.