SLIDES
30 pág.

SLIDES

Pré-visualização2 páginas
INTRODUÇÃO À EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA (EAD)
Prof. Bruno César
Objetivo geral
\uf0a7 Conhecer os aspectos sociais, culturais e históricos que estão 
presentes na Educação a Distância, como modalidade 
de ensino, as diferentes ferramentas e formas 
de ensino-aprendizagem, mediadas pelas 
Tecnologias de Informação e Comunicação.
Justificativa
\uf0a7 Apresentar as diferenças entre o estudar presencialmente, 
prática culturalmente consolidada em nossa sociedade 
e em sistemas educacionais, como desenvolver e produzir 
conhecimento em ambientes virtuais e digitais, 
por meio de ferramentas e tecnologias de comunicação.
\uf0a7 Realizar um exercício de autoconhecimento e compreensão 
da Educação a Distância (EaD) das diversas formas 
de utilizar as ferramentas de estudo e comunicação.
\uf0a7 Descrever algumas das regras e preceitos que envolvem 
o AVA (Ambiente Virtual de Aprendizagem), bem como estudar 
e estabelecer vínculos de relacionamento com os atores 
envolvidos no cenário educativo da EaD.
Trajetória a ser trilhada
\uf0a7 Fundamentos da Educação a Distância (EaD); 
\uf0a7 Entre livros e telas: o conhecimento em sua casa;
\uf0a7 Ferramentas para estudar virtualmente.
Educação a Distância: primórdios
\uf0a7 Idade Antiga (Grécia e Roma): 
envio de cartas e manuscritos 
que traziam informações 
pessoais e coletivas, 
transmitindo informações 
científicas e instrução.
\uf0a7 Idade Média (Alemanha): 
surgimento da imprensa 
e distribuição de conteúdos 
via papel, substituindo 
os manuscritos.
Fonte: <https://goo.gl/j36IkI>
Educação a Distância: primórdios
\uf0a7 Séculos XIX/XX: cursos livres 
de formação curta (idiomas, 
atividades domésticas etc.). 
Uso de cartas para interação.
\uf0a7 Séculos XX/XXI: inserção do 
rádio (Rádio Sociedade do Rio 
de Janeiro), da televisão 
(Telecurso 2000), do telefone e... 
da internet.
\uf0a7 Internet: unifica os meios de 
disseminação de informações 
num único suporte (tela digital). 
O Youtube é um exemplo de 
tutoriais e manuais digitais. Fonte: https://goo.gl/hVe7HA
Educação a Distância: primórdios
Moore (2008) \u2013 A EaD é dividida 
em cinco gerações:
\uf0a7 A primeira: comunicação 
textual estrita 
(correspondência); 
\uf0a7 A segunda: rádio e televisão 
disseminando saberes e 
conteúdos;
\uf0a7 A terceira: Universidades 
Abertas e treinamentos para 
empresas ou pessoas de uma 
determinada localidade;
Fonte: https://goo.gl/IRFfqm.
Educação a Distância: primórdios
Moore (2008) \u2013 A EaD é 
dividida em cinco gerações:
\uf0a7 A quarta: interação 
a distância em tempo 
real, usando áudio e 
videoconferência;
\uf0a7 A quinta: o ensino e o 
aprendizado on-line, em 
classes e universidades 
virtuais, baseadas em 
recursos mediáticos 
http://www e DiY.
Fonte: https://goo.gl/hNtydp.
Interatividade
A respeito da EaD e a partir dos preceitos de Moore (2008), 
qual afirmação é incorreta? 
a) A primeira geração é marcada pelo uso da correspondência 
e troca de textos impressos.
b) A segunda fase emprega a radiodifusão (rádio e televisão) 
para disseminar saberes e conteúdos.
c) A terceira geração consiste em empregar práticas 
pedagógicas repetitivas e cansativas (\u201ccopiar a lousa\u201d).
d) A quarta fase possibilita a interação a distância em tempo 
real, em cursos de áudio e videoconferência.
e) A quinta etapa consiste em \u201censino e aprendizado on-line\u201d, 
apoiado em recursos mediáticos (\u201chttp://www\u201d).
Resposta
A respeito da EaD e a partir dos preceitos de Moore (2008), 
qual afirmação é incorreta? 
a) A primeira geração é marcada pelo uso da correspondência 
e troca de textos impressos.
b) A segunda fase emprega a radiodifusão (rádio e televisão) 
para disseminar saberes e conteúdos.
c) A terceira geração consiste em empregar práticas 
pedagógicas repetitivas e cansativas (\u201ccopiar a lousa\u201d).
d) A quarta fase possibilita a interação a distância em tempo 
real, em cursos de áudio e videoconferência.
e) A quinta etapa consiste em \u201censino e aprendizado on-line\u201d, 
apoiado em recursos mediáticos (\u201chttp://www\u201d).
Resposta (comentário)
\uf0a7 A terceira etapa indica a 
criação das Universidades 
Abertas e treinamentos 
para empresas ou pessoas 
de uma determinada 
localidade.
\uf0a7 Moore (2008): movimentos 
de entidades educacionais 
e empresas que buscam 
disseminar seus saberes, 
com intuitos variados.
Fonte: https://goo.gl/4ZkHaq
Educação a Distância no Brasil: é legal?
Práticas durante o século XX: 
\uf0a7 Cursos livres de instituições norte-
americanas, oferecendo formação 
técnica em atividades do comércio 
e indústria; 
\uf0a7 Discussões da oferta de Cursos de 
Direito (1920 \u2013 SP) e Radiodifusão de 
conteúdos (Roquette-Pinto \u2013 RJ);
\uf0a7 Institutos Técnicos, como o 
Universal Brasileiro e Monitor 
(1940/1950 \u2013 São Paulo e Rio de 
Janeiro);
Fonte: https://goo.gl/81GLNl.
Educação a Distância no Brasil: é legal?
Práticas variadas durante o século XX: 
\uf0a7 Surgimento do Programa Nacional de Teleducação (Prontel), 
pelo Ministério da Educação e Cultura (MEC), organizando 
diversos programas de EAD, no território brasileiro;
\uf0a7 Formação continuada de professores, em âmbito público 
(federal, estadual e municipal) e privado, desde os anos 
1960/1970. O boom de tais atividades ocorre nos anos 1990 
em diante;
\uf0a7 Entre 1992 e 1994, o surgimento da Coordenadoria Nacional 
de Educação a Distância (MEC) e do Sistema Nacional de 
Educação a Distância amadurecem um plano governamental 
para implementação da EaD em nosso país.
Educação a Distância no Brasil: é legal?
Práticas variadas durante o século XXI: 
\uf0a7 A partir de 2004/2005 (dez anos depois...), o artigo 80, da LDB, 
por meio do Decreto 5.622/05 legaliza a Educação a Distância 
como modalidade de ensino;
\uf0a7 Em 2006, pelo Decreto 5.800/06, o Sistema Universidade 
Aberta do Brasil (UAB) começa a operar, oferecendo cursos 
de graduação, em todo território brasileiro;
\uf0a7 Nessa mesma década, diversas Instituições de Ensino 
Superior privadas e comunitárias começam a desenvolver 
atividades a distância.
Ambiente Virtual de Aprendizagem (AVA): 
a Universidade em sua casa
Ambiente Virtual de Aprendizagem:
\uf0a7 Universidade em casa (material didático, teleaulas, ferramentas 
de interação, tutoriais, solicitação de serviços etc.);
\uf0a7 Desenvolvimento flexível dos conteúdos programáticos e 
etapas acadêmicas, respeitando os processos estipulados, 
via calendários e manuais acadêmicos;
\uf0a7 Interação com os diversos setores e pessoas envolvidas direta 
e indiretamente em sua formação acadêmica e profissional.
Ambiente Virtual de Aprendizagem (AVA): 
a Universidade em sua casa
O Ambiente Virtual de Aprendizagem (AVA) reúne diferentes 
ferramentas operacionais:
\uf0a7 Disciplinas (teleaulas, exercícios, fóruns de discussão);
\uf0a7 Etapas pontuais dos cursos (Atividades Complementares, 
monografias, relatórios, estudos de caso etc.).
Como estudar?
Utilização das ferramentas de 
interação dos atores pedagógicos 
e os objetos educacionais 
disponibilizados:
\uf0a7 Separar um espaço de tempo 
para a realização das atividades 
exigidas pontualmente (sugere-se 
entre três a sete horas 
por semana);
\uf0a7 Dedicar um caderno ou arquivo 
digital que contenha as anotações 
realizadas ao longo das atividades, 
como diário de bordo.
Fonte: goo.gl/LCzdU9
Como estudar?
\uf0a7 Utilizar o contato com os tutores, como mediadores de leitura 
e compreensão dos blocos conceituais;
\uf0a7 Ficar atento ao calendário e aos avisos postados. Sempre que 
houver dúvidas, entrar em contato com a instituição;
\uf0a7 Participação de discussões, realizando uma pesquisa pontual 
dos temas citados, unindo a teoria e a prática, se possível;
\uf0a7 Interagir com os colegas por meios