A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
11 pág.
SESI ES - Comunicação no Foco Organizacional - 860 0

Pré-visualização | Página 2 de 3

de comunicar-se bem; basta que 
ouça com atenção, aprenda com o entorno, estude o ambiente, tenha 
ponderação na fala e na escuta; forme novos conhecimentos. 
1. Como você analisa suas relações pessoais e interações com as pessoas 
que trabalham com você? 
 
2. Quais de suas qualidades mais se evidenciam nas relações que você 
estabelece com as pessoas de seu ambiente de trabalho? 
 
3. Quais qualidades você julga importante para uma ótima comunicação 
com as pessoas de sua empresa? 
 
SESI - Educação Continuada Curso de Comunicação no Foco Organizacional 6 
• A aparência pessoal: a imagem que cada um tem de si, reflete quando se 
comunica; a imagem diz quem é o indivíduo; a roupa que usa, o odor que 
exala, aponta se é organizado, limpo, higiênico, responsável, pontual. 
 
• A postura corporal: comunica e indica se o indivíduo é ativo ou passivo; se está 
receptivo ou não; se é prestativo e colaborativo. Pense: os olhos são o espelho 
da alma, assim como todo o corpo. 
 
• A compreensão da mensagem: compreender uma mensagem é dar extensão 
real a ela, a mantém organizada e não gera distorções na comunicação (nos 
fatos). 
 
• O transmissor e receptor da mensagem: quanto melhor, equilibrada e sensata 
for a relação entre transmissor e receptor, melhor a comunicação, a recepção 
e a transmissão das mensagens. 
 
� Para você refletir: 
 
 
 
 
 
 
 
2.2 Implicações negativas na comunicação 
 
• Déficits pessoais e físicos: problemas auditivos, problemas de articulação da 
linguagem, com muita introversão (timidez), com muita extroversão 
(expansividade), com desequilíbrio de tom de voz; problemas dentários ou 
bucais são alguns aspectos que influenciam na comunicação. 
 
• Déficits comportamentais e sociais: pessoas com dificuldade de se relacionar 
com outras; que priorizam problemas e conflitos; aquelas que se consideram 
superior ou inferior a outras pessoas; que possuem desordens morais e éticas, 
influenciam no formato da comunicação; pessoas estagnadas e alienadas não 
1. Você sabe transmitir uma mensagem com tranquilidade e segurança para 
seu chefe? 
 
2. Você se informa sobre as situações, fatos que ocorre ao seu redor para 
poder transmitir? 
 
3. Costuma se olhar no espelho para corrigir sua postura e imagem pessoal? 
 
SESI - Educação Continuada Curso de Comunicação no Foco Organizacional 7 
sabem lidar com o processo de comunicação – porque não sabem dar 
tratamento às informações, falta conhecimento para tal. 
 
• Déficits nas relações humanas: pessoas que não são cooperativas, 
colaborativas, prestativas; que se isolam e não trabalham em grupo ou equipe; 
que praticam a boataria; que possuem senso crítico exagerado, tendem a 
interferir na comunicação. 
 
• Distúrbios da linguagem e do pensamento: pessoas que ingerem substâncias 
químicas (ativas e medicamentosas) tornam mais difícil o ato de comunicar-se 
devido a dificuldade de organizar as ideias; nesse caso, sugere-se a busca de 
auxílio profissional. 
 
• Déficits na comunicação organizacional: quanto maior for o desequilíbrio e a 
instabilidade na relação gestor-gestor, gestor-colaborador, colaborador-
colaborador, pior será a comunicação entre a instituição, sua produtividade e a 
sua clientela externa e, ainda, isso refletirá na imagem da empresa. 
 
• Distúrbios do ambiente: barulho excessivo, ambiente agitados, muito limitado 
e congestionado, desorganizado e sujo, que sofre com ruídos excessivos e 
constantes (exemplo: telefone tocando insistentemente), afetam a 
comunicação entre as pessoas. 
• Para você analisar: 
 
 
 
 
MÓDULO III 
COMUNICAÇÃO E AS SUAS FORMAS DE ABORDAGEM 
3.1 A importância de quem fala e a importância de quem ouve 
 
Ouvir está mais ligado aos sentidos da audição, ao próprio ouvido. "Entender, 
perceber pelo sentido do ouvido". Embora também possua os significados de "(...) 
escutar o discurso, as razões, os conselhos. Porém, aqui, já entra a função do termo 
Você já parou para pensar quais os fatores que 
comprometem a sua comunicação e a dos outros com 
você no seu local de trabalho? 
 
SESI - Educação Continuada Curso de Comunicação no Foco Organizacional 8 
escutar. Escutar, por sua vez, significa "(...) prestar atenção para ouvir; dar atenção a; 
ouvir, sentir, perceber...". Ou ainda: "tornar-se ou estar atento para ouvir; dar 
ouvidos a; aplicar o ouvido com atenção para perceber ou ouvir...". 
 
Percebe-se, então, que o ouvir é mais superficial do que o escutar. Para 
escutar, faz-se necessária a utilização de uma função específica, a saber, a da 
atenção. Requer, assim, ouvidos mais apurados, atentos ao que o outro fala... Escutar 
implica em ouvir, contudo a recíproca não é verdadeira. Quem escuta, ouve; mas 
quem ouve não necessariamente escuta. Daí o dito popular: "entrou por um ouvido e 
saiu pelo outro". Para boa e adequada comunicação é preciso saber (aprender a) 
ouvir, pois a transmissão de qualquer mensagem está diretamente relacionada ao 
que atentamente foi escutado (comunicado/informado). 
 
Aprende-se a ouvir quando o processamento de uma informação foi 
organizado pela lógica; se não ouviu/escutou direito, com certeza, a comunicação fica 
interrompida e escusa, surgindo expressões do tipo: “o que foi mesmo que falaram?”; 
“alguém ligou, mas não entendi o que foi dito, quem ligou mesmo?”; “o cliente disse 
alguma coisa de...”. 
 
� Para você se auto-avaliar: 
 
 
 
 
 
 
MÓDULO IV 
RELAÇÕES ENTRE COMUNICAÇÃO, TRABALHO E APRENDIZAGEM 
 
Vivemos numa era de profundas transformações. De um lado, a chamada 
globalização, termo que se tornou obrigatório em todos os círculos intelectuais, 
políticos e econômicos. Fenômeno facilitado pelas novas tecnologias da informação 
pressupõe uma evolução do tradicional processo de internacionalização de mercados 
oriundo dos primórdios do capitalismo. 
1. Você tem o hábito de parar o que está fazendo para ouvir as pessoas? 
 
2. Você consegue guardar um recado mentalmente por quanto tempo antes 
de transmiti-lo? 
 
3. Você registra mentalmente as informações que assiste na televisão e as 
transmite com facilidade? 
 
SESI - Educação Continuada Curso de Comunicação no Foco Organizacional 9 
 
Esse novo processo não é mais conduzido apenas por nações, mas, sobretudo, 
pelas organizações antes denominadas multinacionais, transnacionais ou 
mundializadas. Essas organizações gerenciam espaços que atravessam as fronteiras 
territoriais. (IANNI, 1996) 
 
As mudanças estruturais e processuais implementadas nas empresas de 
alguma forma as têm forçado a uma maior qualificação. Os novos modelos 
organizacionais podem ser distinguidos entre organizações qualificadas e 
qualificantes. 
A organização qualificada se caracterizaria pelo trabalho em equipes ou 
células; a autonomia delegada às células e sua responsabilização pelos objetivos de 
desempenho: qualidade, custos, rendimento, etc.; diminuição dos níveis hierárquicos 
e o desenvolvimento das chefias para as atividades de "animação" e gestões de 
recursos humanos; a reaproximação das relações entre áreas e funções da empresa. 
� Para você refletir 
 
 
 
 
 
 
 
 
MÓDULO V 
5. ALGUMAS ESTRATÉGIAS PARA MELHORIA DA COMUNICAÇÃO NO TRABALHO 
 
É suficiente para uma empresa ter uma equipe motivada e eficiente para obter 
sucesso? Acredita-se que se ela não estiver bem informada, se seus integrantes não 
se comunicarem adequadamente, não será possível qualificar a força desse grupo no 
sentido da produtividade. Dessa forma, a comunicação é prioridade e que deve 
merecer grande atenção. Na verdade, a comunicação tem sido relegada

Crie agora seu perfil grátis para visualizar sem restrições.