ATIVIDADE 3   TI   BANCO DE DADOS   2018D1
6 pág.

ATIVIDADE 3 TI BANCO DE DADOS 2018D1


DisciplinaBanco de Dados II717 materiais4.442 seguidores
Pré-visualização2 páginas
29/10/2018 Unicesumar - Ensino a Distância
1/6
ATIVIDADE 3 - TI - BANCO DE DADOS - 2018D1
Período:22/10/2018 08:00 a 02/11/2018 23:59 (Horário de Brasília)
Status:ABERTO
Nota máxima:0,50
Gabarito:Gabarito será liberado no dia 03/11/2018 00:00 (Horário de Brasília)
Nota ob\ufffdda:
1ª QUESTÃO
A linguagem SQL nos permite extrair dados de mais de uma tabela utilizando o comando SELECT e
informando mais de uma tabela na cláusula FROM separadas por vírgulas. Após isto, precisamos na cláusula
WHERE ligar as tabelas em suas respectivas chaves primárias e chaves estrangeiras. 
Da mesma forma, a cláusula JOIN é usada para combinar linhas de 2 ou mais tabelas, baseadas nas relações
existentes entre elas. 
Disponível: <https://goo.gl/MmeDJ4>. Acesso em: 01 mai. 2018. 
Referente a cláusula JOIN, leia as afirmações abaixo: 
I. Para retorna todos os registros correspondentes de duas tabelas, tendo como retorno NULO quando o
registro correspondente não existir, utilizando a cláusula INNER JOIN. 
 II. Para retornar todos os registros da esquerda e seus correspondentes da direita, utilizamos a cláusula LEFT
JOIN. 
 III. Podemos utlizar simplesmente a declaração da cláusula JOIN, sendo equivalente a cláusula INNER JOIN. 
 IV. RIGHT JOIN não é um comando válido em um banco de dados relacional. 
É correto que se afirma em: 
ALTERNATIVAS
I apenas.
I e II apenas.
II e III apenas.
I, II e III apenas.
I, II, III e IV.
2ª QUESTÃO
Em um banco de dados, é imprescindível que em sua construção seja pensado no conceito de Integridade
referencial. Baseado nesse conceito, analise o comando SQL abaixo e assinale a alternativa correta.
  
 ALTER TABLE VEICULO FOREIGN KEY (CHAVE_CLI_FK) REFERENCES CLIENTES(CLI_CHAVE);
ALTERNATIVAS
A execução desse comando permite a exclusão de uma tabela.
A execução desse comando permite a criação de uma chave primária.
A execução desse comando permite a exclusão de uma chave primária.
A execução desse comando permite a criação de uma chave estrangeira.
A execução desse comando permite a exclusão de uma chave estrangeira.
29/10/2018 Unicesumar - Ensino a Distância
2/6
3ª QUESTÃO
Um banco de dados necessita de modificações constantes, e para isso, podemos utilizar o comando
UPDATE. Baseado nesse conceito, analise o comando SQL abaixo, juntamente com as afirmações e assinale a
alternativa correta.
 
UPDATE MATERIAL
 SET DESCRICAO = 'Borracha Branca'
 WHERE CODIGO = '120 ';
  
 I \u2013 Após a execução dessa consulta, ocorrerá a alteração da descrição do Material com código 120 para
Borracha Branca. 
 II \u2013 Após a execução dessa consulta, será excluído o Material com código 120. 
 III \u2013 Após a execução dessa consulta, será incluído um campo (coluna) novo com o nome Borracha Branca. 
 IV \u2013 Após a execução dessa consulta, ocorrerá a alteração do código para 120 do Material Borracha Branca.
ALTERNATIVAS
I apenas.
II apenas.
III apenas.
IV apenas.
I e IV apenas.
4ª QUESTÃO
Subconsultas ou subqueries são um mecanismo fornecido pela linguagem SQL para ser feito consultas
aninhadas, ou seja, utilizar expressões de SELECT \u2013 FROM \u2013 WHERE utilizadas dentro de outra consulta. 
Referente a subconsultas ou subqueries, podemos afirmar que: 
ALTERNATIVAS
Não conseguimos utilizar subconsultas dentro da cláusula FROM.
Podemos criar consultas dentro da cláusula WHERE para limitar a consulta.
Não é possível utilizar subconsultas na cláusula WHERE para limitar uma consulta.
Não é possível utilizar subconsultas para trazer colunas específicas dentro da cláusula SELECT.
Um servidor de banco de dados relacional não pode apresentar subconsultas para garantir a integridade do banco de
dados
5ª QUESTÃO
29/10/2018 Unicesumar - Ensino a Distância
3/6
Analise a clausula SQL abaixo, leia as afirmações e responda a alternativa correta:
 
 
 
I \u2013 Neste SQL será retornado o código, razão social, cnpj_cpf, uf e cidade dos fornecedores da cidade de
Maringá.
 II - Neste SQL serão retornados os dados dos fornecedores de cidades diferentes de Maringá.
 III - Neste SQL irá ocorrer a ordenação pela Razão Social do Fornecedor.
 IV - Neste SQL a ordenação é realizada de maneira ascendente.
ALTERNATIVAS
I apenas.
II e III apenas.
III e IV apenas.
I, III e IV apenas.
I, II, III e IV
6ª QUESTÃO
No Modelo Relacional, as entidades não podem ficar isoladas, uma vez que as informações estarão
organizadas futuramente para o acesso de forma integrada. Baseado nesse conceito, analise o
relacionamento abaixo e assinale a alternativa com o tipo de relacionamento correspondente.
 
 
ALTERNATIVAS
Relacionamento Binário.
Relacionamento Ternário.
Relacionamento Recursivo.
Relacionamento Mestre.
Relacionamento Individual.
29/10/2018 Unicesumar - Ensino a Distância
4/6
7ª QUESTÃO
A cláusula JOIN é usada para combinar linhas de 2 ou mais tabelas, baseadas nas relações existentes entre
elas. 
Disponível: <https://goo.gl/MmeDJ4>. Acesso em: 01 mai. 2018. 
Além dos JOINs para combinar tabelas, a linguagem SQL permite funções de agregação que nos ajuda com
a análise dos dados, apresentando de forma resumida as informações de uma consulta. 
Referente a extração de dados utilizando JOINs e funções de agregação, analise o comando SELECT abaixo: 
SELECT p.id, p.nome, AVG(m.valor_unitario) as media_valor FROM produto p INNER JOIN movimento m ON
p.id = m.id_produto GROUP BY p.id, p.nome 
  
Agora, leia as informações abaixo:
 
I - A função AVG nos retorna a média dos valores de um grupo. 
 II - Esta consulta está agrupando o \u201cid\u201d e \u201cnome\u201d do produto para retornar a média dos valores unitários. 
 III - A função AVG nos retorna a soma dos valores de um grupo. 
 IV - A cláusula INNER JOIN presente no comando de consulta irá retornar todos os produtos, mesmo os que
não apresentam um registro correspondente na tabela de movimento. 
É correto afirmar que: 
ALTERNATIVAS
I apenas.
I e II apenas.
I, II e III apenas.
I, II e IV apenas.
I, II, III e IV.
8ª QUESTÃO
Segue os comandos CREATE TABLE para a tabela de produtos e movimentos. Observe que um produto
pode apresentar um ou mais movimentos, porém um movimento não pode existir sem um produto
correspondente. 
Para saber qual é a quantidade de produtos movimentados precisamos executar um comando SQL de
consulta ou extração de dados. Assinale a afirmativa com o comando SELECT que apresente o produto (id e
nome) , a soma das quantidades dos movimentos correspondentes, sendo agrupado pelo id e nome do
produto. 
29/10/2018 Unicesumar - Ensino a Distância
5/6
ALTERNATIVAS
SELECT p.id, p.nome, SUM(m.quantidade) as soma_quantidade FROM produtos p INNER JOIN movimentos m ON
p.id = m.id_produto;
SELECT SUM(m.quantidade) as soma_quantidade FROM produtos p INNER JOIN movimentos m ON p.id =
m.id_produto;
SELECT p.id, p.nome, SUM(m.quantidade) as soma_quantidade FROM produtos p INNER JOIN movimentos m ON
p.id = m.id_produto GROUP BY p.id, p.nome;
SELECT p.id, p.nome, AVG(m.quantidade) as soma_quantidade FROM produtos p INNER JOIN movimentos m ON
p.id = m.id_produto GROUP BY p.id, p.nome;
SELECT p.id, p.nome, COUNT(m.quantidade) as soma_quantidade FROM produtos p INNER JOIN movimentos m ON
p.id = m.id_produto GROUP BY p.id, p.nome;
9ª QUESTÃO
O comando SELECT nos auxilia no retorno das informações inseridas no banco de dados, de maneira a
moldar a sua consulta atendendo à necessidade da empresa. Baseado nessa possibilidade, analise o
comando SQL abaixo e assinale a alternativa correta.
  
 SELECT *
 FROM FUNCIONARIO
 WHERE DT_DEMISSAO IS NOT NULL;
ALTERNATIVAS
Nesse comando, selecionaremos todos os funcionários que foram admitidos.
Nesse comando, selecionaremos todos os funcionários que foram demitidos.
Nesse comando, selecionaremos todos os funcionários