plano de ação pronto
15 pág.

plano de ação pronto


DisciplinaDidática27.084 materiais539.864 seguidores
Pré-visualização2 páginas
PLANO DE AÇÃO
	Tema: Rotina Pedagógica (Reunião)
	Local: Centro de Educação Infantil Brincando de Aprender
	Data de execução: 
	Tempo Previsto: 2 horas
	Público: Professores e equipe Pedagógica
	Responsáveis pela aplicação: Rozeli Alves de macedo
	JUSTIFICATIVA
	OBJETIVOS
	PROCEDIMENTOS
	AVALIAÇÃO
	REFERÊNCIAS
	
A Creche e Pré-Escola Cei Brincando de Aprender, cumprindo com sua missão de cuidar e educar junto à equipe gestora, concretiza o seu plano de ação pedagógica, por considerar que este permite traçar caminhos para a prática educativa, no qual podemos definir objetivos e propor meios para que estes possam ser atingidos, durante o ano letivo de 2018, prevendo o futuro e propondo soluções práticas para os problemas que, certamente, surgirão no decorrer do caminho. Vale ressaltar que este plano é flexível, podendo ser alterado de acordo com as necessidades reais da instituição e de toda clientela nela atendida.
 Somos conscientes d a grande responsabilidade do coordenador pedagógico no tocante às suas atribuições pedagógicas para a efetivação de uma ação dinamizadora, que possibilite a melhoria do processo de ensino-aprendizagem, visando à garantia do sucesso de todos os alunos. Para isso, dentre outras estratégias, desejaremos contar com um trabalho, pedagógico no qual, predomine a integração de toda a equipe gestora da Educação infantil- Creche e Pré-Escola Cei brincando de aprender.
	Acompanhar o processo de ensino-aprendizagem atuando junto ao corpo docente e discente, fornecendo subsídios com vistas à melhoria do processo educativo.
 Promover um clima escolar favorável à aprendizagem, visando um eficiente desempenho dos profissionais da educação em seu trabalho didático pedagógico e consequentemente uma eficiente aprendizagem escolar.
	 Reuniões para elaboração das atividades que nortearão a Semana Pedagógica;
· Participação ativa na Semana Pedagógica;
·Elaboração do planejamento quinzenal;
· Elaboração do planejamento anual;
·Elaboração do regimento escolar;
·Implementação da rotina pedagógica;
· Participação nas reuniões de pais e mestres;
 Orientação e acompanhamento sobre o preenchimento dos diários de classe e relatórios;
· Orientação aos professores em conjunto ou individual;
 Realização de palestra e oficinas com os pais dos alunos;
· Acompanhar o desempenho acadêmico dos alunos através, de registros orientando os docentes para a criação de atividades diferenciadas e direcionadas aos que tiverem desempenho insuficiente;
· Implementação de Projetos a serem trabalhados na escola;
· Acompanhamento e avaliação dos projetos;
· Incentivar e prover condições para viabilização de projetos de leitura, envolvendo contos infantis;
 Realização de formação continuada em serviço com os profissionais da educação;
·Atualização do Regimento Escolar;
· Realização de palestra e oficinas com os pais dos alunos;
 Acompanhamento da execução da rotina pedagógica diária.
	A avaliação consiste em acompanhar o trabalho progressivo e cooperativo entre os atores da Creche e Pré-Escola, Cei Brincando de Aprender de forma e progressiva, através de análise do presente plano de ação para verificar se os objetivos foram alcançados.
	BRASIL. Referencial Curricular Nacional para a Educação Infantil/ Ministério da Educação e do Desporto, Secretaria de Educação Fundamental, - Brasília: MEC/SEF, v. 3. 1998.
ALMEIDA, Laurinda Ramalho e PLACO, Vera Maria Nigro de Souza ( orgs.) O Coordenador pedagógico e o espaço de mudança. Edições Loyola, São Paulo, 2001.
	DESCRIÇÃO DOS PROCEDIMENTOS
	
A rotina pedagógica e compreendida como uma categoria pedagógica da educação infantil que opera como a estrutura básica organizadora da vida coletiva diária em um certo tipo de espaço social: creches ou pré -escolas, fornecendo a sequência das atividades diárias. Ou seja, fazem parte das rotinas todas aquelas atividades que são recorrentes ou reiterativas na vida cotidiana coletiva.
Para isso, a rotina na sua constituição, utiliza-se de elementos que possibilitam a sua manifestação, como o organização do ambiente, os usos do tempo, a seleção e a delimitação das atividades. Percebe-se também, a ação das rotinas como constituidoras de subjetividades, posto que através da rotina também trabalha-se a formação do eu da criança, modelando-a para exercer ações futuras de cidadania.
PLANO DE AÇÃO
	Tema: Leitura
	Local: Escola Municipal Eloi Lohmann
	Data de execução: 
	Tempo Previsto: 4h
	Público: Alunos e Professores
	Responsáveis pela aplicação: Rozeli Alves de Macedo
	JUSTIFICATIVA
	OBJETIVOS
	PROCEDIMENTOS
	AVALIAÇÃO
	REFERÊNCIAS
	Devido à grande dificuldade encontrada nas salas de 1º ao 5º ano no seu sentido de leitura e escrita
Desenvolver o projeto: Contadores Mirins no turno matutino e vespertino nas turmas do 1º ao 5º ano, através de leitura e escrita de diversos gêneros textuais e contação de leituras.
 Alunos desestimulados a lerem e escreverem, dificultando assim a compreensão. 
	
Induzir os alunos á analise e interpretação dos livros a uma contextualização critica de suas versões com as versões lidas através da história lida, contada e ensinada.
	Desenvolver junto com a criança e adolescente o interesse pela leitura e escrita a fim de promover experiências criativas práticas e interativas, incentivando o sucesso escolar, bem como proporcionar sua clientela a desenvolver o hábito pela leitura despertando assim leitores e escritores competentes.
	Seleção feita pelo professores de 1º ao 5º ano;
Seleção feita pela coordenação do projeto;
Reuniões para preparação do grupo escolhido.
Sessão de contação de história para as turmas do 1º ao 5º ano;
Roda de leitura;
	Será realizado através da observação dos resultados obtidos na aprendizagem em leitura escrita, nas atividades em grupo o empenho durante a execução das etapas do projeto
	https://jucienebertoldo.com/2013/03/07/modelos-de-planos-de-acao/
	DESCRIÇÃO DOS PROCEDIMENTOS
	
Promovendo estudos e palestras nas reuniões pedagógica Planejamento com os coordenadores de área e
professores; 
Atividades curriculares e projetos. Conscientizando os professores da real
necessidade da leitura.
PLANO DE AÇÃO
	Tema: Bullyng
	Local: Carlos Drummond de Andrade
	Data de execução: 
	Tempo Previsto: 8hs
	Público: Alunos do 6º ano
	Responsáveis pela aplicação: Rozeli Alves de Macedo
	JUSTIFICATIVA
	OBJETIVOS
	PROCEDIMENTOS
	AVALIAÇÃO
	REFERÊNCIAS
	O Colégio Carlos Drummond de Andrade mais uma vez vem cumprir com um dos seus principais objetivos com a educação e formação cultural dos seus alunos, quando prioriza como tema gerador para as atividades de 2018\u201cResponsabilidade social \u2013 Uma ação para mudar o mundo\u201d. Queremos com esta abordagem encaminhar o trabalho com os nossos alunos dentro de princípios de consciência moral e cidadania, para atuarem na sociedade como atores e não como meros espectadores. Partindo do princípio de que somos todos responsáveis pela mudança que queremos no mundo, e baseados na nossa proposta pedagógica é que escolhemos o \u201cBullying\u201d para ser trabalhado dentro da escola e fora dela, como uma questão social que vem abalando a sociedade, quando jovens se reúnem em lugares pré-determinados para agredir ou maltratar ameaçando e coagindo como forma de prazer.
	O objetivo geral do Projeto será a realização de uma brigada antibullying, na qual todos os alunos discutem estratégias de como evitar o problema na escola.
- Proporcionar o contato maior do aluno com o assunto, bem como incentivá-los a terem atitudes corretas e não violentas no trato e contato com o outro, fazendo-os ver que o BULLYING, ocorre muitas vezes de forma tão sutil, que quase