Aterros
6 pág.

Aterros

Disciplina:Projeto de Urbanismo73 materiais724 seguidores
Pré-visualização1 página
*
*

Aterros Sanitários
Toda a Região da Baixada Santista conta com apenas três aterros.
 Santos e Peruíbe são os únicos municípios da Baixada que possuem Aterros Sanitários, fora eles o Aterro Lara em Mauá também atende alguns municípios.
Aterro
Peruíbe
Aterro Lara
(Mauá)
Aterro Sitio das Neves (Santos)
Fonte: http://www.agem.sp.gov.br/midia/pmebs_mapas.pdf

*
*

Aterro Sítio das Neves (Santos)
Atendendo sete dos noves municípios da Baixada Santista e construído para substituir o antigo Depósito de Lixo (hoje usina de separação de materiais recicláveis) em Alemoa (Santos), o aterro Sítio das Neves com área total superior a 1milão de metros quadrados teve sua fase inicial concluída em 2002. A empresa responsável pela construção (Estre) justifica a escolha do local como uma área já degradada, pois antes o mesmo era usado por uma empresa de extração de pedra e areia, logo também serviu de canteiro de obras para a construção da Rodovia Cônego Domênico Rangoni no km72, com isso a Estre pronunciou-se estar “recuperando” o terreno com esse Aterro.
Em março de 2017 a (CETESB) Companhia Ambiental do Estado de São Paulo proibiu a ampliação do aterro, sendo assim o Sítio das Neves poderá receber lixo até junho de 2018. Essa decisão foi tomada por conta do terreno ficar próximo à base da Força Aérea Brasileira em Santos. A grande circulação de aves que procuram restos no local tem prejudicado as atividades da aeronáutica já que podem colidir com as aeronaves, assim causando graves acidentes. Outro motivo claro dessa decisão de não ampliar o aterro, seria o fato da necessidade de desmatar uma grande área, área essa próxima ao Parque Estadual da Serra do Mar (área de proteção ambiental).

Aterro Sítio das Neves (Santos) fonte: gazetasp.com.br

*
*

Aterro Peruíbe
Após grandes deslizamentos de lixo no antigo Aterro Anaconda de 300mil metros quadrados que funcionou de 2001 à 2012, a Cetesb autorizou o funcionamento do Aterro sanitário de Peruíbe substituindo o aterro Anaconda localizado no mesmo bairro em Santa Izabel no final do ano de 2014. O aterro poderia receber resíduos do local durante 30 meses, ou seja, até junho desse ano, enquanto isso a Cetesb analisa um novo aterro com vida útil de pelo menos 20 anos para substituí-lo.

*
*

Compensação Ambiental

Impacto Socioambiental
Empreendimentos que necessitam de uma grande estrutura para então instar-se numa determinada região acabam causando alguns tipos de impactos: como ambientais; interferem na vida dos moradores locais e nas proximidades.

EX:
Compensação Ambiental
Pagamento em dinheiro para compensar impactos significativos gerado por grandes empreendimentos.
Esse dinheiro é destinado as Unidades de Conservação da Natureza.
Plano de Compensação
Para que esses empreendimentos se instarem na região, alguns órgãos licenciadores como o IBAMA ou a CETESB calculam o tamanho do impacto para então estabelecer o valor a ser pago.
Em seguida as Câmaras e Comitês de Conservação Ambiental discutem o destino e distribuição desse dinheiro.
Pré-sal na Baixada Santista Fonte: jornaldaorla.com.br

*
*

Áreas de Compensação Ambiental - Itanhaém

*
*

Av. Major da Silva Prado - Guarujá Fonte: Google Maps
Rodovia Aerovaldo Almeida de Viana - Guarujá Fonte: Google Maps
Áreas de Compensação Ambiental - Guarujá
Rua Marginal – Guarujá Fonte: Google Maps