A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
45 pág.
Psicologia socialq

Pré-visualização | Página 5 de 14

Numa relação social vemos e ouvimos o que nos interessa e ignoramos o resto. A esta particularidade da percepção social damos o nome de:
		
	
	retenção seletiva.
	
	categorização.
	
	defesa da percepção.
	
	expectativa.
	 
	seletividade.
	
Explicação:
 A seletividade perceptiva é a seleção de estímulos sensoriais que serão processados cognitivamente, alguns estímulos são processados conscientemente enquanto outros são ignorados não sendo considerados no processamento das informações.
	
	
	Gabarito Coment.
	
	 
	
	 7a Questão
	
	
	
	
	Quando ouvimos uma pessoa falando de outra, acontece que algumas características, por serem mais centrais que outras, fazem com que nos atenhamos a elas e portanto existe a tendência de que as informações recebidas primeiramente exerçam maior representatividade do que as apresentadas posteriormente. Isto acontece:
		
	
	na atribuição de causalidade
	
	no comportamento social
	
	no erro fundamental de atribuição
	
	na compreensão da situação social
	 
	na percepção social
	
Explicação:
A percepção social é um processo de interpretação do comportamento das outras pessoas. Acontece em diferentes etapas:  Na primeira etapa, o comportamento do outro deve atingir nossos sentidos, e para que isto aconteça, eles devem estar funcionando corretamente; A segunda etapa acontece quando o comportamento do outro já atingiu nossos sentidos, a partir daí acontece a ação em relação aos nossos interesses.
	
	
	Gabarito Coment.
	
	
	Gabarito Coment.
	
	
	Gabarito Coment.
	
	 
	
	 8a Questão
	
	
	
	
	Os indivíduos ao prestarem atenção e selecionar, organizar, interpretar e recuperar as informações do ambiente ao redor deles e como acontece no ambiente social, identifica o processo da:
		
	
	identificação
	
	seleção
	
	interação
	
	informação
	 
	percepção
	A forma como percebemos, lembramos e julgamos os outros e a nós mesmos, depende dos nossos autoesquemas, ou seja, os modelos mentais que utilizamos para representar o que somos para nós mesmos. A isso denomina-se:
		
	
	Amor
	
	Percepção
	
	Reparação
	
	Culpa
	 
	Autoconceito
	
Explicação:
 O autoconceito é a ideia ou imagem que temos de nós mesmos. 
	
	
	Gabarito Coment.
	
	 
	
	 2a Questão
	
	
	
	
	À medida que os sistemas de significação e representação cultural se multiplicam, somos confrontados por uma multiplicidade desconcertante de identidades possíveis, com cada uma das quais poderíamos nos identificar ¿ ao menos temporariamente. (HALL, 2003). Estes autoesquemas afetam de forma significativa a maneira como processamos as informações sociais, uma vez que:
		
	
	o homem por essência, precisa do convívio social para então entender a si mesmo sem ter o poder de transformar o meio em que vive
	
	os conceitos de valores são interpretados igualmente, de acordo com a cultura que a pessoa está inserida e de sua identidade pessoal
	
	vivemos nossa expectativas em um contexto social no qual a imagem e a cultura dão significado à experiência que temos de nós mesmos
	 
	o autoconceito representa as crenças específicas pelas quais definimos quem somos.
	
	o sujeito tem uma identidade fixa, permanente e essencial
	
Explicação:
O autoconceito é a autoimagem de uma pessoa,ou seja, como ela se vê. São as crenças sobre seus próprios atributos e como a pessoa avalia essas qualidades.
	
	
	 
	
	 3a Questão
	
	
	
	
	O indivíduo formula juízos morais tendo como referência as regras do grupo social e as expectativas que este tem sobre ele. Neste caso ele refere-se:
		
	 
	Ao sistema de desenvolvimento da moralidade proposto por Kohlberg
	
	Ao sistema e a necessidade de realização do individuo
	
	Ás medidas de comportamento pró-social ou antissocial e com atitudes e escolhas políticas
	
	Ao desenvolvimento moral como uma mudança sem limites de um degrau para outro, ocasionada pelo tempo
	
	Á capacidade de compartilhar ideais, em justificar um ato que sirva aos objetivos para o grupo
	
Explicação:
Para Kholberg existem seis estágios  no desenvolvimento moral, dividido em três níveis. Ele estudou até o desabrochar pleno da maturidade e da vida moral. Kohlberg não dá muita importância ao comportamento moral externo. Por exemplo:  o comportamento externo poderá ser o mesmo, mas as razões, a moralidade interna, o nível de maturidade moral poderá ser diferente. Kolhberg baseia a sua classificação no nível de consciência que se tem das regras e normas, das suas razões e motivações, da consciência da sua utilidade e necessidade.
	
	
	Gabarito Coment.
	
	
	Gabarito Coment.
	
	 
	
	 4a Questão
	
	
	
	
	Maria é voluntária em uma ONG ¿ Organização Não Governamental e atua com crianças entre 06 e 10 anos de idade realizando trabalhos de arte. Essa é uma das atuações e ocupações de Maria, que também trabalha em uma empresa como gerente de marketing, é casada, mãe de dois filhos e escreve livros infantis. Isso significa que o trabalho na ONG é um de seus:
		
	
	Projetores de ressarcimento
	
	Facilitadores de introjeção
	 
	Papéis sociais
	
	Esquemas de autoconceito
	
	Fundamentos de caso
	
Explicação:
 
Os papeis sociais são formas de comportamento previamente estipuladas para os indivíduos de uma posição social específica.
	
	
	Gabarito Coment.
	
	 
	
	 5a Questão
	
	
	
	
	Uma mulher pode ser vendedora numa loja, mãe dos seus filhos, esposa do seu marido, escritora nos seus tempos livres e fã do Ricky Martin. Neste caso, a mulher desempenha:
		
	 
	diversos papéis sociais
	
	um cenário social
	
	um estatuto social
	
	uma ação social
	
	uma relação social
	
Explicação:
Os papeis sociais são formas de comportamento previamente estipuladas para os indivíduos de uma posição social específica. Estão associados a várias outras características específicas de um sujeito. 
	
	
	Gabarito Coment.
	
	
	Gabarito Coment.
	
	
	Gabarito Coment.
	
	 
	
	 6a Questão
	
	
	
	
	O autoconceito representa as crenças específicas pelas quais definimos quem somos. Representa nossos autoesquemas, ou seja, os modelos mentais que utilizamos para representar o que somos para nós mesmos. Isso significa que:
		
	
	O autoconceito está somente relacionado ao modo como lidamos com as questões financeiras e materiais.
	
	Os esquemas que formamos dependem exclusivamente das formas como nos dedicamos aos estudos no ensino médio.
	 
	A forma como percebemos, lembramos e julgamos os outros e a nós mesmos, depende desses autoesquemas.
	
	A saúde, os relacionamentos interpessoais e intrapessoais não tem qualquer relação com o autoconceito.
	
	Não é possível desenvolver um autoconceito positivo em uma sociedade que produz processos de inclusão e exclusão.
	
Explicação:
O autoconceito é a ideia ou imagem que temos de nós mesmos. Isso ocorre o nosso interior é formado e condicionado pelos vários papéis que desempenhamos, nossas metas e objetivos, nossa personalidade, nossa ideologia ou filosofia, etc. Por outro lado, esta ideia de nós mesmos é dinâmica, o que quer dizer que varia com o tempo, sendo sensível às mudanças.
	
	
	Gabarito Coment.
	
	 
	
	 7a Questão
	
	
	
	
	A socialização é um fenômeno sobre o qual é possível afirmar que:
		
	
	Equivale às oportunidades de colocar pessoas em contato, sendo definida pelo ¿estar com o grupo¿.
	 
	Nos transmite objetiva e exatamente a realidade tal como ela é e, por isso, nos ajusta à vida em sociedade.
	
	A socialização é sempre um preparo do indivíduo à

Crie agora seu perfil grátis para visualizar sem restrições.