A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
4 pág.
método adequado em resolução de conflitos..docx

Pré-visualização | Página 1 de 2

MÉTODOS ADEQUADOS EM RESOLUÇÃO DE CONFLITOS
	Avaliação Parcial: CCJ0189_SM_201807115992 V.1 
	Acertos: 4,0 de 10,0
	Data: 06/11/2018 22:43:14 (Finalizada)
	
	
	1a Questão (Ref.:201808040209)
	Acerto: 1,0  / 1,0
	A consolidação das formas alternativas de solução de conflitos é uma das dinâmicas que vêm sendo estabelecidas nos atuais sistemas de administração da justiça. A tendência moderna das legislações processuais é a
		
	
	discriminação entre os diferentes meios alternativos para solução de conflitos.
	 
	inclusão da previsão e do estabelecimento de meios alternativos para a solução de conflitos.
	
	avaliação e afastamento da justiça dos meios alternativos para a solução de conflitos.
	
	hierarquia no estabelecimento de meios alternativos de solução de conflitos.
	
	desvalorização do estabelecimento dos meios alternativos de resolução de conflitos.
	
	
	
	2a Questão (Ref.:201808040214)
	Acerto: 0,0  / 1,0
	A partir do Neoconstitucionalismo , ficou evidente que a previsão geral e abstrata do texto normativo não pode abranger a solução para todos os problemas jurídicos e ao intérprete da norma cabe
		
	
	o respeito ao legislador como o único criador do Direito, valorizando este papel e sempre escolhendo suas decisões a partir das normas pré-determinadas.
	 
	a realização da aplicação da norma jurídica, valorizando as normas rígidas, obedecendo ao que foi determinado pelo legislador e participando na criação do Direito.
	
	a desvalorização das normas abertas  e de soluções fora do ordenamento jurídico, estabelecendo uma hierarquia com o legislador, que tem seu papel valorizado neste momento.
	
	a participação junto com o legislador da criação do Direito, valorizando as normas fechadas  e realizando escolhas quanto as decisões possíveis nas jurisprudências.
	 
	o papel de valoração das normas abertas e de realização de escolhas entre soluções possíveis, completando o trabalho do legislador e participando na criação do Direito.
	
	
	
	3a Questão (Ref.:201808040220)
	Acerto: 1,0  / 1,0
	O crescimento dos métodos adequados de resolução de conflitos deve-se, principalmente, aos vários fatores citados abaixo, EXCETO:
		
	 
	não aceitação em relação a dogmática jurídica.
	
	maior tolerância à diversidade.
	
	aspirações em relação à participação democrática em todos os níveis sociais. 
	
	a crença de que o indivíduo tem o direito de participar e ter controle sobre as decisões que afetam a sua vida. 
	
	reconhecimento dos direitos humanos. 
	
	
	
	4a Questão (Ref.:201808040219)
	Acerto: 0,0  / 1,0
	No Brasil, a partir da Constituição de 1988, quando se redemocratizou o país, é que o Judiciário começou a ser demandado pela maioria da população brasileira. Surge, a partir deste momento
		
	
	a mediação e o tribunal multiportas.
	
	a desvalorização do Judiciário pela população.
	 
	o aparecimento dos métodos adequados de resolução de conflitos.
	 
	a judicialização das relações políticas e sociais.
	
	a obrigatoriedade de resolver as lides no Judiciário.
	
	
	
	5a Questão (Ref.:201808040223)
	Acerto: 0,0  / 1,0
	A equivocada leitura do acesso à Justiça implica considerar o Judiciário como o lugar natural  de qualquer controvérsia. Em decorrência disso, vamos encontrar várias consequências, EXCETO:
		
	
	incentivo à litigiosidade.
	
	impossibilidade de se prestar justiça rápida.
	
	geração  e alimentação de uma perpétua crise numérica no Judiciário.
	 
	deslegitimação do poder Judiciário.
	 
	credibilidade nas funções jurisdicionais.
	
	
	
	6a Questão (Ref.:201808040226)
	Acerto: 1,0  / 1,0
	Marque a resposta correta:
Com a utilização crescente dos métodos adequados de resolução de conflitos como forma de se resolver litígios, estamos passando, gradativamente, 
		
	 
	da cultura do processo judicial para o novo paradigma do consenso e do acordo.
	
	da cultura do acordo para o paradigma adversarial.
	
	da cultura da negociação para a cultura da jurisdição.
	
	da cultura do litígio para a cultura da decisão judicial.
	
	da cultura do consenso para o paradigma do conflito.
	
	
	
	7a Questão (Ref.:201808040227)
	Acerto: 1,0  / 1,0
	O poder judiciário nacional vive um momento de intensa litigiosidade que traz como consequência a carência de estrutura e deficiência na prestação jurisdicional. A litigiosidade de massa, inúmeras ações repetitivas, excesso de recursos e execuções morosas e ineficazes são razões para levar os estudiosos do Direito a pensar numa forma de filtrar os conflitos que são trazidos ao Poder Judiciário. Uma delas seria 
		
	
	apenas os casos de direito do consumidor, que demandam provas e debates , seriam tratados a partir do procedimento legal, os demais casos seriam resolvidos pelos métodos adequados de resolução de conflitos.
	
	apenas os casos mais simples que não demandam produção de provas deveriam seguir os procedimento legal, os demais casos complexos seriam resolvidos pelos métodos adequados de resolução de conflitos.
	 
	apenas os casos mais complexos que demandam produção de provas e debates jurídicos deveriam seguir o procedimento legal, os demais (maioria), podem ser resolvidos através dos chamados métodos alternativos de solução de conflitos.
	
	apenas os casos de direito penal, que demandam provas e debates jurídicos seriam tratados a partir do procedimento legal, os demais casos seriam resolvidos pelos métodos adequados de resolução de conflitos.
	
	apenas os casos de direito de família, que não demandam provas e debates jurídicos, seriam tratados pelos métodos adequados de resolução de conflitos, os demais casos seriam resolvidos através do procedimento legal.
	
	
	
	8a Questão (Ref.:201808040228)
	Acerto: 0,0  / 1,0
	Até a edição da Resolução nº. 125 de 29 de novembro de 2010, do Conselho Nacional de Justiça (CNJ) não havia norma de observância obrigatória por todo o Poder Judiciário Nacional para estabelecer de forma organizada e padronizada a chamada ¿Política Judiciária Nacional de tratamento adequado dos conflitos de interesses¿. A partir do surgimento da Resolução 125, em seu artigo 1º. está estabelecido como seu objetivo principal
		
	
	assegurar a todos o direito à solução dos conflitos por meios adequados à sua natureza e peculiaridade cabendo aos órgãos judiciários não oferecer outros mecanismos de soluções de controvérsias.
	
	assegurar ao empresariado a solução dos conflitos por meios adequados à sua natureza e peculiaridade cabendo aos órgãos judiciários não oferecer outros mecanismos de soluções de controvérsias.
	
	assegurar apenas aos mais carentes o direito à solução dos conflitos por meios adequados à sua natureza e peculiaridade cabendo aos órgãos judiciários oferecer outros mecanismos de soluções de controvérsias.
	 
	assegurar a todos o direito à solução dos conflitos por meios adequados à sua natureza e peculiaridade cabendo aos órgãos judiciários oferecer outros mecanismos de soluções de controvérsias.
	 
	assegurar a todas as famílias a solução dos conflitos por meios adequados à sua natureza e peculiaridade cabendo aos órgãos judiciários não oferecer outros mecanismos de soluções de controvérsias.
	
	
	
	9a Questão (Ref.:201808039932)
	Acerto: 0,0  / 1,0
	A respeito de um processo de negociação, recomenda-se que, se necessário, o negociador esteja aberto para aceitar ajuda de uma terceira parte porque
		
	
	numa negociação há um processo de barganha onde os mediadores, árbitros e conciliadores escutam ambos os lados da disputa e depois impõem uma solução.
	 
	numa negociação se busca a divisão de uma quantidade de recursos, o que tende a levar a uma situação de perda e

Crie agora seu perfil grátis para visualizar sem restrições.