A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
6 pág.
ANÁLISE DAS DEMONSTRAÇÕES FINANCEIRAS v1

Pré-visualização | Página 2 de 2

Vertical            
	
	
	
	6a Questão (Ref.:201608015884)
	Acerto: 0,0  / 1,0
	Marque quais contas do Balanço patrimonial compõem o chamado disponível?
		
	
	Caixa +bancos+clientes.
	
	Caixa +bancos+estoques.
	
	Caixa +clientes+aplicações financeiras de longo prazo.
	 
	Caixa +Estoque+Clientes.
	 
	Caixa +bancos+aplicações financeiras de curto prazo
	
	
	
	7a Questão (Ref.:201605875563)
	Acerto: 0,0  / 1,0
	A análise das demonstrações financeiras da empresa JK indicou que o quociente de participação de terceiros sobre os recursos totais é de 0,7 e que a composição do endividamento é 55%. Se o ativo total da empresa é de R$ 800.000,00, o seu passivo não circulante (exigível a longo prazo) é, em reais
		
	
	320.000,00
	 
	252.000,00
	
	560.000,00
	
	308.000,00
	 
	440.000,00
	
	
	
	8a Questão (Ref.:201606199252)
	Acerto: 0,0  / 1,0
	Indica quanto da dívida total da empresa deverá ser pago a Curto Prazo, isto é, as Obrigações a Curto Prazo comparadas com as obrigações totais.
		
	
	Composição da liquidez
	 
	Composição do endividamento
	
	Composição da amortização
	
	Composição do rentabilidade do patrimônio liquido
	 
	Composição da rentabilidade
	
	
	
	9a Questão (Ref.:201605940987)
	Acerto: 1,0  / 1,0
	Considerando-se que o grau de liquidez corrente da Cia. Beta, obtido em 2003, foi igual a 1,3, pode-se afirmar que para cada:
		
	
	R$ 100,00 de Ativo Total, a empresa deve R$ 130,00.
	
	R$ 130,00 de Ativo Circulante, a empresa deve R$100,00.
	
	R$ 100,00 de Ativo Circulante, o Passivo Circulante é de R$ 130,00.
	 
	R$ 130,00 de Ativo Circulante, o Passivo Circulante é de R$ 100,00.
	
	R$ 130,00 de disponibilidade, a empresa deve R$100,00.
	
	
	
	10a Questão (Ref.:201605900849)
	Acerto: 0,0  / 1,0
	(ENADE, 2012) A liquidez de uma empresa é medida pela capacidade de satisfazer suas obrigações de curto prazo no vencimento. A liquidez refere-se à solvência da posição financeira geral da empresa, ou seja, a facilidade de pagar suas contas. As duas medidas básicas de liquidez são o índice de liquidez corrente e o índice seco de liquidez, também chamado de quociente ácido. (GITMAN, L. J.; MADURA, J. 2003, p. 194-195) Para uma empresa que tem R$ 2 000,00 em ativo circulante, R$ 100,00 em estoques e passivo circulante de R$ 1 000,00, o índice seco é de:
		
	
	2,1
	 
	1,8
	
	2,2
	
	2,0
	 
	1,9