A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
10 pág.
Atualidades e Temas Emergentes  Avaliação   Módulo 2

Pré-visualização | Página 1 de 3

09/11/2018 AVALIAÇÃO (Módulo 2)
http://laureate.supere-se.net/mod/book/view.php?id=898&chapterid=1107 1/10
Questão 1
Correto
Atingiu 1,00 de
1,00
Iniciado em sexta, 9 Nov 2018, 12:48
Estado Finalizada
Concluída em sexta, 9 Nov 2018, 13:15
Tempo
empregado
26 minutos 53 segundos
Avaliar 9,00 de um máximo de 10,00(90%)
“Os bairros da Chapada, Dom Pedro e Alvorada, na Zona Centro-Oeste, são 'ilhas de
calor' na cidade, por terem uma temperatura maior que a de regiões próximas.
Nessas áreas de Manaus a temperatura chega a até oito graus acima das demais,
revela o estudo denominado 'Ilhas de calor e saúde em Manaus: abordagem com
geoprocessamento', feito pelo doutor em Etnobiologia e Biogeografia, Sylvain
Desmoulière, da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) da Amazônia. […]” (OSSAME, A.
C. Bairros da Zona Centro-Oeste são ‘ilhas de calor’ em Manaus. A Crítica –
Manaus.). 
 
Disponível em: http://exercicios.mundoeducacao.bol.uol.com.br/exercicios-
geografia/exercicios-sobre-problemas-urbanos.htm#questao-1820 (adaptado) 
 
Assinale a alternativa que indica os fatores potencialmente responsáveis pela
existência das “ilhas de calor” nas grandes cidades:
Escolha uma:
a. Crise hídrica e carência de ventos.
b. Excesso de arborização e sistema de refrigeração inadequado.
c. Remoção da mata ciliar e poluição sistemática da rede fluvial.
d. Remoção da mata nativa, impermeabilização do solo (asfalto e
concreto), concentração de edifícios. 
Sua resposta está correta.
Remoção da mata nativa e a falta da arborização, impermeabilização do solo (asfalto
e concreto), concentração de edifícios. 
 
Este fenômeno envolve a ação humana, que contribui para o aumento do calor,
decorrente da retirada da vegetação urbana, impermeabilização do solo e diminuição
da circulação do ar, em função da verticalização (construção indiscriminada de
prédios).
09/11/2018 AVALIAÇÃO (Módulo 2)
http://laureate.supere-se.net/mod/book/view.php?id=898&chapterid=1107 2/10
Questão 2
Correto
Atingiu 1,00 de
1,00
“Constantes transformações ocorreram nos meios rural e urbano, partir do século
XX. Com o advento da industrialização, houve mudanças importantes no modo de
vida das pessoas, em seus padrões culturais, valores e tradições. O conjunto de
acontecimentos provocou, tanto na zona urbana quanto na rural, problemas como
explosão demográfica, prejuízo nas atividades agrícolas e violência. Iniciaram-se
inúmeras transformações na natureza, criando-se técnicas para objetos até então
sem utilidade para o homem. Isso só foi possível em decorrência dos recursos
naturais existentes, que propiciaram estrutura de crescimento e busca de
prosperidade, o que faz da experimentação um método de transformar os recursos
em benefício próprio” (Santos, Milton. Metamorfoses do espaço habitado. São Paulo:
Hucitec, 1988). 
 
Disponível em: http://bancodasrespostas.blogspot.com.br/2015/08/ (adaptado) 
 
A partir das ideias expressas no texto acima, conclui-se que, no Brasil do século XX:
Escolha uma:
a. A grande massa de migrantes na realidade, foi em direção a região
norte, esse período foi o apogeu do ciclo da borracha.
b. A industrialização ocorreu independentemente do êxodo rural e dos
recursos naturais disponíveis.
c. Os migrantes chegaram às grandes cidades trazendo consigo valores e
tradições, que lhes possibilitam manter inalterada sua cultura.
d. Poucas mudanças ocorreram na prática em relação ao século XIX.
e. Surgiram novas tecnologias aplicadas à indústria e produção agrícola,
mudando o panorama urbano e também rural. 
Sua resposta está correta.
Surgiram novas tecnologias aplicadas a indústria e produção agrícola, mudando o
panorama urbano e também rural. 
 
A paisagem do campo e da cidade foram profundamente modificadas, dinamizando a
exploração dos recursos naturais. Acarretou também mudanças nos padrões
culturais, decorrentes do processo migratório.
09/11/2018 AVALIAÇÃO (Módulo 2)
http://laureate.supere-se.net/mod/book/view.php?id=898&chapterid=1107 3/10
Questão 3
Incorreto
Atingiu 0,00 de
1,00
A imigração de italianos (desde o final do século XIX) e a de japoneses (desde o
início do século XX), no Brasil, estão relacionados a:
Escolha uma:
a. Interesses geopolíticos do governo brasileiro e às crises institucionais
pelas quais passavam a Itália e o Japão. 
b. Uma política adotada no Brasil, de atração de força de trabalho para a
agricultura e às transformações econômicas provocadas pelo processo de
expansão do capital na Itália e no Japão.
c. “Um exemplo de migração foi aquele devido às secas que assolaram o
Nordeste brasileiro na década de 1960, que fizeram com que milhares de
pessoas abandonassem suas casas no sertão brasileiro por falta de
alternativa agrícola e políticas sociais na região. Outro exemplo histórico foi
a migração de nordestinos para a região Norte do Brasil no fim do século
XIX. Isto se deu por dois motivos: o início do Ciclo da Borracha e a grande
seca que assolou a região Nordeste. Destaca-se também a movimentação
de imigrantes nordestinos e sulistas em busca de uma vida melhor na
Região Sudeste do País, único polo industrial brasileiro na década de
1970”. 
 
Disponível em:
http://tudodeconcursosevestibulares.blogspot.com.br/2013/02/tipos-de-
migracao-resumo.html (adaptado) 
 
Na verdade, o maior fluxo migratório para o Brasil neste período tinha
origem nos países bálticos.
d. A migração proveniente destes dois países foi totalmente espontânea.
e. Uma política nacional de fomento demográfico e a um acordo com a
Itália e o Japão para exportação de matérias-primas.
Sua resposta está incorreta.
Uma política adotada no Brasil, de atração de força de trabalho para a agricultura e
às transformações econômicas provocadas pelo processo de expansão do capital na
Itália e no Japão. 
 
O capitalismo tardio na Itália e no Japão gerou altas taxas de desemprego. Como
havia uma demanda por força de trabalho no Brasil, na cultura cafeeira, nosso país
se tornou um grande polo de atração de imigrantes com origem nestes países.
09/11/2018 AVALIAÇÃO (Módulo 2)
http://laureate.supere-se.net/mod/book/view.php?id=898&chapterid=1107 4/10
Questão 4
Correto
Atingiu 1,00 de
1,00
“O Programa Garantia-Safra (GS) é um seguro de produção que garante renda para
as famílias agricultoras pobres, com renda familiar mensal de até 1,5 (um e meio
salário mínimo). O Programa é voltado para a agricultura familiar localizada
majoritariamente na região Semiárida ― que sofrem perda das safras de milho,
feijão, algodão, mandioca e arroz por motivo de seca ou excesso de chuvas. Muitas
famílias do Garantia-Safra estão em situação de extrema pobreza e ao aderirem a
essa política pública passam a contar com um importante instrumento de garantia de
renda capaz de compensar as perdas de produção nos períodos de forte estiagem”. 
 
Disponível em: http://www.mda.gov.br/bsm_no_campo/#example2 (adaptado) 
 
A Secretaria Especial de Agricultura Familiar e Desenvolvimento Agrário, implementa
ações de estruturação produtiva, acesso ao crédito, seguro à produção e amparo ao
pequeno produtor. Neste sentido o Programa Garantia de Safra:
Escolha uma:
a. Garante a subsistência deste trabalhador rural, frente a condições
climáticas adversas que cause a perda da produção. 
b. Uma linha de financiamento especial visando o aumento da produção.
c. Consiste em uma estratégia governamental para estimular o
agronegócio.
d. Uma linha de financiamento de alto custo a partir de recursos privados.
e. Integra um programa de mecanização da produção agrícola e
financiamento de insumos.
Sua resposta está correta.
Garante a subsistência deste trabalhador rural, frente a condições climáticas
adversas que acarrete na perda da produção. 
 
Uma das funções desta Secretaria é exatamente amparar o trabalhador da
agricultura familiar, o Programa Garantia

Crie agora seu perfil grátis para visualizar sem restrições.