AvaliandoAprendizado Simulado2 TGP Divulgação
4 pág.

AvaliandoAprendizado Simulado2 TGP Divulgação


DisciplinaTeoria Geral do Processo15.834 materiais295.975 seguidores
Pré-visualização2 páginas
1a Questão (Ref.:201806105733) Pontos: 0,1 / 0,1 
No tocante aos princípios aplicáveis ao processo civil brasileiro, é correto afirmar 
 
 
Caso tenha sido realizada a citação do réu durante as férias forenses, o prazo para 
contestar a ação começará a correr imediatamente. 
 
Os atos praticados pelo juiz que tenham conteúdo decisório não precisam ser 
fundamentados; 
 
O princípio do duplo grau de jurisdição determina que o processo chegue ao fim almejado 
dentro de curto espaço de tempo. 
 Os atos processuais são públicos, a fim de se garantir a transparência da atividade 
jurisdicional do Estado, mas é possível que a lei regulamente situações em que o direito à 
intimidade exija o sigilo; 
 
Para toda causa existe um juiz natural, mas é possível a criação de tribunais de exceção, 
diante de situações ou circunstâncias fáticas não previstas em lei; 
 
 
 
2a Questão (Ref.:201806106356) Pontos: 0,1 / 0,1 
1) No tocante às normas processuais civis, examine os enunciados seguintes: I. Quanto ao seu 
grau de obrigatoriedade, pode-se afirmar que o direito processual civil é composto, em regra, por 
regras cogentes, imperativas ou de ordem pública, que não podem ter sua incidência afastada 
pela vontade das partes. II. No que tange ao direito intertemporal, normalmente são aplicáveis 
as normas processuais que estão em vigor no momento da prática dos atos no processo, não as 
que vigoravam na época em que se passaram os fatos da causa. III. A norma processual brasileira 
será aplicável em todo território nacional e no território estrangeiro desde que o fato que originou 
o processo tenha ocorrido no Brasil. É correto o que se afirma APENAS em 
 
 
II e III 
 
apenas I 
 
I e III 
 
Todas estão corretas 
 I e II 
 
 
 
3a Questão (Ref.:201806106110) Pontos: 0,1 / 0,1 
( DPE-RO/2015/ Técnico da Defensoria Publica - Oficial de Diligência) O princípio constitucional 
do juiz natural identifica o juiz competente para o julgamento da causa com base em regras 
estabelecidas previamente à ocorrência do fato em questão. Esse princípio garante a 
imparcialidade da própria pessoa do juiz. Nesse sentido, o nosso ordenamento jurídico: 
 
 
proíbe que se ajuíze novamente uma mesma demanda quando a primeira foi extinta por 
carência de ação; 
 
proíbe a criação de varas especializadas nas comarcas; 
 
admite que se escolha o juízo da causa por foro de eleição; 
 
admite que os juízes sejam substituídos, de ofício, pelo Presidente do Tribunal para 
julgar as demandas, em casos de repercussão nacional. 
 proíbe a instituição de juízo ou tribunal de exceção; 
 
 
 
4a Questão (Ref.:201806106057) Pontos: 0,1 / 0,1 
Sobre os princípios aplicáveis ao Direito Processual Civil, analise as proposições a seguir. I. É 
vedada a adoção, pelo juiz, da técnica de fundamentação per relationem, por não restar atendida, 
nessa hipótese, a exigência constitucional de motivação das decisões. II. O princípio da 
eventualidade, contrário à regra da preclusão, possibilita às partes o mais amplo exercício das 
faculdades processuais em todas as fases do procedimento. III. A inobservância, pelo juiz, do 
princípio da adstrição, tem o condão de gerar ofensa aos princípios constitucionais do 
contraditório e da ampla defesa. IV. A legislação brasileira contempla situações em que o juiz 
está autorizado a agir de ofício, mitigando-se, nessas hipóteses, o princípio dispositivo. Estão 
CORRETAS as proposições: 
 
 
d) I e III apenas. 
 
e ) da prevenção 
 
b) II, III e IV apenas. 
 
a) I e II apenas. 
 c) III e IV apenas. 
 
 
 
5a Questão (Ref.:201806105907) Pontos: 0,1 / 0,1 
Sobre jurisdição, ação, legislação e procedimentos, indique a assertiva verdadeira: 
 
 a legislação sobre processo civil é da competência da União; 
 
a comprovação, de plano, da titularidade do direito de ação e do direito material são 
essenciais para a propositura correta da ação; 
 
os procedimentos são estabelecidos pela lei dos municípios e dos estados da federação. 
 
jurisdição, de regra, não é inerte; 
 
causa madura 
 
Verificado 
 
 
No tocante aos princípios aplicáveis ao processo civil brasileiro, é correto afirmar 
 
 
 
Caso tenha sido realizada a citação do réu durante as férias forenses, o prazo para 
contestar a ação começará a correr imediatamente. 
 
 
Os atos praticados pelo juiz que tenham conteúdo decisório não precisam ser 
fundamentados; 
 
 
O princípio do duplo grau de jurisdição determina que o processo chegue ao fim 
almejado dentro de curto espaço de tempo. 
 
 
Os atos processuais são públicos, a fim de se garantir a transparência da atividade 
jurisdicional do Estado, mas é possível que a lei regulamente situações em que o 
direito à intimidade exija o sigilo; 
 
 
Para toda causa existe um juiz natural, mas é possível a criação de tribunais de 
exceção, diante de situações ou circunstâncias fáticas não previstas em lei; 
 
 
 
Quest.: 2 
 
2. 
 
Verificado 
No tocante às normas processuais civis, examine os enunciados seguintes: 
 
I. Quanto ao seu grau de obrigatoriedade, pode-se afirmar que o direito 
processual civil é composto, em regra, por regras cogentes, imperativas ou 
de ordem pública, que não podem ter sua incidência afastada pela vontade 
das partes. (v) 
II. No que tange ao direito intertemporal, normalmente são aplicáveis as normas 
processuais que estão em vigor no momento da prática dos atos no processo, 
não as que vigoravam na época em que se passaram os fatos da causa. 
 
III. A norma processual brasileira será aplicável em todo território nacional e no 
território estrangeiro desde que o fato que originou o processo tenha ocorrido 
no Brasil. 
 
É correto o que se afirma APENAS em 
 
 
II e III 
 
 
apenas I 
 
 
I e III 
 
 
Todas estão corretas 
 
 
I e II 
 
 
 
Quest.: 3 
 
3. 
 
 
Verificado (DPE-RO/2015/ Técnico da Defensoria Publica - Oficial de Diligência) O 
princípio constitucional do juiz natural identifica o juiz competente para o julgamento da 
causa com base em regras estabelecidas previamente à ocorrência do fato em questão. 
Esse princípio garante a imparcialidade da própria pessoa do juiz. 
Nesse sentido, o nosso ordenamento jurídico: 
 
 
proíbe que se ajuíze novamente uma mesma demanda quando a primeira foi extinta 
por carência de ação; 
 
 
proíbe a criação de varas especializadas nas comarcas; 
 
 
admite que se escolha o juízo da causa por foro de eleição; 
 
 
admite que os juízes sejam substituídos, de ofício, pelo Presidente do Tribunal para 
julgar as demandas, em casos de repercussão nacional. 
 
 
proíbe a instituição de juízo ou tribunal de exceção; 
 
 
 
Quest.: 4 
 
4. 
 
 
Verificado Sobre os princípios aplicáveis ao Direito Processual Civil, analise as 
proposições a seguir. 
 
I. É vedada a adoção, pelo juiz, da técnica de fundamentação per relationem, 
por não restar atendida, nessa hipótese, a exigência constitucional de 
motivação das decisões. 
II. O princípio da eventualidade, contrário à regra da preclusão, 
possibilita às partes o mais amplo exercício das faculdades 
processuais em todas as fases do procedimento. (Processo IVS) 
III. A inobservância, pelo juiz, do princípio da adstrição, tem o condão de gerar 
ofensa aos princípios constitucionais do contraditório e da ampla defesa. 
IV. A legislação brasileira contempla situações em que o juiz está autorizado a 
agir de ofício, mitigando-se, nessas hipóteses, o princípio dispositivo. 
Estão CORRETAS as proposições: 
 
 
d) I e III apenas. 
 
 
e ) da prevenção 
 
 
b) II, III e IV apenas. 
 
 
a) I e