A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
6 pág.
Lista 2   Revisão Unidades de Medidas e Concentração de Soluções

Pré-visualização | Página 1 de 2

UNIVERSIDADE FEDERAL DA FRONTEIRA SUL – UFFS 
DISCIPLINA: Química Analítica 
PROFESSOR: Arlindo Cristiano Felippe 
EXERCÍCIOS: Revisão - Unidades de Medidas e Concentração de Soluções 
 
 
1) Determine o número de moléculas de água em 1,0 kg do composto. 
 
2) Determine o número de mols presentes em 2,00 g de ácido benzóico (122,1 g mol1). Expresse o 
resultado em mols e milimols. 
 
3) Quantos gramas de Na+ estão contidos em 25,0 g de Na2SO4? 
 
4) Calcule a concentração molar de NaCl em uma solução preparada pela adição de 0,423 mol de 
NaCl com suficiente quantidade de água para preparar 0,479 L de solução. 
 
5) Para adoçar uma limonada, dissolveu-se 10,0 g de açúcar de cana em água até completar 200 mL 
de solução. O açúcar da cana é a sacarose, C12H22O11. Qual é a molaridade das moléculas de sacarose 
na solução? 
 
6) Um químico que estuda as propriedades de emulsões fotográficas precisa preparar 500 mL de uma 
solução 0,179 M de AgNO3. Que massa de nitrato de prata precisa ser colocada em um balão 
volumétrico de 500 mL, dissolvida e diluída com água até a marca? 
 
7) Um químico preparou uma solução dissolvendo 2,345 g de NaNO3, em água suficiente para 
preparar 200 mL de solução. Que concentração molar de nitrato de sódio deveria ser escrita no rótulo 
do frasco onde esta solução foi armazenada? 
 
8) Calcule a concentração molar de etanol em uma solução aquosa que contém 2,30 g de C2H5OH em 
3,50 L de solução. 
 
9) 10,0 g de ácido ascórbico (vitamina C, H2C6H6O6) são dissolvidos em água suficiente para preparar 
125 mL de solução. Qual é a concentração molar deste componente na solução? 
 
10) Quantos gramas de nitrato de sódio, NaNO3, precisam ser usados para preparar 500 mL de uma 
solução 0,100 mol L1? 
 
11) Se 28,6 g de sacarose (açúcar de cana, C12H22O11) forem dissolvidos em 101,4 g de água, 
determine: 
a) Qual é a fração molar da sacarose na solução? 
b) Qual é a percentagem molar da sacarose e da água na solução? 
c) Qual é a concentração molar da sacarose na solução? Considere a densidade da solução igual a 
1,09 g mL1. 
d) Qual é a molalidade da sacarose na solução? 
e) Qual é a percentagem em massa da sacarose na solução? 
 
12) 10,6 g de cloreto de amônio estão dissolvidos em 152,4 g de água. Se a densidade da solução é 
1,02 g mL1, qual é a concentração molar de NH4Cl? 
 
13) 50,0 mL de uma solução aquosa de nitrato de potássio, KNO3, 0,134 mol L
1 é diluída pela adição 
de uma quantidade de água suficiente para aumentar seu volume para 225 mL. Qual é a nova 
concentração molar? 
 
14) 50,0 cm3 de uma solução aquosa de sulfito de sódio, Na2SO3, 0,6219 mol L
1 é diluída com água 
até um volume final de 80,00 mL. Qual é a concentração final? 
 
15) 40,0 mL de NaCl 0,150 mol L1 e 65,0 mL de NaCl 0,190 mol L1 são misturados. Se o volume 
final é 105,0 mL, qual é a concentração molar do NaCl na solução final? 
 
16) Calcule a molalidade do soluto em cada uma das seguintes soluções: 
a) 3,00 g de metanol, CH3OH, dissolvidos em 1,00 kg de água. 
b) 3,00 g de CH3OH, dissolvidos em 1,00 kg de tetracloreto de carbono, CCl4. 
 
17) Calcule a fração molar do benzeno, C6H6 , em cada uma das seguintes soluções: 
a) 6,00 g C6H6 + 6,00 g CCl4. 
b) 6,00 g C6H6 + 6,00 g CCl4 + 6,00 g CS2. 
 
18) Uma quantidade de etanol, C2H5OH, com uma massa de 54,6 g é misturada com 75,4 g de água 
para formar uma solução tendo uma densidade de 0,931 g mL1. Calcule: 
a) A percentagem em massa do etanol na solução. 
b) A fração molar do etanol na solução. 
c) A molalidade do etanol na solução. 
d) A concentração molar do etanol na solução. 
 
19) Precisamos preparar 250 mL de uma solução 1,50 X 103 M de NaOH(aq) a partir de uma solução 
estoque de concentração 0,038 M. Que volume de solução estoque devemos usar? 
 
20) Um frasco comercial de ácido bromídrico apresenta os seguintes dados a uma temperatura de 
25oC: {48,0 %, 1,49 g mL1, 80,92 g mol1}. Qual o volume da solução de HBr comercial deve ser 
pipetado para preparar 750 mL de uma solução diluída do mesmo com concentração igual a 0,350 
mol L1? 
 
21) Qual o volume de ácido clorídrico concentrado, 38,0 % (m/m) com densidade de 1,19 g mL1, são 
requeridos para preparar 1,00 L de uma solução 0,100 mol L1? 
 
22) Calcule a concentração molar de HNO3 em uma solução de densidade 1,42 g mL
1 e é 70 % HNO3 
(m/m). 
 
23) Explique como você prepararia 1,00 L de uma solução 0,010 mol L1 de KMnO4(aq) a partir de: 
a) KMnO4 sólido. 
b) KMnO4(aq), 0,050 mol L
1. 
 
24) Descreva a preparação de 2,00 L de solução de BaCl2 0,108 mol L
1 a partir de BaCl2.2H2O (244,3 
g mol1). 
 
25) Descreva a preparação de 100 mL de solução de HCl 6,0 mol L1 a partir de uma solução 
concentrada que tem densidade de 1,18 g mL1 e é 37 % (m/m) em HCl. 
 
26) A concentração de Cl de uma amostra de urina é 150 mmol L1. Expressar a concentração em mg 
dL1 de NaCl? 
 
27) Converta os valores abaixo: 
a) 45 g em kg 
b) 27 g em µg 
c) 33,5 kg em mg 
d) 50 μL em mL 
e) 500 mL em μL 
f) 150 mg L1 em g μL1 
g) 55,6 μg dL1 em g L1 
h) 0,00024 kg mL1 em g dL1 
i) 0,000033 μg L1 em g L1 
28) Uma solução de 250 mL, contém 6,0 micromol de Na2SO4. Qual a concentração do íon sódio e 
do íon sulfato em ppm? 
 
29) Calcule as concentrações em mol por litro das seguintes soluções 1,0 ppm de: (a) HCl, (b) 
Al2(SO4)3, (c) CO2. 
 
30) Deseja-se preparar um litro de solução 1,0 ppm de Fe2+. Quantos gramas de sulfato ferroso 
amoniacal, FeSO4.(NH4)2SO4.6H2O, devem ser dissolvidos e diluídos para um litro? Expresse a 
concentração desta solução em mol por litro. 
 
31) Na análise de cromo em 0,456 g de uma amostra de minério encontrou-se 0,560 mg de Cr2O3. 
Expresse a concentração de Cr2O3 na amostra em: (a) % (m/m); (b) ppm. 
 
32) Em uma amostra de água de rio, encontrou-se 183 ppm de cálcio. Calcule: (a) a quantidade de 
cálcio em miligramas por 100 mL de água; (b) % Ca (m/v). 
 
33) Uma amostra de 500 mL de efluente de uma indústria química contém 26,1 μg de mercúrio. 
Sabendo-se que a densidade do efluente é de 1,073 g mL1, calcule a concentração de mercúrio nas 
seguintes unidades: (a) porcentagem em massa; (b) ppm (mg/kg); (c) ppb (μg/kg). 
 
34) Quantos gramas de NaCl devem ser pesados para preparar 1,0 L de uma solução 100 ppm de: (a) 
Na+, (b) Cl? 
 
35) A padronização internacional estabelece que a água potável não pode conter mais de 5,0 x 104 mg 
de mercúrio (Hg) por grama de água. Essa quantidade máxima permitida de Hg expressa em ppm é 
igual a: 
a) 0,05 
b) 5,0 
c) 5,0 x 106 
d) 0,5 
e) 50 
 
36) A carência de iodo na alimentação e na água produz bócio. A legislação exige que cada 
quilograma de sal comercializado contenha 0,01 ppm de iodeto, I, geralmente na forma de NaI. 
Indique a concentração de iodeto de sódio, em gramas de NaI/tonelada de sal, que deve ser utilizada 
para que a quantidade de iodo no sal esteja de acordo com a legislação. 
Dadas as massas molares em g mol1: NaI = 150; Na = 23; i = 127. 
a) 0,012 
b) 150 
c) 12 
d) 127 
e) 0,12 
 
37) A contaminação de águas e solos por metais pesados tem recebido grande atenção dos 
ambientalistas, devido à toxicidade desses metais ao meio aquático, às plantas, aos animais e à vida 
humana. Dentre os metais pesados há o chumbo, que é um elemento relativamente abundante na 
crosta terrestre, tendo uma concentração ao redor de 20 ppm (partes por milhão). Uma amostra de 
100 g da crosta terrestre contém um valor médio, em mg de chumbo, igual a: 
a) 20 
b) 10 
c) 5 
d) 2 
e) 1 
 
38) No