A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
11 pág.
elaborando_Projeto arquitetonico_eng

Pré-visualização | Página 1 de 2

1
Elaboração do projeto arquitetônico,
Projeto arquitetônico
dacoc/utfpr
prof. rolando
Projeto arquitetônico
O projeto arquitetônico é a expressão do 
processo mental e intelectual de conceber 
espaços apropriados para abrigar atividades 
humanas.
Projeto 
arquitetônico
Ele surge como conseqüência da divisão social 
do trabalho, quando a tarefa de construir 
começa a ser dividida entre vários profissionais 
e quando o homem passa a edificar obras de 
grande porte que requeriam planejamento. 
Projeto 
arquitetônico
Este processo requer do autor do projeto 
determinados conhecimentos - prévios ou não -
sobre os componentes materiais e não materiais 
do espaço arquitetônico, além do profundo 
conhecimento da atividade que ocupará o 
espaço e das características das pessoas que 
realizarão estas atividades. 
Projeto 
arquitetônico
Sobre os componentes materiais quem projeta 
precisa conhecer materiais de construção, 
processos construtivos, conforto ambiental, 
sistemas estruturais, etc..
Este conhecimento só se consolida com um 
mínimo de base científica fornecida pela Física, 
Química, Biologia, Matemática, etc.
Projeto 
arquitetônico
Sobre os componentes imateriais, é preciso estar 
atento às questões ligadas :
>ao comportamento humano,
>ao funcionamento das atividades, 
>às influências do ambiente sobre o psiquismo e 
sobre as emoções, etc., 
Estas questões são objeto de estudo da psicologia, da 
sociologia, da antropologia, da economia,da filosofia, etc. 
mas não podem ser ignoradas por quem projeta...
2
Projeto 
arquitetônico
Estes componentes são muito dinâmicos e estão 
em constante evolução. 
Isso obriga o profissional a se manter atualizado, 
acompanhar as mudanças, antecipar-se a algumas 
delas e, principalmente, posicionar-se em relação 
aos rumos indicados pelas mudanças. 
Projeto 
arquitetônico
O projeto arquitetônico serve para comunicar ao 
cliente e as pessoas envolvidas na execução da 
obra a concepção do seu autor. 
Vem daí a necessidade do projetista desenvolver 
sua capacidade de comunicação, de expressar 
suas idéias através do desenho, do texto e da 
fala...
Projeto arquitetônico e o cliente
O cliente nem sempre tem razão. 
Ele imagina que conhece tudo sobre sua 
necessidade de espaço, do funcionamento da sua 
atividade, etc, etc, mas é possível que este 
conhecimento inclua vícios, impropriedades, 
improvisações, soluções provisórias que se 
tornaram permanentes... 
Projeto arquitetônico e o cliente
Mas ele ainda é a principal fonte de informação. 
O autor do projeto precisa ser capaz de suprir as 
“deficiências ” do cliente, propondo soluções que 
superem a sua expectativa, que aperfeiçoem a sua 
experiência espacial anterior e que tornem a vida 
do usuário melhor.
Projeto arquitetônico e o cliente
As propostas, no entanto, devem respeitar as 
limitações do cliente, no tocante a hábitos, 
tradição, cultura e preferência estética.
Muitas dessas limitações decorrem da falta de 
conhecimento de alternativas melhores e, com 
jeito, o profissional pode induzir modificações 
positivas. 
Projeto arquitetônico e o cliente
Para quem projeta, o cliente não é apenas a 
pessoa ou instituição que o contrata.
O cliente é o usuário do espaço que está sendo 
projetado, aquele cujas necessidades o espaço 
procurará atender.
3
Projeto arquitetônico e o cliente
Respeitando os hábitos, os valores culturais e 
estéticos do cliente e o investimento que ele 
pretende fazer, é possível fazer boa arquitetura 
mesmo não sendo arquiteto. 
Projeto arquitetônico e o cliente
programa de necessidades
A elaboração do projeto arquitetônico se dá a partir de 
um programa de necessidades, ou seja: 
de uma lista detalhada de ambientes (ou de espaços) 
necessários para atender adequadamente as
necessidades e conveniências da atividade que o 
edifício a ser projetado vai abrigar. 
Projeto arquitetônico e o cliente
programa de necessidades
Na maioria dos projetos, o cliente apresenta 
oralmente uma idéia do que imagina ser sua 
necessidade, do que espera do projeto, etc. 
A partir dessa idéia o profissional inicia a 
elaboração do programa de necessidades, 
interagindo com o cliente, seus familiares, 
funcionários e usuários do edifício.
programa de necessidades:
elaboração
1. O que conhecemos da atividade?
Como o profissional é também usuário de grande parte 
dos espaços construídos, ele sempre conhece alguma 
coisa sobre a atividade, a elaboração do programa de 
necessidades começa com um registro escrito desse 
conhecimento prévio, por menor que ele seja...
programa de necessidades:
elaboração
2. O que o cliente repassou de informações?
Anotar o relato do cliente (familiares, funcionários...) 
sobre o funcionamento da atividade, características da 
família ou da empresa, preferências, dificuldades, 
facilidades, experiências anteriores dele ou de outros, 
etc.
programa de necessidades:
elaboração
3. Aprofundar ou complementar o conhecimento 
sobre a atividade.
Pesquisar na literatura, revistas, jornais, internet, etc, 
Visitar o local utilizado pelo cliente, locais similares, 
Conversar com pessoas ligadas a atividade, com colegas 
que já fizeram coisa parecida, etc. 
Verificar a legislação urbanística e ambiental, normas 
técnicas, legislação específica.
4
programa de necessidades:
elaboração
4. Informações sobre o tema e o projeto
- O que vai ser projetado? Uma residência, uma 
clínica médica, um centro 
esportivo...
- Para quem ? Uma família de 5 pessoas, um grupo 
de 3 cirurgiões e um cardiologista, 
a comunidade do bairro Tatuquara...
programa de necessidades:
elaboração
As famílias têm múltiplas 
composições, as pessoas tem 
personalidades, hábitos, culturas, 
aspirações e necessidades 
diferentes.
A casa deve ser projetada para atender as 
características da família cliente, sem se afastar 
muito dos padrões consagrados no mercado.
programa de necessidades:
elaboração
4. Informações sobre o tema e o projeto
Onde? Lote 1, quadra 2, Planta BR3
Indicação fiscal nº 001040357-3
Dimensão Uns 200 m2..., 
25 pacientes por dia,
Uma quadra polivalente ( inclusive 
para handebol), 100 assistentes...
programa de necessidades:
elaboração
4. Informações sobre o tema e o projeto
Terreno Dimensões, situação na quadra, 
forma, topografia, características do 
solo, arborização, ventos, entorno, etc
Localização Características do bairro, da 
vizinhança, da rua, do trânsito, etc. 
programa de necessidades:
elaboração
5. Relacionar os ambientes por setores do 
edifício ou da atividade.
Ex.: área social > hall de entrada, lavabo, sala de estar, 
sala de refeições, varanda...
área íntima > banheiro social, dormitório 1, 
dormitório 2, 
suíte com closet...
área de serviço > cozinha, lavanderia, 
abrigo para 2 veículos, canil...
programa de necessidades:
elaboração
5. Relacionar os ambientes por setores 
do edifício ou da atividade.
Ex.: área administrativa > hall de entrada, lavabo, 
recepção, sala da gerencia,... 
área de vendas > salão, provadores, estoque, ...
área de apoio > banheiros para público, vestiários,
copa, DML, depósito...
5
programa de necessidades:
elaboração
6. Conceituar os ambientes :
Apenas o nome do ambiente pode ser insuficiente para 
orientar o projeto na busca da melhor solução. 
Ex.: Dormitório > lugar para dormir, descansar, trocar de 
roupa, guardar roupa
programa de necessidades:
elaboração
6. Conceituar os ambientes :
Dormitório da vovó > lugar para dormir, descansar, trocar de roupa, 
guardar roupa, ouvir música, fazer tricô, ver televisão.
Dormitório da adolescente > lugar para dormir, descansar, trocar 
de roupa, guardar roupa, estudar, ler, ouvir música, receber 
amigas, ver televisão, namorar, tocar um instrumento, etc.
programa de

Crie agora seu perfil grátis para visualizar sem restrições.