A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
4 pág.
FERRAMENTAS DA QUALIDADE  - PROVA UNINASSAU 24.11.18

Pré-visualização | Página 1 de 1

Página 1 de 4 
 
 
 
 
GRUPO SER EDUCACIONAL 
GRADUAÇÃO EAD 
GABARITO 
FINAL - 2018.2A 
24/11/2018 
 
 
 
 
1. A evolução da qualidade no ambiente organizacional teve a contribuição de vários personagens (Gurus da 
Qualidade), entre eles as de Feigenbaum (1920 – 2014). Uma das principais contribuições deste Guru da 
qualidade foi: 
 
a) A determinação de uma trilogia da qualidade, baseada em realizar no ambiente organizacional três atividades 
básicas: Planejamento – Controle - Melhoria. 
b) A introdução do zero defeito no ambiente organizacional, o Guru afirmava que não basta produzir suficientemente 
bem, deve-se buscar incessantemente o zero defeito como forma de melhoria contínua. 
c) A definição de um método para melhoria contínua que é baseado na execução de passos de forma contínua, 
chamado de ciclo PDCA. 
d) Determinação dos custos da qualidade, devidindo-os em classes: custos de prevenção e avaliação e custos 
de falhas internas e externas. 
e) Reuniu as sete ferramentas da qualidade para controle efetivo da não qualidade em processos, sendo responsável 
por criar o círculo de controle. 
 
2. Definir qualidade não é uma tarefa fácil, já que a subjetividade acompanha suas possíveis atribuições. 
Porém, há fatores básicos que são imprescindíveis quando precisamos abordar conceitos voltados à 
qualidade, sendo estes: 
 
a) Redução de custo, aumento de produtividade, e satisfação de cliente. 
b) Retrabalho e teste de produtos. 
c) Inspeções totais e parciais. 
d) Retrabalho e Conserto em período de garantia. 
e) Retrabalho e Refugo. 
 
3. O diagrama de Pareto é uma ferramenta utilizada para priorizar ações para a qualidade. A relação 80/20 indica 
que cerca de 20% da quantidade de causas contribuem em cerca de 80% dos efeitos observados. Sobre essa 
ferramenta, avalie as alternativas abaixo e marque a INCORRETA. 
 
a) O diagrama de Pareto permite dividir um grande problema em um grande número de problemas menores, que são 
mais fáceis de serem resolvidos. 
Disciplina FERRAMENTAS DA QUALIDADE 
GABARITO 
QUESTÕES COMENTADAS 
1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 
D A C B B C E D A D 
 
 
 Página 2 de 4 
 
DISCIPLINA: FERRAMENTAS DA QUALIDADE 
 
b) Permite priorizar problemas já que é baseado em dados e fatos. 
c) Permite o estabelecimento de metas concretas porém, algumas intagivéis. 
d) Para construção do gráfico de Pareto os dados precisam ser organizados de forma que os fatores ou causas sejam 
divididos em essenciais e secundários. 
e) O Diagrama de Pareto permite a destinação de ações de melhorias para problemas a serem priorizados, sendo 
estas ações planejadas com uso de outras ferramentas da qualidade. 
 
4. Métodos estatísticos, análises do processo, e padrões de qualidade, são atividades que fazem parte de qual 
fase da qualidade? 
 
a) Inspeção. 
b) Controle estatístico. 
c) Garantia da qualidade. 
d) Gestão da qualidade total. 
e) Gestão estratégica da qualidade total. 
 
5. É uma ferramenta da qualidade. É utilizada para visualizar o que acontece com uma variável quando outra 
variável se altera. Serve para saber se as duas estão relacionadas. Utilizada para verificar a relação de causa e 
efeito. É construída de forma que o eixo horizontal (eixo x) represente os valores medidos de uma variável e o 
eixo vertical (eixo y) represente as medições da segunda variável às medições. 
 
Estamos falando do(a): 
 
a) Diagrama de Ishikawa. 
b) Diagrama de Dispersão. 
c) Carta de Controle. 
d) Capabilidade do Processo. 
e) Folha de Frequência. 
 
6. Numa indústria, um engenheiro deparou-se com um caso de peças fora do especificado. Ao iniciar o estudo 
do problema o engenheiro coletou dados do processo diariamente durante uma semana e ao analisá-los 
verificou que as peças que apresentavam defeitos eram provenientes sempre do turno da manhã no horário das 
11:00 às 12:00. Qual o nome da ferramenta de análise que o engenheiro utilizou para chegar a esta conclusão 
(as peças defeituosas sempre aparecem num mesmo horário)? 
 
a) Diagrama de dispersão. 
b) Diagrama de Pareto. 
c) Folha de verificação. 
d) Diagrama de Ishikawa. 
e) Fluxograma. 
 
7. Atualmente, a equipe de engenharia de um determinado produto desenvolve um novo instrumento de 
medição. Quatro protótipos do equipamento foram manufaturados e submetidos a teste. Uma peça padrão com 
dimensão de 50,00 mm foi usada como padrão de referência. Cada protótipo do instrumento foi utilizado para 
fazer sete medições na dimensão da peça padrão por um mesmo operador. 
Os resultados são apresentados na figura a seguir. O centro alvo representa o valor verdadeiro da dimensão da 
peça padrão. E os pontos representam os resultados das sete amostras da característica da qualidade avaliada. 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 Página 3 de 4 
 
DISCIPLINA: FERRAMENTAS DA QUALIDADE 
 
 
 
I. Com relação aos resultados mostrados na figura, pode-se concluir que. 
II. O instrumento C é mais preciso que o instrumento A. 
III. O instrumento D é mais exato que o instrumento B e ambos não são precisos. 
IV. Os instrumentos A e B não são exatos. 
V. O instrumento C é mais preciso que o instrumento D. 
 
É CORRETO apenas o que se afirme em: 
 
a) I e II. 
b) I, III e IV. 
c) I, II e IV. 
d) II, III e IV. 
e) I, II, III e IV. 
 
8. As Cartas de Controle têm o objetivo de reduzir a variabilidade do processo através da eliminação das 
causas especiais de variação, de forma a melhorar a performance do produto. 
Analise as assertivas a seguir, classificando-as como Verdadeiras (V) ou Falsas (F). 
 
( ) Os gráficos de controle por atributos trabalham com dados de natureza discreta, ao passo que os 
gráficos de controle por variáveis trabalham com dados de natureza contínua. 
( ) As cartas de amplitude e de desvio padrão estão relacionadas ao controle da variabilidade do processo, 
enquanto a carta da média está relacionada ao controle do valor médio de desempenho do processo. 
( ) Para gráficos por variáveis é aconselhável a utilização de cartas por média e amplitude ou média e 
desvio padrão. 
( ) O gráfico do número de unidades defeituosas (carta np) trabalha com amostras de mesmo tamanho, ao 
contrário do gráfico de controle de frações defeituosas (carta p), o qual permite a observação de 
amostras de tamanhos diferentes. 
A sequência CORRETA é: 
 
a) F, V, V, F. 
b) V, F, F, V. 
c) V, F, V, F. 
d) V, V, V, V. 
e) V, V, F, V. 
 
9. Sobre inspeção da Qualidade, julgue as afirmativas como Verdadeiras (V) ou Falsas (F). 
 
( ) Materiais em processamento são objetos da inspeção por variáveis. 
 
 
 Página 4 de 4 
 
DISCIPLINA: FERRAMENTAS DA QUALIDADE 
 
( ) O conceito que dita o limite aceitável de peças defeituosas em um lote chama-se NÍVEL DE 
QUALIDADE ACEITÁVEL. 
( ) Lotes consecutivos são os lotes onde as unidades de produto são apresentadas em fluxo contínuo à 
inspeção. 
( ) A amostragem é uma maneira prática e econômica de se obter informação. 
 
A sequência CORRETA é: 
 
a) V – V – F – V. 
b) V – V – V - V. 
c) V – F – V – V. 
d) F – V – F - F. 
e) F – F – F - V. 
 
10. A ideia de qualidade está associada à ausência de deficiências e à capacidade do produto ou serviço de 
satisfazer as necessidades do consumidor. Assim, qualidade pode ser entendida como “adequação ao uso”. 
Acerca desse assunto, assinale a alternativa CORRETA. 
 
a) O aumento da qualidade do produto ou serviço implica no aumento dos “custos de falhas” internos e externos. 
b) Os “custos de não qualidade” equivalem aos custos de prevenção e avaliação. 
c) A ausência de deficiências implica em maiores “custos de falhas”. 
d) A falta de adequação ao uso gera “custos de não qualidade”. 
e) Melhor qualidade significa custos maiores.