remuneração e beneficios
22 pág.

remuneração e beneficios

Disciplina:Remuneração e Benefícios266 materiais762 seguidores
Pré-visualização1 página
Remuneração e
Benefícios

Tema 02 – Pesquisa Salarial e
Estrutura de Cargos

Bloco 1

Prof. José Maria Pascoal Júnior

• A importância do
conceito do cargo para
quem deseja
sistematizar cargos e
salários e todos os
passos para o seu
delineamento,
descrição e análise.

VISTO NO
TEMA 1

Objetivos do Tema 02 – Pesquisa salarial e estrutura de

cargos

• Identificar o papel da pesquisa salarial (PS) na

elaboração de uma política de remuneração funcional.

• Reconhecer as fases da PS.

• Interpretar a elaboração e configuração de uma

estrutura de cargos e salários.

Estruturar cargos em ordem de precedência e de
contribuição para os objetivos da empresa, permitindo
relacioná-los em níveis de salários, do mais baixo, até o
salário de maior valor.

O GRANDE OBJETIVO DA POLÍTICA
DE REMUNERAÇÃO

Fonte: Amikishiyev, 123RF.

Os cargos – as empresas

• O delineamento e a avaliação dos cargos:
visão totalmente voltada para o interior da
empresa, como esta se organiza e como seus
cargos são categorizados.

• A visão interna (JUSTIÇA) x visão externa
(EQUILÍBRIO).

Os cargos – as empresas

• Cada organização, de uma forma sistematizada
ou aleatória, procura estabelecer suas políticas
de remuneração.

• Os salários médios pagos pelos concorrentes
irão influenciar diretamente na remuneração
praticada em sua organização.

Pode ser definida como o
“instrumento gerencial que
possibilita conhecer, através da
coleta e da tabulação estatística
de dados, as práticas e os valores
salariais médios praticados num
determinado mercado” (MARRAS,
2009, p. 111).

• Existem diversas metodologias disponíveis, até
mesmo utilizar-se de pesquisas prontas ou
realizadas por outras empresas, por revistas ou
por consultorias que apresentam seus pacotes
padronizados.

• A melhor metodologia – o melhor critério: é o
de cada empresa.

Planejando a PS

Fonte: Elaborado pelo autor.

Executando a PS

• Os questionamentos são remetidos às demais
organizações, quando respondidos e finalizados, será o
momento da coleta, análise e tabulação dos dados
apresentados.

• Na análise dos dados, descartar aquilo que não retrate
a tendência geral das várias empresas pesquisadas.

• Dados homogeneizados, realize o tratamento estatístico
da pesquisa. As medidas estatísticas mais utilizadas:
mediana, média ponderada, frequência, desvio padrão
etc.

Remuneração e
Benefícios

Tema 02 – Pesquisa Salarial e
Estrutura de Cargos

Bloco 2

Prof. José Maria Pascoal Júnior

Executando a PS

ANÁLISE DOS DADOS COLETADOS

Procedimentos
estatísticos –
usados para
garantir a

consistência da
amostra salarial.

Os cálculos
indicarão a

necessidade de
refazer a

pesquisa se
forem

constatadas
grandes

dispersões

DESVIO
PADRÃO

Grau Disp.
Med. Arit.
Ponderada

SALÁRIOS
MARGINAIS
Muito acima
Muito abaixo

AMPLITUDE
Maior –
menor
salário

Fonte: Elaborado pelo autor.

Relatando a PS

• Nesta fase, todos os dados já estão analisados e as
informações estarão consolidadas.

• Tipos de informações: salários-base, benefícios,
remuneração por desempenho, por competência – a
forma de remunerar de cada empresa.

• Praxe – encaminhar às organizações participantes o
respectivo relatório, até mesmo como estímulo para
outras participações em outras oportunidades.

• A partir da pesquisa salarial pronta – configurar a
política de remuneração da sua empresa.

A estrutura de cargos e salários

• Realizadas: AVALIAÇÃO DOS CARGOS (PONTOS)
e a PS (SALÁRIOS).

• O desafio, agora, é combinar os pontos da
avaliação dos cargos, com os salários da
pesquisa, com o objetivo de definir a nova
estrutura.

Classe Cargo Pontos Média Salarial

1 Agente de Portaria 123 R$ 850,00

.... .... .... .....

7 Gerente de RH 1033 R$ 4.250,00

.... .... .... .....

10 Diretor 2022 R$ 10.250,00

Tabela 2 – Elaboração da estrutura

Fonte: Adaptada de Marras (2009, p. 128).

ANÁLISE

DE

REGRESSÃO

Regressão de

potência

Regressão

exponencial

Regressão

linear

simples

Fonte: Elaborado pelo autor.

A análise de regressão, expressa em uma
equação matemática que determina uma curva
ou uma reta, possibilita visualizar os eventuais
erros na ponderação da avaliação dos cargos.

Reta

y = 7,6059x - 507,56

R2 = 0,9888

0

2000

4000

6000

0 200 400 600 800

Pontos

Salários

Fonte: Elaborado pelo autor.

A estrutura de cargos e salários

• Estruturar cargos e salários – criação de classes
para salários, também chamadas de faixas.

• As classes salariais permitem agrupar os cargos
que devam ter um tratamento mais próximo no
que se refere a salários.

A estrutura de cargos e salários

• Os níveis permitem aplicar salários crescentes e
diferenciados para um determinado cargo. São
criados aplicando-se a interpolação geométrica.

A estrutura de cargos e salários finalizada

Fonte: Adaptada de Marras (2009, p. 131).

• Com a estrutura finalizada, o sistema de
remuneração tradicional estará praticamente
finalizado.

• Falta apenas combinar os salários em seus
respectivos níveis com os benefícios e gratificações
que poderão ser pagos.

• Cada empresa definirá estes benefícios, bem como
determinará quantos níveis e classes deverão
constar na sua estrutura de cargos e salários.

A estrutura de cargos e salários finalizada

AMIKISHIYEV, Elnur. Imagens - Young businessman in business concept with bar
charts. 123RF. Disponível em: <https://br.123rf.com/similar-
images/93090946?mediapopup=91418069>. Acesso em: 16 maio 2018.

MARRAS, J. P. Administração de Recursos Humanos: do Operacional ao Estratégico.
13. ed. São Paulo: Saraiva, 2009.

Referências