A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
55 pág.
FUND. TRIBUTOS(COMPLETOS)

Pré-visualização | Página 6 de 16

8a Questão
	
	
	
	
	Dentre as alternativas abaixo, assinale aquela que coincide com o exercício da atividade empresária:
		
	 
	A sociedade que tem por objeto o exercício de atividade própria de empresário sujeito a registro
	
	O autônomo é considerado empresário desde que esteja trabalhando no comércio há mais de 5 anos
	
	Os profissionais intelectuais mesmo que atividade por eles exercidas não possua elemento de empresa
	
	O profissional intelectual é considerado empresário, independente de ser autônomo ou não
	
	Os profissionais intelectuais, exceto os dentistas e advogados são considerados empresários, segundo a teoria da empresa
	
Explicação:
Artigo 966 do Código Civil.
	
	
	 
	
	 1a Questão
	
	
	
	
	O Empréstimo Compulsório poderá ser instituído em casos de calamidade pública, guerra externa ou sua iminência e investimento público urgente e relevante ,obrigando a população ou parte dela a emprestar-lhe dinheiro com a promessa de devolvê-lo após o período determinado, ele pode ser instituído:
		
	 
	Pela União Federal.
	 
	Pela União, Estados, Distrito Federal e Municípios.
	
	Pelos Municípios.
	
	Pelos Estados e Distrito Federal.
	
	Pelos Estados.
	
Explicação:
Por se tratar de um tributo federal.
	
	
	 
	
	 2a Questão
	
	
	
	
	As receitas públicas são geralmente classificadas em
		
	 
	originárias e derivadas.
	
	orçamentárias e de planejamento.
	 
	tributárias e previdenciárias
	
	tributária e financeiras.
	
	contratuais, comerciais e de serviços.
	
	
	 
	
	 3a Questão
	
	
	
	
	A respeito da contribuição de melhoria é correto afirmar:
		
	 
	é um tributo cobrado sobre a valorização de imóvel particular em decorrência de obra pública
	
	é um tributo cobrado somente quando a obra pública melhora o fornecimento de serviços públicos gerais
	
	           é um tipo de imposto que tem como fato gerador uma contribuição do sujeito passivo para com os cofres públicos
	
	não é um tipo de tributo, é uma contribuição
	 
	é um tributo cobrado quando há a realização de qualquer obra pública
	
	
	 
	
	 4a Questão
	
	
	
	
	A respeito da contribuição de melhoria é correto afirmar:
		
	
	é um tributo cobrado somente quando a obra pública melhora o fornecimento de serviços públicos gerais;
	
	não é um tipo de tributo, é uma contribuição.
	
	é um tributo cobrado quando há a realização de qualquer obra pública;
	
	é um tipo de imposto que tem como fato gerador uma contribuição do sujeito passivo para com os cofres públicos;
	 
	é um tributo cobrado sobre a valorização de imóvel particular em decorrência de obra pública;
	
	
	 
	
	 5a Questão
	
	
	
	
	O Direito Tributário é um ramo didaticamente autônomo do Direito, além de estudar as relações jurídicas entre Estado e sujeito passivo. Além do mais, é um ramo que trata da arrecadação e da fiscalização de tributos. Sabendo-se que o nome do tributo adotado em lei é irrelevante na identificação da natureza de um tributo, qual a forma de se identificar a natureza jurídica específica de um tributo?
		
	 
	é por meio do fato gerador da respectiva obrigação
	
	é por meio da sua relação com a sociedade
	
	é por meio da base de cálculo apenas
	
	é por meio da autonomia do direito tributário em face dos outros ramos
	
	não é por meio do conhecimento da hipótese de incidência e da base de cálculo
	
	
	 
	
	 6a Questão
	
	
	
	
	Os tributos de acordo com a Legislação Tributária vigente são:
		
	 
	Impostos, Taxas e Contribuições de Melhorias
	
	Sinônimo de Impostos.
	
	Taxas e Tarifas.
	
	Taxas e Contribuições Sociais.
	
	Contribuição Previdenciária e Preço Público.
	
Explicação:
Os tributos são o gênero, dos quais são espécies os impostos, as taxas, as contribuições e os empréstimos compulsórios.
	
	
	 
	
	 7a Questão
	
	
	
	
	Sabemos que o homem é por natureza um ser social, pois que por si só é incapaz de prover todas as suas necessidades básicas de forma satisfatória, e além disto, não tem somente as necessidades básicas, possui outras. O Estado é decorrência dessa natureza social do homem, visto que este ¿ o homem - abre mão de parte de sua liberdade em prol do bem comum e para ver as necessidades públicas satisfeitas. O Estado pode ser conceituado como conjunto de pessoas reunidas objetivando um fim comum, em um dado território, sob a tutela de um poder político soberano. Desse conceito podemos abstrair os elementos constitutivos do Estados, quais sejam o povo, o território, a soberania e o poder. Para que o Estado alcance os seus objetivos ele necessita de recursos, utilizando-se para isto da sua atividade financeira, que pode ser resumida como sendo:
		
	
	a administração de qualquer entrada de dinheiro nos cofres públicos.
	
	o lucro que tem com operações financeiras, e a aplicação deste lucro;
	 
	a cobrança de tributos e a sua conversão em renda estatal;
	 
	a obtenção, a administração e a aplicação dos recursos financeiros;
	
	somente a aplicação dos recursos que o Estado obtém com a venda de empresas estatais;
	
Explicação:
a obtenção através da arrecadação dos tributos, a administração, conforme a gestão dos recursos obtidos e a aplicação dos recursos financeiros em prol da coletividade.
	
	
	 
	
	 8a Questão
	
	
	
	
	No sistema tributário brasileiro, os tributos são classificados como vinculados ou não vinculados quanto ao uso do que foi arrecadado. Nete caso, são exemplos de tributos não vinculados:
		
	 
	Impostos ordinários
	 
	Contribuições de melhoria
	
	Taxas de poder de polícia
	
	Tarifas
	
	Empréstimos compulsórios
	
	
	
	
	 1a Questão
	
	
	
	
	A obrigação tributária principal e/ou acessória é dever do sujeito ________ assim como o crédito tributário é direito do sujeito ____________, nascendo assim a _______________ tributária entre estes dois sujeitos, passivo e ativo.
		
	 
	passivo; ativo; relação jurídica
	
	passivo; ativo; lei
	
	ativo; passivo; relação jurídica
	
	ativo; passivo; lei
	
	passivo; ativo; norma
	
Explicação:
O Sujeito Ativo é o credor da obrigação tributária, ou seja, é quem cobra o tributo, fiscaliza, constitui crédito tributário mediante lançamento, inscreve em dívida ativa e exige o pagamento por meio de ajuizamento de execução fiscal, quando necessário. Trata se de uma pessoa jurídica de direito público, isto é, o próprio ente federativo.
O Sujeito Passivo, que é a pessoa obrigada ao pagamento de tributo ou multa. Tal pessoa pode ser contribuinte ou o responsável. O Contribuinte é obrigado em uma relação contributiva instituída por lei, devendo pagar tributos. O responsável é obrigado em uma relação de colaboração com a Administração para simplificar, facilitar ou garantir a arrecadação do tributo.
	
	
	 
	
	 2a Questão
	
	
	
	
	A cobrança de tributo no mesmo exercício financeiro em que haja sido publicada a lei que o instituiu não é permitida em face do princípio da
		
	
	anualidade
	
	igualdade
	
	irretroatividade
	 
	anterioridade
	 
	legalidade
	
	
	 
	
	 3a Questão
	
	
	
	
	Podemos dizer que o nascimento da obrigação tributária dá-se:
		
	
	no momento em que é delegada a capacidade tributária passiva.
	
	quando o tributo é arrecadado pelo ente político competente;
	 
	no momento em que o sujeito passivo pratica o fato gerador que está descrito na hipótese de incidência;