A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
31 pág.
APOL 1 2 3 4 5 e DISCURSIVAS

Pré-visualização | Página 8 de 8

um gráfico sobre o confronto 
da curva da receita e do custo, no qual é possível realizar uma análise sobre o impacto 
do volume de venda sobre o custo e o lucro das transações. Estamos nos referindo 
ao instrumento contábil denominado de Custo/Volume/Lucro (C/V/L). 
 
No gráfico acima, tem-se que a representação genérica de um evento transacional 
segundo a percepção do ponto de equilíbrio. Para a composição deste o importante 
artefato analítico, se faz necessário, dentre outros elementos, ter mensuração dos 
dispêndios pelo custeio variável e conhecer o valor da margem de contribuição do 
produto analisado. Sendo tem-se que tanto o ponto de equilíbrio como, também, o 
indicador da “margem de contribuição” são instrumentos de grande valia para a 
disciplina de Análise de Viabilidade. Portanto, nesta questão apresente a fórmula da 
margem de contribuição e explique o que é a margem de contribuição. 
Tendo como base o texto exposto, bem como, o conteúdo presente no texto da 
disciplina, análise o cenário que segue: Uma empresa no território brasileiro pretende 
investir alguns milhões em uma nova linha de produção e, para tanto, ela exige que 
o retorno mínimo deste projeto seja de 25% ao ano. Considerando que a taxa Selic 
projetada para o período do projeto é de 12%,apresente, respectivamente, o custo 
de oportunidade e o prêmio de risco desta empresa para o citado investimento, 
logicamente, seguindo os preceitos da teoria vista no texto da disciplina. 
Resposta Esperada 
Fórmula: 
Margem de contribuição = Preço de venda – Gasto variável 
Também deve ser aceito: 
Margem de contribuição = Preço de venda – custo variável 
Margem de contribuição = Preço de venda – despesa variável 
Opção 1 de resposta: 
Margem de contribuição é um valor monetário por unidade vendida que é obtido após 
tirarmos do preço os gastos variáveis unitários. Se ele for negativo, a operação é 
inviável, se for positivo, quanto maior for seu valor mais viável é a operação. 
Opção 2 de resposta: 
Margem de contribuição é um valor que, quando positivo, contribui a cada unidade 
vendida para reduzir o prejuízo até chegar no ponto de equilíbrio. Após o volume de 
equilíbrio ser atingido a margem de contribuição é um valor que contribui a cada 
unidade vendia para gerar lucro. 
FONTE: AULA 04 - TEMA 3, p.11 
Questão 3 
O processo orçamentário pode ser trabalhado sobre diferentes vertentes, conforme 
as especificidades presentes no empreendimento sobre o qual será desenhado. 
Dentre estas se tem, conforme o conteúdo visto no texto da disciplina, quatro 
modalidades orçamentárias que se destacam no mercado para uma análise de 
viabilidade econômico-financeira (AVEF), sendo eles: (i) Orçamento Contínuo, (ii) 
Orçamento Base Zero, (iii) Orçamento Flexível e (iv) Orçamento Perpétuo. 
Dentre estes quatro tipos citados no contexto, esta questão solicita que seja 
apresentado, tendo como base o texto da disciplina, quais são as características do 
orçamento Flexível. 
Resposta esperada 
Orçamento Flexível: tem como foco as variações no nível de atividade, sendo assim, 
faz uso da noção da estrutura de custos em fatores fixos e variáveis. Desta forma, 
torna-se uma ferramenta gerencial importante, pois se faz aderente aos instrumentos 
caros aos conceitos do Custo/Volume/Lucro, facilitando a visualização do ponto de 
equilíbrio, margem de segurança, grau de comprometimento da receita, dentre 
outros elementos igualmente importantes. Sendo assim, neste tipo de orçamento se 
planeja o efeito das alterações do nível da atividade nos dispêndios da empresa e, 
por consequência, sobre seus resultados. 
FONTE: AULA 02 - TEMA 3, p.10-12 
Questão 4 
O custeio variável permite a elaboração de indicadores para a análise do 
custo/volume/lucro. A margem de contribuição e o ponto de equilíbrio são indicadores 
calculados com base no custeio variável. 
Explique o que é o ponto de equilíbrio e como o mesmo é calculado. 
Resposta esperada 
O ponto de equilíbrio é a quantidade de venda que não gera nem lucro, nem prejuízo. 
É o ponto em que o resultado é igual a zero. Seu cálculo é realizado dividindo-se o 
Custo Fixo pela Margem de Contribuição. 
Aula 4, Tema 3, páginas 9 a 11. 
Questão 5 
Com relação a origem do capital temos que este pode ser representado sobre duas 
forma básicas: recursos de terceiros (= capital de terceiros) e recursos próprios 
(=capital próprio). Quando estes recursos são abordados em processos analíticos 
eles são identificados segundo duas formas estruturais: (a) estrutura financeira; (b) 
estrutura de capital. Utilizando o paradigma contábil de balanço patrimonial 
é possível realizar a representação destas formas estruturais por meio de diagrama. 
Tendo como base o texto exposto, bem como, o conteúdo presente no texto da 
disciplina, apresente como a estrutura financeira e a estrutura de capital estão 
presentes em um balanço patrimonial. 
Resposta esperada 
Resposta possível por diagrama: 
 
Respostas possível por explicação: 
a)Estrutura financeira: 
Passivo Circulante + Dívidas de Longo Prazo (Passivo não circulante + Patrimônio 
Líquido) 
Ou 
Passivo + Patrimônio líquido 
b) Estrutura capital = Dividas de longo prazo + Patrimônio líquido 
ou 
Estrutura capital = Passivo não circulante + Patrimônio líquido 
FONTE: AULA 01 - TEMA 2, p.7

Crie agora seu perfil grátis para visualizar sem restrições.