A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
2 pág.
AD1 Linguística I   2018 2   GABARITO (1)

Pré-visualização | Página 1 de 1

AD1 – 2018-2 
GABARITO 
 
Questão 1 (2,0 pontos) 
Apresente as diferenças entre Linguística e Gramática, citando exemplos. 
O aluno deve apontar que a Linguística busca descrever os fenômenos que 
acontecem na língua, mostrando como ela é, sem traçar julgamentos de valor e 
sem dizer como a língua deve ser. Já a Gramática é normativa, pois prescreve 
uma regra, dizendo como a língua deve ser: 
Questão 2 (2,0 pontos) 
Apresente as diferenças entre língua, fala e linguagem. 
Linguagem é a capacidade humana de se comunicar por meio de um sistema organizado, 
sistema esse definido como língua. O ato individual de utilização do sistema, isto é, da 
língua, é a fala. 
Questão 3 (2,0 pontos) 
Defina símbolo e explique por que podemos afirmar que a linguagem das abelhas é 
simbólica. 
Podemos afirmar que a linguagem das abelhas é simbólica, pois há uma 
correspondência “convencional” entre o comportamento das abelhas e o dado 
que traduz. Essa correspondência é permitida pelas outras abelhas e induz a 
uma ação. Exemplo: a mensagem sobre o alimento é transmitida por meio da 
dança. Como sabemos, nem toda dança na natureza humana ou animal serve 
para indicar informações sobre alimentos. Não há nada inerente à dança que 
remeta à alimentação; logo, a dança das abelhas possui um caráter simbólico. 
Além disso, a relação entre a dança e o conteúdo da mensagem é fruto de uma 
convenção. 
Questão 4 (2,0 pontos) 
Cite as duas principais características do signo linguístico e explique a seguinte afirmação 
de Saussure: 
“O signo linguístico não une uma coisa e uma palavra, mas um conceito e uma imagem 
acústica” (SAUSSURE, [20--?], p. 80) 
As principais características do signo linguístico são a arbitrariedade e a 
linearidade. 
O signo linguístico é uma entidade psíquica composta por duas faces: o 
significante (a imagem acústica) e o significado (o conceito, a ideia que temos 
daquela imagem acústica). Saussure adverte que o conceito não se confunde 
com o referente, ou seja, com a coisa no mundo. Afinal, se o significado fosse 
uma coisa no mundo, apenas os substantivos concretos teriam significado (tais 
como pão, mesa, cadeira, etc.). Porém, todos os signos linguísticos contêm duas 
faces: significante e significado – assim, tanto substantivos abstratos (tais como 
vingança, amor, ódio) como expressões funcionais (tais como “mas”, “e”, “ou”, 
etc.) possuem som e conceito (da mesma forma que os substantivos concretos). 
 
Questão 5 (2,0 pontos) 
Observe a construção a seguir e explique por que ela é considerada gramatical. 
"Os menino brincou com a bola" 
Gramaticalidade é o conhecimento implícito das regras de utilização da língua. 
Assim, a frase em questão, apesar de não seguir a norma, é gramatical, pois 
está de acordo com a gramática da língua, lembrando que gramática aqui não 
tem relação com normatividade. Desse modo, sabemos que o falante pode 
pronunciar “Os menino brincou com a bola”, apesar do desvio de norma, mas 
nunca irá compor a frase “Menino os bola brincou com”, pois está não é uma 
estrutura do português e o falante sabe disso implicitamente. Essa última 
construção seria, portanto, agramatical, isto é, inexistente em língua portuguesa.