Hpa 2
6 pág.

Hpa 2


DisciplinaHpa 2117 materiais149 seguidores
Pré-visualização3 páginas
vantagens e desvantagens como mostram as quatro sentenças a seguir:
1- Como mais pessoas participam das decisões, o risco de erros pode ser menor, no entanto, as decisões, as aprovações são mais lentas e os projetos atrasam; 2- É possível ter acesso aos recursos e às práticas da matriz, com isto a subsidiária pode tomar decisões importantes; 3- Os executivos da subsidiária têm a oportunidade de conhecer a cultura de outro país; 4- Neste tipo de gestão, para a subsidiária, significa mais poder para o presidente local.
PEDE-SE: Dentre estas sentenças, quais se apresentam como corretas:
a) Apenas o número 1 e 2 estão corretas; b) Apenas o número 1, 3 e 4 estão corretas; c) Apenas o 1 e 3 estão corretas; d) Somente o 1, 2 e 4 estão corretas.
Resposta: somente a letra \u201cC\u201d está correta. Volume 2, Capítulo 12, página 53.
12. Ao chegar à amplitude máxima de análise e entendimento dos fatos administrativos, os teóricos concluíram que fatores ambientais externos afetam decisivamente o desempenho. Desse princípio surgiu a última das grandes escolas de gestão como uma evolução da Teoria Geral dos Sistemas. No entanto, estudiosos de gestão trataram desses assuntos muito antes e discutiram esses temas. Dentre esses pesquisadores podemos destacar:
a. Frederick W. Taylor ao se defender dos processos que recebeu, citando o uso de pás diferenciadas. b. Mary Parcker Follet, uma americana inovadora ao criar a Lei da Situação. c. o casal Gilbert ao propor a importância do estudo dos tempos e movimentos. d. Henry Ford ao criar a linha de montagem para baratear a produção do carro popular. e. Jules Henri Fayol ao estabelecer o modelo funcionalista na França.
RESPOSTA CORRETA (B) ver Aula 18 pag. 226.
13. O modelo das cinco forças de Michel Porter permite analisar o grau de atratividade de um setor da economia. Ele identifica os fatores que afetam a competitividade, dentre os quais uma das forças está dentro do próprio setor, sendo que os demais são externos. Esse modelo publicado inicialmente como um artigo de revista especializada, foi um extraordinário marco nas ideias de planejamento e estratégia porque trazia uma explicação clara e precisa a respeito de:
a. novos entrantes e forças laterais. b. cinco forças ameaçando a instalação de uma nova empresa. c. cinco forças auxiliando o desenvolvimento de empresas concorrentes. d. cinco forças atuando separadamente nas empresas capitalistas. e. concorrência
RESPOSTA correta E. Ver Aula 17, pag. 211. A letra B está incorreta porque as \u201ccinco forças\u201d analisam o impacto em empresas já instaladas e não apenas nas novas, em lançamento.
14. A autoridade formal é inerente ao cargo (pressupõe-se a autoridade em virtude da posição ocupada, como uma chefia de setor, por exemplo); a liderança é fruto de habilidades, interesses e comportamentos exercidos pelo líder e aceitos pelos liderados. Logo, a fonte (origem) de autoridade formal está no cargo, enquanto a fonte de liderança está na aceitação de uma pessoa como líder por parte de seus seguidores. Podemos concluir, segundo pesquisas realizadas durante o Século X que:
a. poder e autoridade quando observadas em situações práticas nas quais autoridade formal e liderança são percebidas como coisas distintas.
b. entradas, saídas, alimentação e retroalimentação não fazem parte do funcionamento de uma organização. c. inputs, outputs, feedback reverso, processamento de conveniência e produtos são técnicas de liderança.
d. ambiente viral, feedback de alimentação e mecanismo de alimentação interna são elementos de chefia. e. feedback reverso é a melhor forma de identificar um líder nas atividades formais de uma organização.
Resposta CORRETA (A) Ver na Aula 14 pag. 168.
15. O empreendedor busca transformar ideias inovadoras em ações lucrativas, já que ele vê nas mudanças as oportunidades de negócios. Peter Drucker, em seus estudos sobre inovação, identificou itens importantes na análise do empreendedorismo, dentre eles se destacam:
a. o planejamento e a execução; b. os tipos de estratégia e os vícios; c. o artesanato e a produção em massa; d. a supervisão e a repetição das tarefas. e. a criatividade e a tentação de ganhar mais dinheiro.
RESPOSTA correta (B). Ver Aula 19 pag. 294.
16. O Brasil passa por um momento delicado em que empresas foram identificadas como patrocinadoras dos maiores escândalos relacionados a corrupção na história humana. Podemos supor que nos falta educação de qualidade que envolve critérios éticos e morais na condução dos negócios. Um autor que destaca essas atitudes foi Stephen Covey que escreveu \u201cOs sete hábitos das pessoas altamente eficazes\u201d. Podemos concluir que:
a. os líderes mais destacados no Século XXI não se identificam com as características mostradas no livro. b. Esse livro trata de auto ajuda e não merece crédito no mundo organizacional. c. Autores desse tipo são ótimos vendedores de best sellers, porém não tratam de gestão. d. Livros sensacionalistas que apelam para a emoção não são bem vistos na racionalidade organizacional. e. A declaração faz sentido na sociedade ocidental que precisa destacar os valores e princípios morais.
RESPOSTA CORRETA (E) ver Aula 14 pag. 121 e 122.
Escolha uma das questões discursivas para responder entre as opções 17 e 18.
17. A teoria das contingências é uma forma de pensar mais abrangente, orientada para a análise da influência dos fatores ambientais externos sobre os desempenhos das empresas. Pesquisas apontam que dependendo do tipo de ambiente no qual está inserida a organização, maior ou menor será o seu nível de adaptabilidade, classificados como: estável, em mudança e inovador
Pede-se: Descreva os modelos adotados pelas empresas dentro de cada um destes tipos de ambiente.
Resposta: Volume 2, capítulo 18, páginas 230 e 231
18. Os Estados Unidos acabam de empossar o novo presidente do país, o bilionário homem de negócios e apresentador de TV Donald John Trump. Em praticamente todo o mundo civilizado, o presidente dos Estados Unidos é reconhecido e identificado como a pessoa mais importante e significativa de todo o planeta. Portanto não é de se estranhar que se diga que se trata de um verdadeiro líder. Liderança foi um dos temas mais estudados durante o Século X e merece destaque na teoria das organizações. Durante a entrega do Globo de Ouro no início de 2017, uma renomada atriz que já recebeu o Oscar três vezes por seu trabalho, declarou que esse indivíduo não é um bom exemplo para a nação americana. Apresente pelo menos três características de liderança que se pode destacar entre os defensores de Trump e pelo menos uma dentre os defensores dos artistas de Holywood que mostram o que é um verdadeiro líder, explicando o seu significado e mostrando porque o novo presidente dos Estados Unidos demonstra ter ou não essa característica.
RESPOSTA Na Aula 14 pag. 125 e 126.
O estudante deverá citar e explicar pelo menos QUATRO das oito características seguintes citadas por Welch ou por outros autores como Stephen Covey, por exemplo:
Welch analisa as principais características de um líder: \u2022 os líderes são incansáveis no aperfeiçoamento da equipe (para tal, compete ao líder cercar-se das melhores pessoas, avaliá-las, promovê-las e apoiá-las, treinando-as, orientando-as, cultivando-as quando necessário e, sobretudo, tornando-as autoconfiantes através da promoção do engajamento, da disciplina e do reconhecimento); como Trump parece não ser.
\u2022 os líderes fazem com que todos vivenciem a visão (o líder deve definir as metas, comunicá-las aos subordinados, analisá-las em conjunto, inspirar as pessoas para alcançá-las, mas deve desenvolver um sistema de recompensas associado ao cumprimento das metas e da visão); diferentemente do mostrado por Trump. \u2022 os líderes emitem energia positiva e otimismo (o líder deve ter atitudes positivas, combater o ceticismo e o negativismo, criar e disseminar energia entre seus seguidores, ser corajoso diante das dificuldades); como Trump parece mostrar em seus discursos.
\u2022 os líderes conquistam confiança com transparência (manter