Gerenciamento de Projetos Estabelecendo Diferenciais Competitivos Ricardo Vargas (2009, Brasport)

Gerenciamento de Projetos Estabelecendo Diferenciais Competitivos Ricardo Vargas (2009, Brasport)


DisciplinaProtista31 materiais83 seguidores
Pré-visualização45 páginas
Competitivos (Portuguese Edition)
 
 
 
GERENCIAMENTO DE RISCOS 
\u201cRiscos devem ser assumidos somente quando os benefícios potenciais excedem os custos de correção de uma decisão tomada erroneamente.\u201d
R. Max Wideman
 
 Gerenciamento de Projetos - Estabelecendo Diferenciais Competitivos (Portuguese Edition)
 
 
 
 1.46 Definição
Na maioria dos projetos, os riscos associados com grandes empreendimentos têm merecido uma atenção especial dos gerentes de projeto, devido não só às grandes somas de dinheiro que estão em suas mãos, como também à reputação do time e dos patrocinadores do projeto.
 
Gerenciamento de riscos possibilita a chance de melhor compreender a natureza do projeto, envolvendo os membros do time de modo a identificar as potenciais forças e riscos do projeto e responder a eles, geralmente associados a tempo, qualidade e custos. Portanto, a sobrevivência de qualquer empreendimento, atualmente, está intimamente vinculada ao conceito de aproveitar uma oportunidade, dentro de um espectro de incertezas. O que torna a gestão dos riscos se tornar tão importante são fatores diversos, como o aumento da competitividade, o avanço tecnológico e as condições econômicas, que fazem com que os riscos assumam proporções muitas vezes incontroláveis.
Figura 11.1 \u2013 Abrangência do Gerenciamento de Riscos (com base em Wideman)
Todo risco necessita ser avaliado segundo dois aspectos: probabilidade de ocorrência e gravidade das consequências. Ao se multiplicar a probabilidade de um determinado risco acontecer com sua gravidade, normalmente expressa em valores de prejuízo financeiro, tem-se um conceito fundamental para a quantificação dos riscos denominado Valor Monetário Esperado (Earned Monetary Value). As prioridades na resposta ao risco serão para os eventos que apresentarem maior Valor Monetário Esperado.
EMV = P x G
 onde P = Probabilidade
 G = Gravidade (valor monetário)
Figura 11.2 \u2013 Avaliação e quantificação de Riscos
 
 Gerenciamento de Projetos - Estabelecendo Diferenciais Competitivos (Portuguese Edition)
 
 
 
 1.47 Mindmap dos Processos de Gerenciamento de Riscos
Os processos de gerenciamento de riscos se decompõem conforme o mapa mental a seguir.
Figura 11.3 \u2013 Mapa mental do Gerenciamento de Riscos
 
 Gerenciamento de Projetos - Estabelecendo Diferenciais Competitivos (Portuguese Edition)
 
 
 
1.48 Processos de Gerenciamento de Riscos
O PMBOK subdivide o gerenciamento de riscos em seis processos:
\u2022 Planejar o gerenciamento dos riscos (11.1);
\u2022 Identificar os riscos (11.2);
\u2022 Realizar a análise qualitativa dos riscos (11.3);
\u2022 Realizar a análise quantitativa de riscos (11.4);
\u2022 Planejar as respostas aos riscos (11.5);
\u2022 Monitorar e controlar os riscos (11.6).
Figura 11.4 \u2013 Processos de Gerenciamento de Riscos distribuídos ao longo das fases do projeto
Planejar o gerenciamento dos riscos - Planejar o gerenciamento dos riscos é o processo de definição de como conduzir as atividades de gerenciamento dos riscos de um projeto.
Figura 11.5 \u2013 Mapa mental do processo Planejar o gerenciamento de riscos
Identificar os riscos - Identificar os riscos é o processo de determinação dos riscos que podem afetar o projeto e de documentação de suas características.
Figura 11.6 \u2013 Mapa mental do processo Identificar os riscos
Realizar a análise qualitativa dos riscos - Realizar a análise qualitativa de riscos é o processo de priorização de riscos para análise ou ação adicional através da avaliação e combinação de sua probabilidade de ocorrência e impacto.
Figura 11.7 \u2013 Mapa mental do processo Realizar a análise qualitativa dos riscos
Realizar a análise quantitativa de riscos - Realizar a análise quantitativa de riscos é o processo de analisar numericamente o efeito dos riscos identificados nos objetivos gerais do projeto.
Figura 11.8 \u2013 Mapa mental do processo Realizar a análise quantitativa de riscos
Planejar as respostas aos riscos - Planejar as respostas aos riscos é o processo de desenvolvimento de opções e ações para aumentar as oportunidades e reduzir as ameaças aos objetivos do projeto.
Figura 11.9 \u2013 Mapa mental do processo Planejar as respostas aos riscos
Monitorar e controlar os riscos - Monitorar e controlar os riscos é o processo de implementação dos planos de respostas a riscos, acompanhamento dos riscos identificados, monitoramento dos riscos residuais, identificação de novos riscos e avaliação da eficácia do processo de riscos durante todo o projeto.
Figura 11.10 \u2013 Mapa mental do processo Monitorar e controlar os riscos
No gerenciamento de riscos, é importante que se atente para os seguintes aspectos:
\u2022 Compreenda o projeto, produto ou processo a ser empreendido;
\u2022 identifique os elementos do projeto sujeito a riscos;
\u2022 desenvolva uma lista de ameaças e fraquezas para cada elemento;
\u2022 priorize as ameaças e as fraquezas;
\u2022 identifique impactos;
\u2022 identifique os controles a serem adotados para evitar, ou minimizar, os impactos;
\u2022 crie controles alternativos para quando os controles principais não forem efetivos, ou não puderem ser acionados;
\u2022 gere sempre documentação para servir de base a futuros projetos.
 
 Gerenciamento de Projetos - Estabelecendo Diferenciais Competitivos (Portuguese Edition)
 
 
 
1.49 Plano de Gerenciamento de Riscos
O Plano de Gerenciamento de Riscos é o documento formal que descreve os procedimentos que serão utilizados para gerenciar os riscos através do projeto. O plano de riscos é um dos planos secundários do plano geral do projeto.
No plano, devem estar documentados os seguintes dados:
\u2022 título do projeto;
\u2022 nome da pessoa que elaborou o documento;
\u2022 descritivo dos processos de gerenciamento de riscos (regras gerais);
\u2022 RBS \u2013 Risk Breakdown Structure para a Identificação dos Riscos;
\u2022 riscos identificados;
\u2022 qualificação dos riscos;
\u2022 quantificação dos riscos;
\u2022 sistema de controle de mudanças de riscos (Risk Change Control System);
\u2022 respostas planejadas aos riscos;
\u2022 planos de contingência;
\u2022 reservas de contingência;
\u2022 frequência de avaliação dos riscos do projeto;
\u2022 alocação financeira para o gerenciamento de riscos;
\u2022 administração do plano de gerenciamento de riscos;
\u2022 nome do responsável pelo plano;
\u2022 frequência de atualização do plano de gerenciamento de riscos;
\u2022 outros assuntos relacionados ao gerenciamento de riscos não previstos no plano;
\u2022 registro de alterações no documento;
\u2022 aprovações.
 
 
 Gerenciamento de Projetos - Estabelecendo Diferenciais Competitivos (Portuguese Edition)
 
 
 
GERENCIAMENTO DAS AQUISIÇÕES 
\u201cO comprador sempre precisa ter vários olhos, o vendedor não precisa ter nenhum.\u201d
George Herbert
 
 Gerenciamento de Projetos - Estabelecendo Diferenciais Competitivos (Portuguese Edition)
 
 
 
 1.50 Definição
O gerenciamento das aquisições tem como objetivo dar garantia ao projeto de que todo elemento externo participante do projeto irá garantir o