A FORMAÇÃO DE UM LIDER
313 pág.

A FORMAÇÃO DE UM LIDER


DisciplinaR110 materiais261 seguidores
Pré-visualização50 páginas
legalismo ou 
obrigatoriedade. 
Em 1 Pedro 5.2, o apóstolo menciona essa idéia quando diz: Pastoreai 
(alimentai, protegei, guiai e acolhei) o rebanho de Deus que há ente vós [e pelo 
qual sois responsáveis], não por constrangimento, mas espontaneamente, como 
Deus quer; nem por sórdida ganância [desejo de obter lucro ilícito nesta atividade], 
mas de boa vontade. 
Obviamente, nesse versículo Pedro está falando de pastores e presbíteros, 
aqueles que estão na liderança, mas creio que o que ele diz se aplica a todos os 
que querem ser usados por Deus. Ele diz que, primeiramente, devemos ter a 
certeza de estar fazendo isso com a motivação certa, e não porque queremos nos 
ver livres logo da tarefa. Segundo, devemos fazer isso com uma boa atitude. 
Por exemplo, se formos fazer visitas em um hospital, não devemos fazê-lo 
reclamando. Se formos tomar conta do filho de uma amiga porque sentimos que 
Deus quer que o façamos, não devemos murmurar. 
Precisamos entender que qualquer coisa que fizermos por outra pessoa não 
estamos, na verdade, fazendo-a para ela, mas para o Senhor.1 Há muitas coisas 
que fazemos simplesmente porque amamos a Deus, e não as faríamos se não 
fosse por essa razão. O que quer que façamos para os outros \u2014 principalmente 
quando não estamos com muita vontade de fazer, mas fazemos porque queremos, 
e o fazemos com a atitude correta \u2014, isso é agradável a Deus. 
A questão é: quanto a tudo o que fizermos para Deus, Ele espera que 
façamos com o coração disposto. Se não formos fazer dessa forma, é melhor não 
fazer nada. Creio que não iremos receber recompensa alguma por fazer algo se a 
atitude estiver errada. 
Estou convencida de que o ponto central da vida cristã é a atitude do 
coração. Não é a fachada que apresentamos para os outros que importa; é a 
verdade dentro de nós que não podemos esconder de Deus. 
 
SEJAMOS PESSOAS QUE AGRADAM A DEUS 
Servos, obedecei em tudo ao vosso senhor segundo a carne, 
não servindo apenas sob vigilância, visando tão-somente 
agradar homens, mas em singeleza de coração 
[de todo o coração], temendo ao Senhor. Colossenses 3.22 
 
Aqui somos instruídos a ser servos bons, fiéis, leais, produtivos e 
trabalhadores. Devemos fazer nosso trabalho muito bem e como uma atitude 
correta. Não devemos ser "mascarados", mostrando ao patrão o que ele quer ver, 
mas agindo de modo bem diferente quando ele está longe. Devemos ser sinceros, 
honestos e confiáveis. 
É lamentável que aqueles que têm um emprego fiquem murmurando e 
reclamando do trabalho quando há tantos desempregados. Devemos ser 
agradecidos pelo trabalho e por termos condições de fazê-lo. 
Não devemos agradar aos homens, mas, sim, a Deus. Não devemos fazer o 
trabalho corretamente somente quando o chefe está por perto, e depois, quando 
ele se afasta, usar o tempo da empresa dando telefonemas pessoais e fazendo 
coisas semelhantes. É impressionante como as pessoas se movimentam quando o 
chefe entra na sala. Todos correm para seus lugares e tentam parecer ocupados, 
pois sabem que não estavam realmente trabalhando. 
Deus leva essas coisas em consideração também, pois devemos agir como 
cartas vivas para serem lidas pelos homens. Não vamos ganhar o mundo exibindo 
adesivos no pára-choque, fitas cassete evangélicas ou broches com o nome de 
Jesus mas sem demonstrar um único fruto na vida. Não é indo para o trabalho com 
toda nossa parafernália, declarando que somos cristãos, que chamaremos a 
atenção das pessoas para Cristo; é dando duro, trabalhando o dia todo para 
merecer o salário, submetendo-nos às autoridades com uma atitude correta, 
fazendo o que nos pedem sem murmuração ou reclamação \u2014 com atitudes assim 
é que iremos fazer com que os outros olhem para nós e desejem ter o "segredo" 
que temos. 
Em Colossenses 3.23-24, Paulo diz: Tudo quanto fizerdes, fazei-o de todo 
coração [e alma], como [se o estivessem fazendo] para o Senhor, e não para 
homens, cientes de que recebereis do Senhora recompensa da herança. A Cristo 
(o Messias), o Senhor, é que estais servindo. 
Você sabe o que acontece quando fazemos nosso trabalho com todo o 
coração e alma, e o fazemos como se fosse para Deus, e não para homens? 
Recebemos nossa recompensa dEle, não de nosso chefe. Podemos esperar no 
Senhor pela recompensa que merecemos verdadeiramente. 
 
2. Um coração reavivado 
Por esta razão, pois, te admoesto que reavives 
 [reacenda as chamas, mantenha-as queimando] o dom 
[gracioso] de Deus que há em ti pela imposição das 
 minhas mãos [com os presbíteros, na tua ordenação]. 
2 Timóteo 1.6. 
 
Deus quer que nos sintamos reavivados. Ele não se agrada da apatia. A 
Bíblia diz que os mortos não louvam ao Senhor.2 Deus não pode ser louvado se a 
nossa atitude for de apatia. Ele não está buscando uma igreja apática, morta, mas 
uma igreja viva. 
Gosto muito do que Jesus disse quando ressuscitou Lázaro. Primeiro, Ele 
disse a Lázaro para sair da sepultura. Depois, pediu aos espectadores que 
tirassem sua mortalha.3 
Há muitas pessoas nascidas de novo, cheias do Espírito, mas que nunca 
tiraram suas mortalhas. Por isso, exalam apatia. 
Deus, porém, não quer que continuemos mortos, mas que nos reavivemos. 
Como já vimos, em uma das cartas de Paulo a seu jovem discípulo, Timóteo, ele 
pede que Timóteo reavive a chama que há nele.4 Evidentemente, Timóteo estava 
ficando com medo, cansado e inseguro de seu chamado. Seu espírito estava 
esmorecendo, então Paulo vem com uma palavra forte para reavivá-lo. Em 2 
Timóteo 1.5, Paulo o lembra de sua fé e do modo como ele a recebera. Paulo lhe 
diz, em resumo: "Lembre-se da fé da sua avó. Lembre-se da fé da sua mãe. 
Lembre-se de quando eu impus minhas mãos sobre você e orei por você e pelos 
dons que tem". 
Ninguém mais pode reavivar o seu dom, aquela chama dentro de você, da 
forma como você mesmo pode. Outros podem até tentar reavivá-lo, como eu estou 
fazendo ao escrever este livro. Mas, tão logo você se encontre sozinho novamente 
ou tão logo deixe o livro de lado, você vai esfriar. Por isso é que você deve se 
reavivar. 
A vida se torna mais emocionante quando temos um coração reavivado. Não 
faz sentido ficar andando de um lado para o outro murmurando e reclamando: 
"Não quero mesmo fazer isso. Eu gostaria de não ter de fazer. Estou cansado de 
fazer isso". 
Metade da igreja já não agüenta mais, pois tudo o que fazemos é ficar 
andando de um lado para o outro dizendo que estamos cansados. Mais cedo ou 
mais tarde, teremos de ficar cansados de dizer que estamos cansados. Nesse dia, 
então, faremos alguma coisa para resolver o problema. 
 
COMO PODEMOS NOS REAVIVAR? 
... e veio todo homem cujo coração o moveu e cujo espírito 
o impeliu e trouxe a oferta ao Senhor para a obra da [nova] 
tenda da congregação, e para todo o seu serviço, 
e para as vestes sagradas. 
Êxodo 35.21. 
 
Aqueles que construíram o tabernáculo do Senhor tinham um coração 
disposto e se mantinham reavivados em relação às coisas de Deus. 
Talvez você esteja pensando: Como eu gostaria de estar animado, mas 
não me sinto assim! Não sei o que fazer para me reavivar. 
Uma das maneiras de fazê-lo é parar de andar com pessoas apáticas todo o 
tempo. Se você se pergunta por que anda deprimido, com preguiça, frio e 
indiferente à vida, talvez seja porque você está se relacionando com pessoas que 
são assim. Os espíritos são transferíveis. Com isso, o que quero dizer é que se 
você passar a conviver com pessoas animadas e reavivadas em relação às coisas 
de Deus, não demora muito e você se sentirá animado e reavivado. Se você 
conviver com um visionário, logo você terá visão ampla também. Mas se você se 
relaciona com pessoas que