Resumo AV1   Processo Civil III
5 pág.

Resumo AV1 Processo Civil III


DisciplinaDireito Processual Civil 32.725 materiais11.778 seguidores
Pré-visualização2 páginas
à
sentença.
Teoria da causa madura
Para a teoria da causa madura, é possível que o tribunal julgue o mérito da apelação
desde logo quando há condições de imediato julgamento e o retorno dos autos ao juízo de
primeiro grau resultaria em desnecessária protelação do processo. É essa teoria que
informa o art. 1.013, §§ 3º e 4º do Novo CPC
4) Embargos de Declaração: é cabível (conforme determina a redação do art. 1.022 e
incisos do CPC) contra qualquer decisão judicial obscura ou contraditória, para: suprir
omissão de decisão judicial, seja sobre ponto ou questão pela qual se devia pronunciar o
juiz de ofício ou a requerimento da parte; ou ainda para corrigir erro material. 
Quanto ao prazo para interposição, ele é o único recurso do rol do art. 1.003, § 5°,
do CPC que terá prazo de 05 (cinco) dias, conforme prevê o art. 1.023 do CPC.
Quanto aos efeitos, os embargos têm efeito devolutivo, \u201cdevolvendo ao órgão
prolator da decisão a questão embargada\u201d (PINHO, 2016). 
Como regra, os embargos de declaração não têm efeito suspensivo (art. 1.026,
caput, do CPC), cabendo este efeito (conforme §1° do citado artigo) se demonstrada a
probabilidade de provimento do recurso ou, sendo relevante a fundamentação, se houver
risco de dano grave ou de difícil reparação. Nesse caso, a eficácia da decisão monocrática
ou colegiada poderá ser suspensa pelo respectivo juiz ou pelo o relator no tribunal. 
A doutrina considera que os embargos de declaração possuem efeito modificativo
(efeito infringente); isso porque, algumas vezes, ao se dar provimento aos embargos, o
recurso pode alterar o resultado da decisão judicial recorrida. Nesse caso, a doutrina
entende que os embargos de declaração possuem efeito infringente. 
5) Recurso Ordinário: trata-se de recurso dirigido ao STJ ou STF e tem cabimento nas
ações que são processadas originariamente no ambito dos tribunais, semelhante a
apelação, deve cumprir os mesmos requisitos que esta.
Prazo: 15 dias úteis.
Efeitos: devolutivo amplo, mas não terá efeito suspensivo automático, caso seja
necessária a obtenção deste efeito, aplica-se as regras do art. 1029 §5º
6) Recursos Especiais: ambos tem prazo de 15 dias e buscam rever decisões judiciais
viciadas em irregularidades e inconstitucionalidades. Nestes tribunais discute-se matéria
de direito, não matéria fática, salvo de houver conexão entre a matéria fática e questão
jurídica, demonstrando que a questão jurídica foi mal apreciada.
1. Recurso Especial \u2192 STJ \u2013 discutirá matéria infraconstitucional, que atinge a
Constituição de forma reflexa.
2. Recurso Extraordinária \u2192 STF \u2013 afronta diretamente matéria de cunho
constitucional (contida na CF).