A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
32 pág.
RELATORIO PAMELA CLINICA

Pré-visualização | Página 2 de 5

OBJETIVO GERAL
 
	Construir e justificar uma conduta dietoterápica adequada à situação clínica do paciente, integrada ao conhecimento adquirido nas disciplinas teóricas cursadas durante a graduação. 
2.2 OBJETIVOS ESPECÍFICOS 
 
Sumarizar todos os atendimentos nutricionais realizados no estágio em Nutrição Clínica, na Clínica Escola de Nutrição da FAMEBLU. 
Relatar as atividades específicas realizadas durante o estágio. 
Relatar um caso clínico completo (relato de caso). 
Desenvolver material educativo para os pacientes e orientações nutricionais específicas para os pacientes atendidos. 
Atividade desenvolvida dentro da cozinha pedagógica com preparação de receitas nutricionais para orientação aos pacientes da clínica escola.
Desenvolvelver materias de atividades de educação alimentar e nutricional e participar de ações em Escolas e Empresas da região.
Organização do evento de interação dos alunos do ensino médio com os cursos disponiveis na UNIASSELVI.
Desenvolver matérias para serem utilizados como padrão na clínica escola durante o período de estágio.
Montar um livro de receitas com assunto pré-determinado.
3 ATIVIDADES DESENVOLVIDAS 
3.1 Atendimentos Clínicos Nutricionais
O atendimento nutricional na clínica escola de nutrição é individualizado, e cada paciente é tratado como único. A clínica disponibiliza ao estagiário 5 protocolos para guiar o atendimento, que diferencia-se de criança, adolescente, adulto/idoso, gestante e atletas.
O protocolo é composto de um questionário nutricional ambulatorial, recordatório da dieta habitual e avaliação antropométrica, aonde é realizada a aferição do peso e estatura para classificação (IMC), circunferênciase dobras cutâneas para indentificação de riscos de doenças metabólicas e doenças associadas à obesidade.
A partir dos dados coletados do paciente é possível identificar o estado nutricional e percentual de gordura.. Em seguida, é realizado o cálculo da ingestão habitual e os cálculos de TMB e EER para identificar as necessidades energéticas diárias. Para estimar ganho ou perda de peso por mês foi utilizado o método do Valor Energético de Tecido Adiposo (VENTA). O próximo passo é elaborar um plano alimentar e repassar ao paciente a conduta nutricional.
Foram atendidos até o término deste relatório 30 pacientes com 7 retornos de 30 dias e 3 retornos de 60 dias.
Quadro 1 - Relação de pacientes atendidos na clínica escola FAMEBLU (CENF), nos meses de Outubro, Novembro e Dezembro de 2018, durante estágio de nutrição clínica.
	Nº
	Iniciais
Nome
	Data de
Nascimento
	Data 1ª
consulta
	Nº de
Consultas
	Motivo da
Consulta
	Tipo de
Consulta
	01
	H. M.
	14/08/2002
	11/10/2018
	2
	Ganho de massa magra
	1ª consulta
	02
	J. P. S.
	14/08/1984
	11/10/2018
	1
	Reeducação Alimentar/Perda peso
	1ª consulta
	03
	T. A.
	04/08/1964
	11/10/2018
	1
	Controle da diebetes/Perda peso
	1ª consulta
	04
	B. S.
	01/05/1996
	17/10/2018
	2
	Reeducação Alimentar/Perda peso
	Retorno de 30 dias
	05
	T. C.
	02/04/1995
	17/10/2018
	1
	Reeducação Alimentar
	1ª consulta
	06
	C. E. T.
	17/06/1999
	19/10/2018
	2
	Ganho massa magra
	Retorno de 30 dias
	07
	V. L.
	23/03/1961
	19/10/2018
	2
	Reeducação Alimentar/Perda peso
	Retorno de 30 dias
	08
	T. R. F.
	09/07/1988
	19/10/2018
	1
	Reeducação Alimentar
	1ª consulta
	09
	G. K.
	11/07/1999
	24/10/2018
	2
	Reeducação Alimentar/Perda peso
	1ª consulta
	10
	H. C. S.
	28/04/1997
	24/10/2018
	1
	Reeducação Alimentar/Perda peso
	1ª consulta
	11
	F. L.
	08/06/1977
	25/10/2018
	2
	Reeducação Alimentar/Perda peso
	1ª consulta
	12
	S. T. M. K.
	12/05/1963
	25/10/2018
	1
	Perda peso
	1ª consulta
	13
	D. B. M. C.
	25/10/1996
	26/10/2018
	1
	Perda peso
	1ª consulta
	14
	J. I. T.
	18/05/1974
	26/10/2018
	2
	Reeducação Alimentar
	Retorno de 60 dias
	15
	D. R. Z. C.
	18/12/1977
	31/10/2018
	2
	Perda peso
	Retorno de 30 dias
	16
	I. M. K.
	17/04/1998
	31/10/2018
	2
	Reeducação Alimentar/Perda peso
	1ª consulta
	17
	G. S.
	19/07/2000
	09/11/2018
	1
	Ganho de massa muscular
	1ª consulta
	18
	K. C.
	01/03/1996
	09/11/2018
	1
	Reeducação Alimentar/Perda peso
	1ª consulta
	19
	R. P. P.
	04/09/1975
	09/11/2018
	1
	Reeducação Alimentar/Perda de peso
	Retorno de
30 dias
	20
	M. F.
	29/12/1988
	21/11/2018
	1
	Reeducação Alimentar/Perda peso
	1ª consulta
	21
	W. R. D. R.
	19/02/2000
	31/10/2018
	1
	Ganho massa muscular
	Retorno de 30 dias
	22
	K. B.
	26/01/1991
	22/11/2018
	1
	Reeducação Alimentar/Perda peso
	1ª consulta
	23
	K. S. A.
	14/06/1995
	23/11/2018
	1
	Reeducação Alimentar/Perda peso
	1ª consulta
	24
	G. M. P. V.
	10/02/1999
	28/11/2018
	1
	Reeducação Alimentar
	1ª consulta
	25
	T. C. P.
	11/05/1994
	28/11/2018
	2
	Perda peso
	1ª consulta
	26
	S. S.
	31/05/1994
	28/11/2018
	2
	Ganho massa magra
	1ª consulta
	27
	Y. C. M. B.
	13/11/1974
	30/11/2018
	1
	Controle da diebetes/Reeducação alimentar gestacional
	1ª consulta
	28
	S. T. M. K.
	12/05/1963
	07/12/2018
	2
	Perda peso
	Retorno de 30 dias
	29
	C. E. T.
	17/06/1999
	06/12/2018
	1
	Ganho massa magra
	Retorno de 60 dias
	30
	B. S.
	01/05/1996
	07/12/2018
	1
	Reeducação Alimentar/Perda peso
	Retorno de 60 dias
	31
	F. L.
	08/06/1977
	07/12/2018
	1
	Reeducação Alimentar/Perda peso
	Retorno de 60 dias
3.2.	ATIVIDADE ESPECÍFICA 
Dentro do estágio em clínica escola os acadêmicos desenvolveram algumas atividades específicas entre elas foram:
3.2.1 Atividade na Escola Estadual João Durval
	A atividade foi realizada na Escola Estadual João Durval no dia 20/10/2018, das 09h00min ao 13h00min. Foi realizado com os alunos, pais e professores, para demostrar a quantidade de óleo e sódio presentes nos alimentos ultra-processados e demonstrar a variedade dos temperos e ervas in natura disponiveis. Foram utilizados alimentos ultra-processados com a quantidade de óleo e sal presentes nos alimentos como, margarina, torrada, macarrão intastantaneo, lasanha, queijo muçarela, bebida lactea de chocolate, bolacha receada, caldo de galinha e pacotes com temperos e ervas. Foi disponibilizado um folder com as orientações nutricionais sobre estes alimentos algumas dicas nutricionais (APÊNDICE A).
3.2.2 Desenvolvimento do folder para as áreas de atuação do Nutricionista
Em 16/10/18 foi desenvolvido um folder com as áreas de atuação que o profissional da área da Nutrição podem atuar no mercado de trabalho, como material de divulgação para o evento do SIN, feira de interação dos alunos do ensino médio com os cursos disponiveis na UNIASSELVI. Esse material foi disponibilizado pela Uniasselvi – Fameblu, no evento do SIN (APÊNDICE B).
3.2.3 Desenvolvimento do protocolo utilizado na clínica escola
Foi desenvolvido em Outubro o material para os estágiarios da clínica escola com o objetivo de padronizar os protocolos utilizados como base na hora de calcular e organizar os dados dos pacientes que foi utilizado durante todo o periodo do estágio. Foi encaminhado para professora e orientadora que rapidamente analisou e disponibilizou para uso na clínica escola. (APÊNDICE C).
3.2.4 Ação Social na SIPAT da Souza Cruz
	No dia 30/10/18 os acadêmicos Pamela, Sabrina e Monique montaram na empresa Souza Cruz uma mesa explicativa sobre alimentos in natura, minimamente processado e ultra processado, mostramos na prática quanto havia de gorduras e sal em alguns alimentos ultra-processados, distribuímos panfletos explicativos em forma de promover uma vida mais saudável. A proposta da atividade foi levar informação de qualidade para os colaboradores sobre alimentos saudável e como indenticar o nível de processamento do alimento. 
Concluímos que muitos desconheciam produtos minimamente processados e desconheciam a diferença de processado para os ultra processados. Ficaram impactados com a prática

Crie agora seu perfil grátis para visualizar sem restrições.