Aula 2 Determinantes Saúde Doença 2018 2
31 pág.

Aula 2 Determinantes Saúde Doença 2018 2


Disciplina<strong>eepep</strong>6 materiais
Pré-visualização1 página
Profa Andressa Rodrigues de Souza 
2018 
DETERMINANTES DO 
PROCESSO SAÚDE 
DOENÇA 
\u2022 Equilíbrio; 
\u2022 Alivio; 
\u2022 Alegria; 
\u2022 Disposição; 
\u2022 Ânimo 
 
 Ter saúde não é somente ausência de doença. 
SAÚDE 
\u2022 Sofrimento; 
\u2022 Limitação; 
\u2022 Perda física; 
\u2022 Perda da dignidade; 
\u2022 Anormalidade; 
\u2022 Desvio; 
\u2022 Perigo; 
\u2022 Condenação; 
\u2022 Desequilíbrio 
 
DOENÇA 
Difícil saber onde acaba a saúde e 
começa a doença... 
Processo &quot;saúde-doença\u201d 
 
\uf097O indivíduo como uma unidade 
biopsíquica onde o conjunto corpo-
mente integra-se ao social e ao 
ambiente. 
 
\uf097O Processo Saúde Doença é 
resultante das condições DE... 
 
ALIMENTAÇÃO 
EDUCAÇÃO 
 
HABITAÇÃO E MORADIA 
RENDA 
MEIO AMBIENTE 
TRANSPORTE 
 
ACESSO AOS SERVIÇOS DE SAÚDE 
 
A SAÚDE PORTANTO, É UMA 
EXPERIÊNCIA RESULTADO DO 
EQUILIBRIO DINÂMICO 
QUE ENVOLVE OS ASPECTOS 
FISÍCOS E PSICOLÓGICOS DO 
ORGANISMO, ASSIM COMO 
SUAS INTERAÇÕES COM O MEIO 
AMBIENTE NATURAL E SOCIAL 
\u2022 Como a população entende o \u201c O que 
é ter Saúde\u201d ? 
 
 Será que existe Influencia nos \u201cModelos 
de Atenção à Saúde\u201d oferecidos para a 
população? 
 
As pessoas só 
procuram 
atendimento quando 
estão doentes??? 
 
Setor Saúde Atenção 
FRAGMENTADA 
Centrada em aspectos 
biológicos da 
assistência individual 
PERSPECTIVA HISTÓRICA... 
DETERMINAÇÃO SOCIAL 
\u2022 Europa: 1830 \u2013 1870 (Seculo XIX): Movimento de 
Medicina Social. 
 
\u2022 Virchow \u2013 Pai da Medicina Social (determinação 
social do processo saúde doença) 
\u2013 Avaliou uma Epidemia de Tifo... 
Doença infectocontagiosa. As bactérias se desenvolvem em um 
reservatório animal e é transmitida ao homem pela picada de 
insetos infectados (piolhos, pulga dos ratos e carrapatos), ou pela 
contaminação com suas fezes. 
 A infecção ocorre especialmente em locais com más condições 
sanitárias e de higiene e com grande aglomeração de pessoas. 
Medicina Social 
Essa situação de vida da 
população gerava 
doença... 
\u2022 Grande oferta de mão de 
obra barata; 
\u2022 Longas jornadas de 
trabalho: 16 horas/dia; 
\u2022 Se alimentavam no chão 
das fábricas; 
\u2022 Muitas mulheres tinham 
seus partos no interior das 
fábricas; 
\u2022 Trabalho infantil. 
Péssimas 
condições de 
trabalho 
Para melhorar a situação daquela 
população e combater as epidemias: 
 
\u2022 Recomendou-se 
uma série de 
transformações 
no modelo 
econômico , 
político e social 
A população 
não precisava 
apenas do 
atendimento 
médico 
Aumento da 
oferta de 
empregos, 
acesso à posse 
de terra, 
melhores 
salários 
\u2022 À partir de 1870: Novo Jeito de Ver Saúde (Modelo 
Biomédico). 
 
\u2022 A concepção da determinação social do processo saúde-
doença começa a entrar em declínio. 
 
\u2022 Surge um novo paradigma na formação médica: Modelo 
Médico Hegemônico. Mudança na FORMAÇÃO dos 
profissionais da saúde (médicos). 
 
\u2013 CORPO (Máquina) x MÉDICO (função de consertar a 
máquina) 
MODELO MÉDICO HEGEMONICO 
\u2022 Descoberta dos microorganismos. 
 
\u2022 Modelo de ensino centrado na Unicausalidade. 
 
\u2022 Modelo Flexneriano = Modelo Biomédico 
MODELO MÉDICO HEGEMONICO 
Fragmentado (super 
especializado.) 
Médico-centrado 
Biologicista 
Olhar voltado apenas para a DOENÇA 
Intervenção no indivíduo 
Modelo Médico-Hegemônico 
Modelo Médico Assistencial 
Modelo Médico Assistencial Flexneriano 
Medicina centrada 
nos hospitais 
 Medicamentos Exames 
Mas as contradições 
permanecem e se 
aprofundam... 
Transição... 
\u2022 Essa concepção biomédica (hegemônica) trouxe 
avanços tecnológicos para a área da saúde. 
 
\u2022 Mas a população continuava desassistida, aumento 
da transmissão de doenças, aumento das mortes... 
 
\u2022 Profunda crise de assistência à Saúde no Brasil. 
Sra. Cristina, com queixa de insônia chega à 
unidade de saúde. No atendimento médico, 
ao ser questionada, diz que está preocupada 
com a filha e os netos, pois foram embora 
de casa e não mandam notícias. Refere 
ainda que não consegue dormir porque 
parece que a casa dela vai cair em cima da 
sua cabeça. Foi prescrito diazepan. 
Na segunda consulta, ela diz que houve pouca 
melhora da insônia. Na terceira consulta ela 
falta e a equipe resolve fazer uma visita 
domiciliar. Chegando na casa, a equipe 
verificou que realmente a casa iria \u201ccair na 
cabeça da paciente\u201d. A estrutura da casa 
estava em péssimas condições. 
Será que problemas sociais, econômicos estão sendo 
tratados apenas com medicamentos??? 
Década de 70 e 80: 
 
\u2013 Movimentos para mudança do modelo hegemônico... 
 
\u2013 Surgimento das primeiras Residências em Medicina 
Comunitária. 
\u2013 Estudantes, Intelectuais, Profissionais de Saúde se unem em 
busca de um único objetivo: democratização da saúde. 
 
\u2022 Movimento pela Reforma Sanitária 
» Conceito Ampliado de Saúde 
\u2022 1986 - 8ª Conferencia Nacional de Saúde 
\u2022 1990 \u2013 Criação do SUS 
 
Apesar do conceito ampliado de 
saúde... 
\u2022 O SUS ainda apresenta muitas lacunas... 
\u2022 Fragilidade do Modelo Biomédico... 
\u2022 Culpabilização do indivíduo... 
 
 
Sr. João, 51 anos, hipertenso, chega na consulta de rotina com o médico da unidade e 
recebe as orientações para praticar algum exercício físico, ter uma alimentação mais 
saudável e evitar o estresse. Sr. João fica pensando no seu cotidiano... Sai de casa às 
5:30 hs da manhã e retorna às 19:00hs. Chega em casa muito cansado, sem 
disposição para atividade física. O local que mora não oferece nenhuma atividade de 
lazer. E com cinco filhos para criar, não sobra dinheiro para uma alimentação 
saudável com frutas e legumes. 
Determinantes do processo 
\u201csaúde-doença\u201d 
SAÚDE 
Biológicos 
Políticos 
Economi-
cos 
Sociais 
Compor- 
tamentais 
Culturais 
ESTADO DE 
SAÚDE 
DETERMINANTES DO ESTADO DE SAÚDE 
Caracteres Raciais e 
Antropológicos 
Caracteres Genéticos e 
Hereditários 
Sexo e Idade 
Hábitos, Vícios, 
Abuso de Drogas 
Outros: Alimentação, 
Exercício, etc. 
Lazer, Recreação. 
Residencia 
Trabalho 
Sócio-Econômico 
(salário, etc) 
AMBIENTE 
SERVIÇOS 
DE SAÚDE 
ESTILO DE 
VIDA 
BIOLOGIA 
Reabilitação 
Tratamento 
Prevenção e 
Promoção 
Contribuição estimada de quatro fatores nas 10 principais causas de morte de pessoas com 
menos de 75 anos 
CAUSAS DE MORTE 
 
Doenças do Coração 
Câncer 
Acidentes com veículos a motor 
Outros acidentes 
Acidentes vasculares cerebrais 
Homicídios 
Suicídio 
Cirrose hepática 
Gripe / Pneumonia 
Diabetes 
 
Todas as 10 causas juntas 
Estilo de Vida 
 
54 
37 
69 
51 
50 
63 
60 
70 
23 
34 
 
50.5 
Ambiente 
 
9 
24 
18 
31 
22 
35 
35 
9 
20 
0 
 
20.1 
Biológica 
 
25 
29 
1 
4 
21 
2 
2 
18 
39 
60 
 
19.4 
Serviços de 
Saúde 
12 
10 
12 
14 
7 
0 
3 
3 
18 
6 
 
10 
FATORES 
Para refletir... 
\u2022 Doença x Lucro ? 
 
\u2022 Interesses econômicos x interesses da 
população? 
 
\u2022 O que fazer para transformar essa 
realidade??? 
 
 
Obrigada!