Avaliação educacional
11 pág.

Avaliação educacional

Disciplina:Avaliação Institucional744 materiais7.163 seguidores
Pré-visualização11 páginas
02/03/2019 AVALIAÇÃO EDUCACIONAL \u2013 Blog do Freitas | Destinado a temas sobre avaliação educacional. Contra a destruição do sistema \u2026

https://avaliacaoeducacional.com/ 1/25

MEC: a ideologia acima de tudo
Publicado em 28/02/2019

O ministro Velez, conservador, já está no terceiro comunicado do MEC, informa a Folha de São Paulo, em sua
missão de ajustar à lei suas \u201cafoitices\u201d ideológicas. A versão original da polêmica nota do Ministro saiu de um
rompante deste, sem que o setor jurídico do MEC fosse consultado.

A versão original não só tem um slogan de campanha, o que é manifestamente ilegal inclusive pelo apelo religioso,
como revela a cartilha autoritária pela qual atuam os conservadores: a imposição de seus valores aos demais em
todas as áreas. Eles acham que possuem os princípios perenes da \u201cfundação do mundo\u201d, alguns deles deturpados
pelos próprios liberais e claro, pelos socialistas.

Para incredulidade geral da nação, o Ministro queria demonstrações de que sua determinação (depois disfarçada
de recomendação) havia sido cumprida, através de filmagens que deviam ser enviadas ao MEC, esquecendo-se de
que as escolas de educação básica estão sob administração de estados e municípios e não do governo federal. Eis
como agem os conservadores. Os liberais (e talvez até mesmo os neoliberais) ficaram vermelhos e engoliram seco.
A pressão obrigou Bolsonaro a dizer ao ministro que deveria \u201cpedir desculpas e desfazer\u201d a solicitação.

Mas, ante o silêncio inicial do governo, coube aos estados (e ao Conselho Nacional de Secretários de Educação)
bloquear a doutrinação militar pretendida pelo MEC. O Conselho Estadual de Educação de São Paulo acaba de
emitir um Parecer que deveria ser lido pelo Ministro como parte de sua formação \u201ccívica\u201d. Cabe ao Conselho
Estadual regular as normas das escolas públicas e privadas do Estado e não ao MEC.

Mas, dos conservadores devemos esperar isso mesmo. Há 200 anos ou mais que eles convertem seus valores em
\u201ccarolices\u201d cívicas, religiosas e ideológicas, que julgam iluminar o mundo. Já não entusiasmam mais ninguém, a
não ser eles mesmos, em uma espécie de \u201cauto-fragelação\u201d pelos \u201cdescaminhos da humanidade\u201d que devem ser
contidos com a educação cívica e a obediência à \u201cordem natural das coisas\u201d. Já se esqueceram dos efeitos
deletérios que a ditadura militar criou na juventude quando esta foi confinada nas escolas para atender a gestos
como este \u2013 bem lembrado por Hélio Schwartsman em um texto na Folha de São Paulo: Eu me orgulho de não
saber o hino.

A função dos 10 minutos de glória que os conservadores (olavetes e evangélicos no governo) ganharam neste
início de governo é arranjar votos para passar as reformas dos neoliberais. Já gastaram boa parte dos 10 minutos
elegendo Bolsonaro e criando uma série de manobras diversionistas. Não sem consequências, são, de certa forma,
os \u201cbobos da corte\u201d destinados aos momentos de diversão. Os liberais (de olho em 2022) assistem, pois o que
interessa é a agenda econômica \u201co resto não tem pressa\u201d.

Entre o pessoal ligado à educação, à medida que o tempo passa, a paciência vai acabando.

Publicado em Militarização de escolas, Velez no Ministério | Marcado com Resistência | Deixe um comentário

Espírito Santo ignora carta de Ministro
Publicado em 27/02/2019

AVALIAÇÃO EDUCACIONAL \u2013 Blog do Freitas
Destinado a temas sobre avaliação
educacional. Contra a destruição do
sistema público de educação e contra a
desmoralização dos professores pelas
políticas de responsabilização.

02/03/2019 AVALIAÇÃO EDUCACIONAL \u2013 Blog do Freitas | Destinado a temas sobre avaliação educacional. Contra a destruição do sistema \u2026

https://avaliacaoeducacional.com/ 2/25

Seguindo posição do CONSED \u2013 Conselho Nacional de Secretários de
Educação -, o Estado do Espírito Santo também declara que não vai
atender carta do Ministro.

O texto alerta que, mesmo voluntariamente, os gestores \u201cnão deverão
produzir imagens dos alunos para fins alheios às atividades da Secretaria\u201d.

Publicado em Assuntos gerais, Militarização de escolas, Velez no Ministério | Marcado com Resistência | Deixe um comentário

Maranhão ignora carta do Ministro
Publicado em 27/02/2019

Seguindo posição do CONSED \u2013 Conselho Nacional de Secretários de Educação -, o Maranhão declarou que
também não vai atender carta do Ministro. No texto o governo do Estado afirma que:

\u201co foco do Maranhão é discutir a qualidade da educação a partir de um
ambiente escolar do livre pensar e agir, ou seja, democrático,
participativo e que incentiva o protagonismo juvenil para a formação
de cidadãs e cidadãos conscientes, responsáveis e críticos\u201d.

Publicado em Assuntos gerais, Militarização de escolas, Velez no Ministério | Marcado com Resistência | Deixe um comentário

CNTE: carta de Ministro é doutrinamento
Publicado em 27/02/2019

A Confederação Nacional dos Trabalhadores em Educação \u2013 CNTE \u2013 divulgou Nota Pública na qual critica a carta
enviada pelo Ministério da Educação às escolas brasileiras e afirma que a iniciativa do Ministro \u201cescancara um
governo despreparado\u201d e \u201cexplicita a indigência intelectual a que estamos submetidos\u201d.

Leia íntegra aqui.

Publicado em Militarização de escolas, Velez no Ministério | Marcado com Resistência | Deixe um comentário

Paraíba ignora pedido do Ministro da Educação
Publicado em 26/02/2019

Seguindo posição do CONSED \u2013 Conselho Nacional de Secretários de Educação -, Paraíba declara que também
não vai atender carta do Ministro.

\u201cO secretário de educação disse que a carta do ministro é um \u201crompante\u201d. \u201cEla não foi discutida em
nenhum momento, nem com a secretaria da Paraíba, nem com nenhuma outra secretaria de
Educação. Ela fere o principio da autonomia\u201d, afirmou Trindade.\u201d

02/03/2019 AVALIAÇÃO EDUCACIONAL \u2013 Blog do Freitas | Destinado a temas sobre avaliação educacional. Contra a destruição do sistema \u2026

https://avaliacaoeducacional.com/ 3/25

Leia mais aqui.

Publicado em Militarização de escolas, Velez no Ministério | Marcado com Resistência | Deixe um comentário

CONSED orienta ignorar nota do Ministro da Educação
Publicado em 26/02/2019

A decisão do Estado de Pernambuco de ignorar a determinação do
MEC está baseada em nota do Conselho Nacional de Secretários de
Educação \u2013 CONSED \u2013 que igualmente entendeu que a \u201cação fere
não apenas a autonomia dos gestores escolares, mas dos entes da
federação. Agrega ainda que o ambiente escolar deve estar imune a
qualquer tipo de ingerência político-partidária. De quebra, envia um
\u201crecado\u201d ao Ministro: \u201cpriorizem um verdadeiro pacto na busca pela
aprendizagem\u201d.

Publicado em Assuntos gerais, Militarização de escolas, Velez no Ministério | Marcado com Resistência | 1 Comentário

Pernambuco ignora nota do Ministro da Educação
Publicado em 26/02/2019

A Secretaria de Educação do Estado de Pernambuco decidiu ignorar a nota do Ministro da Educação que
determinava leitura de sua carta sob os acordes do Hino Nacional. Ela
considerou que a determinação fere a autonomia das instituições
escolares e dos Estados.

Publicado em Militarização de escolas, Velez no Ministério | Marcado com Resistência | Deixe um comentário

MEC: carta de Ministro deve ser lida e filmada em escolas
Publicado em 25/02/2019

Inacreditável. Hoje à tarde o Ministro da Educação divulgou carta de sua autoria juntamente com instruções para
que ela seja lida nas escolas no primeiro dia de aula. Além disso, enviou instruções para que a leitura seja feita
com os alunos perfilados ante a bandeira, cantando o hino nacional. Trechos da atividade devem ser filmados e
enviados à Secretaria de Comunicação do governo com identificação da escola. Eis o email com as instruções:

\u201cPrezados Diretores, pedimos que, no primeiro dia da volta às aulas, seja lida a carta que segue
em anexo nesta mensagem, de autoria do Ministro da Educação, Professor Ricardo