A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
2 pág.
Direito Empresarial II - Caso concreto semana 04

Pré-visualização | Página 1 de 1

Aluna: Viviane do Amaral Pereira Teixeira 
Matrícula: 20150462311-8 
Curso: Direito 
 
 
Direito Empresarial II 
 
Semana 4 
 
 
Caso concreto: (OAB – XIV Exame – Prático-Profissional – 2ª Fase – 2014) Uma letra de câmbio foi 
sacada por Celso Ramos com cláusula “sem despesas” e vencimento no dia 11.09.2013. O tomador, 
Antônio Olinto, transferiu a cambial por endosso para Pedro Afonso no dia 03.09.2013. O título 
recebeu três avais, todos antes do vencimento, sendo dois em branco e superpostos, e um aval em preto 
em favor de Antônio Olinto. A letra de câmbio foi aceita e o endossatário apresentou o título para 
pagamento ao aceitante no dia 12.09.2013. Diante da recusa, o portador, no mesmo dia, apresentou o 
título a protesto por falta de pagamento, que foi lavrado no dia 18.09.2013. Com base nas informações 
contidas no texto e na legislação cambial, responda aos seguintes itens: 
 
a) Quem é o avalizado nos avais em branco prestados na letra de câmbio? São avais simultâneos 
ou sucessivos? Justifique. 
Resposta: O sacador Celso, são simultâneos pois são avais em branco (assumem a obrigação em 
cota parte) – Súmula 189 do STF. 
 
b) Nas condições descritas no enunciado, indique e justifique quem poderá ser demandado em 
eventual ação cambial proposta pelo endossatário? 
Resposta: Apenas ao aceitante, pois o título foi apresentado, intempestivamente, artigo 53. 
 
Questão objetiva: 1. (TJMG – Juiz – 2014) Com relação à nota promissória, analise as afirmativas, 
assinalando com V as verdadeiras e com F as falsas. 
( V ) O prazo para ajuizamento de ação monitória em face do emitente de nota promissória sem força 
executiva é quinquenal, a contar do dia seguinte ao vencimento do título. 
( F ) A ação cambial contra o endossador e o avalista da nota promissória prescreve em trinta e seis 
meses contados do dia em que ação pode ser proposta. 
( V ) O devedor somente poderá opor ao portador da nota promissória exceção fundada em direito 
pessoal, na nulidade de sua obrigação e na falta de requisito necessário ao exercício da ação cambial. 
( V ) Sendo a nota promissória rural, emitida por uma cooperativa em favor de seus cooperados, um 
título de crédito de natureza causal, a respectiva execução se encontra vinculada à eficácia do negócio 
jurídico subjacente. 
Assinale a alternativa que apresenta sequência CORRETA. 
a) FVVF 
b) VFVV 
c) VVFF 
d) FFFV 
Resposta: Letra B.