A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
19 pág.
Anatomia dos Sistemas UNIP

Pré-visualização | Página 4 de 6

da boca para a faringe, onde ocorre a fase automática da deglutição, conduzindo o alimento até o estômago. Portanto, são estruturas, respectivamente, das bochechas, do assoalho de boca e do palato: 
A - Papila parotídea, prega franjada e papila incisiva
49 - A boca, também referida como cavidade oral, é formada por uma série de tecidos que formam suas paredes laterais, anterior, superior e inferior. Uma passagem estreita entre uma projeção do teto da cavidade (denominada úvula palatina) e o dorso da língua, se comunica com a faringe. A cavidade oral consiste no local que o alimento é ingerido e preparado para a digestão no estômago e no intestino delgado. O alimento é mastigado pelos dentes, e a saliva, proveniente das glândulas salivares, facilita a formação de um bolo alimentar controlável. A deglutição é iniciada voluntariamente nesta cavidade. A fase voluntária do processo empurra o bolo da cavidade da boca para a faringe, onde ocorre a fase automática da deglutição que conduz o alimento até o estômago. Dessa maneira, sobre os limites da cavidade oral, assinale a alternativa que corresponde aos limites inferior, lateral e superior, respectivamente:
C - Assoalho da boca, bochechas e palato.
50 - A cavidade oral, também conhecida como boca é formada pelas bochechas, lábios palato e assoalho da boca com a língua (importante para o transporte de alimentos, sentido do gosto e fala). A língua forma junto com os músculos do assoalho da boca e do palato mole, o limite posterior desta cavidade conhecido como istmo das fauces. É na boca, onde o alimento é ingerido e inicia-se a digestão. O alimento é mastigado pelos dentes, e a saliva, proveniente das glândulas salivares, facilita a formação de um bolo alimentar controlável. A deglutição é iniciada voluntariamente na cavidade da boca. A fase voluntária do processo empurra o bolo da cavidade da boca para a faringe (parte expandida do trato digestório), onde ocorre a fase involuntária da deglutição. A cavidade oral é dividida em duas partes: vestíbulo da boca e cavidade própria da boca. O vestíbulo da boca é o espaço semelhante a uma fenda entre os dentes e a gengiva, os lábios e as bochechas. A cavidade própria da boca é o espaço entre os arcos dentais: superior e inferior, que quando a boca está fechada e em repouso, é ocupada pela língua. Com o auxilio das informações contidas no texto, aponte a alternativa abaixo que contém estruturas, respectivamente: em cavidade oral e em vestíbulo da boca.
D - Papila parotídea e frênulo do lábio superior
51 - A cavidade oral representa a porta de entrada do sistema digestório. É revestida por uma mucosa composta por epitélio escamoso estratificado, localizado sobre um tecido conectivo denso e irregular, rico em colágeno e que abriga as glândulas salivares. menores. Para fins descritivos, a cavidade oral é subdividida em duas regiões principais. Portanto, como se denomina o espaço semelhante a uma fenda situada entre os lábios, as bochechas e os dentes?
D - Vestíbulo da boca
52 - Analise as afirmativas abaixo: I. A obstrução dos ductos presentes na carúncula sublingual impede a drenagem das glândulas submandibulares. II. A papila do ducto parotídeo localiza-se na cavidade própria da boca próximo ao 2º molar superior. III. As pregas palatinas transversas apresentam um padrão comum com poucas variações. IV. O forame incisivo fica no terço anterior do palato, onde existe maior quantidade de mucosa. Com relação aos dados apresentados, está correto APENAS o que se afirma em:
E – IV
53 - O Helicobacter pylori, é uma bactéria que vive no estômago e intestino delgado. Ela apresenta a incrível capacidade de sobreviver em um dos ambientes mais inóspitos do organismo. O estômago possui um pH inferior a 4, ou seja, é extremamente ácido. Essa acidez além de ajudar a digerir os alimentos, serve como proteção contra bactérias e vírus ingeridos com os alimentos. Poucos são os seres que conseguem sobreviver em um ambiente tão ácido. A infecção por esta bactéria é a mais comum infecção bacteriana do mundo. Mais de 50% da população mundial tem a bactéria em seu estômago. Em alguns países da África, Ásia e América do Sul, a prevalência é de até 90% da população. A transmissão é feita principalmente pela via fecal/oral, ou seja, através da ingestão de alimentos ou água contaminados. A transmissão oral/oral também é possível apesar de parecer menos comum. A presença do Helicobacter pylori está associada a um maior risco de: gastrite, úlcera do duodeno, úlcera do estômago, câncer do estômago e linfoma do estômago. Esta bactéria habita tipicamente a saída do estômago, podendo colonizar também a primeira parte do intestino delgado. Com base no texto acima e em seus conhecimentos anatômicos, assinale abaixo a alternativa que corresponde à saída do estômago e à primeira parte do intestino delgado, respectivamente:
D - Parte pilórica e duodeno
54 - A dificuldade no relaxamento dos músculos esfincteres, que regula a passagem do estômago ao duodeno, provoca um aumento exagerado do conteúdo estomacal. Essa condição não é rara em crianças até três meses de idade. O enchimento exagerado do estômago força a criança a vomitar, o que pode levar a desequilíbrios nutricionais. Em adultos, situação semelhante pode ocorrer devido o aumento tumoral do tecido muscular esfinctérico. O músculo esfíncter em questão é (Snell, 1999):
B - Músculo esfíncter do piloro
55 - O sistema digestório é dividido em canal alimentar e órgãos anexos, sendo que, o canal alimentar é um tubo contínuo que se estende da boca ao ânus por onde passam e são absorvidos os nutrientes. Já as glândulas anexas consistem em órgãos responsáveis por participar do processo de digestão de diferentes maneiras. Com o auxílio desta definição, julgue as afirmações que se seguem.
O fígado produz a bile.
 II. O estômago é dividido anatomicamente em: parte cárdica, fundo gástrico, corpo gástrico, curvatura maior e menor, e parte pilórica.
 III. As glândulas salivares são consideradas endócrinas.
 IV. A primeira parte do intestino grosso é o duodeno. 
V. O esôfago pertence apenas à parte supradiafragmática do canal alimentar. 
Estão corretas, APENAS, as afirmações:
B - I e II
56 - O estômago tem a forma semelhante à letra “J” e é dividido em regiões para melhor serem localizadas lesões. O ______ (1) ______ é sua porção mais alta, localizada diretamente acima do (a) ______ (2) ______. A sua porção final é constituída ______ (3) ______, que se continua com o ______ (4) ______. Assinale a alternativa que corresponde às lacunas do texto.
 A - 1- fundo gástrico; 2- corpo gástrico; 3- parte pilórica; 4- duodeno.
57 - O sistema digestório é dividido em canal alimentar e órgãos anexos, sendo que, canal alimentar é um tubo contínuo que se estende da boca ao ânus por onde passam e são absorvidos os nutrientes. Já as glândulas anexas consistem em órgãos responsáveis por participar do processo de digestão de diferentes maneiras. Com o auxílio desta definição, julgue as afirmações que se seguem. 
O fígado produz a bile.
 II. O estômago é dividido anatomicamente em: parte cárdica, fundo gástrico, corpo gástrico, curvatura maior e menor, e parte pilórica.
 III. As glândulas salivares são consideradas endócrinas. 
IV. A primeira parte do intestino grosso é o duodeno. 
V. O esôfago pertence apenas à parte supradiafragmática do canal alimentar. 
Estão corretas, apenas, as afirmações
B - I e II
58 - A exploração da cavidade peritoneal revela distensão da vesícula biliar. Sua localização é (Modificado April, 2000):
B - Entre os lobos do fígado direito e quadrado.
59 - O fígado é a maior glândula do organismo, e é também a mais volumosa víscera abdominal. Sua localização é na região superior do abdome, logo abaixo do diafragma, ficando mais a direita, isto é, normalmente 2/3 de seu volume estão à direita da linha mediana e 1/3 à esquerda. Pesa cerca de 1,500g e responde por aproximadamente 1/40 do peso do corpo adulto. Baseado nas informações Em relação ao fígado leia as

Crie agora seu perfil grátis para visualizar sem restrições.