PLANO DE AULA INTERDISCIPLINAR   Tecnologia   Escola e Educação
6 pág.

PLANO DE AULA INTERDISCIPLINAR Tecnologia Escola e Educação


Disciplina<strong>ciencia</strong>9 materiais2 seguidores
Pré-visualização1 página
PLANO DE AULA INTERDISCIPLINAR
PARAÍSO DO NORTE
5
2016
Amanda Mara de Andrade Oliveira
Andreia Menezes Silva
Elisangela Lima Quadros
Erica de Oliveira
Gislaine da Silva Costa
Lucas Eduardo de Oliveira
Paulo Sergio de Souza
Valdirene Prado Nascimento 
Plano de Aula Interdisciplinar
Trabalho apresentado como requisito para a aprovação na Disciplina de Escola e Sociedade do curso de Pedagogia da Faculdade de Paraíso do Norte.
Professora: Noremy Lattanzio
PARAÍSO DO NORTE
2016
ESCOLA: Escola De Ensino Fundamental da FAPAN
SÉRIE: 5º ano
PROFESSORES: 
Amanda Mara de Andrade Oliveira
Andreia Menezes Silva
Elisangela Lima Quadros
Erica de Oliveira
Gislaine da Silva Costa
Lucas Eduardo de Oliveira
Paulo Sergio de Souza
Valdirene Prado Nascimento 
DURAÇÃO DA AULA: 30 minutos 
DISCIPLINA: Interdisciplinar (Português, Ciências, Educação Física e Artes) 
CONTEÚDOS: Expressão do tema através de pequenos textos e arte, doenças causadas pelo uso excessivo dos dispositivos eletrônicos, Alongamento.
OBJETIVO GERAL:
Expor os benefícios e prejuízos da influência tecnológica na vida da criança. 
OBJETIVOS ESPECÍFICOS:
- Refletir sobre os diferentes contextos familiares presentes na sala de aula;
- Português
- Incentivar a linguagem oral e escrita;
- Produzir um texto explicativo sobre o tema;
- Ciências
- Apresentar as doenças e os distúrbios tecnológicos causados pelo uso excessivo dos dispositivos eletrônicos; 
- Arte
- Produção de um panfleto usando desenhos, recortes e colagens;
- Educação Fisica
- Praticar exercícios de alongamento.
METODOLOGIA:
 
A sala deve estar em circulo para a primeira atividade que consiste em explicar de forma prática os benefícios e prejuízos da tecnologia, em forma de teatro, encenando a realidade de uma família que encontra dificuldades com o excesso das tecnologias. 
Após o teatro será feita uma reflexão sobre o que o teatro expressa em relação ao uso excessivo das tecnologias. 
Logo através de exposição oral os alunos tomarão conhecimento dos benefícios das diversas tecnologias e dos prejuízos do uso excessivo delas: os prejuízos serão: torcicolo, lesões por esforços repetitivos (LERs), inchaço, dor e dormência nos dedos causados por digitação repetitiva, obesidade e dores nas costas e nos ombros, falta de vínculos sociais dentro e fora de casa. Os benefícios serão: as pesquisas, a comunicação rápida e o auxilio no aprendizado. 
Em seguida a sala será dividida em quatro grupos, onde cada um fará uma atividade externalizando os conteúdos apresentados durante a aula, através de desenhos, texto e recortes e colagens produzindo um folheto explicativo sobre o tema. 
Para finalizar a aula as crianças participarão de uma sessão de alongamento, como prevenção aos possíveis danos causados pelo uso excessivo dos dispositivos tecnológicos. 
Logo os alunos verão receberão o folheto que produziram sobre o uso das tecnologias. 
AVALIAÇÃO:
 Os alunos serão avaliados no desempenho das habilidades e competências utilizadas nas atividades propostas. 
RECURSOS: 
- Itens para o teatro. 
- Jornais e revistas, ou imagens impressas. 
- Papel Sulfite;
- Tesouras, Colas;
- Lápis preto para desenho, 
- Máquina para tirar cópias do folheto produzido pelos alunos. 
 Teatro
A mãe coloca a comida na mesa e chama a família pra comer, mas só o pai vai, os filhos estão cada um em um dispositivo eletrônico, um está no vídeo game, um no celular, e o outro no computador. A mãe continua insistindo pela companhia dos filhos na mesa, ela chama varias vezes, porém eles não respondem, a mãe diz que a comida vai esfriar e o filho do celular vai, mas continua no celular, os outros filhos vão depois que eles começam a comer, reclamam que a comida está fria e pedem para a mãe esquentar. Os pais ficam bravos e dizem que não vão esquentar, pois a culpa de estar fria é deles. Todos comem com o celular na mão, dizem que a comida está ruim e saem da mesa. Os pais comentam que estão querendo ir ao cinema para comemorar um aumento que o pai teve, mas os filhos se recusam a ir. Depois do almoço voltam a seus afazeres quando três amigos aparecem e os chamam para brincar na rua, mas eles não aceitam e não desgrudam do celular, vídeo Game e computador. Os amigos saem tristes e vão brincar. Os pais ficam muito chateados com aquela situação e resolvem tirar o celular o computador e o vídeo game deles, eles rateiam e ficam bravos com a mãe o pai, mas saem para fora e ficam sentados olhando os amigos. Logo os pais saem e vão sozinhos ao cinema. Os filhos percebem que seus amigos estão se divertindo e um a um vão cedendo e se envolvendo na brincadeira, quando os pais chegam devolvem os celulares mas os filhos já não querem parar de brincar. 
REFERÊNCIAS:
Disponivel<http://canaltech.com.br/noticia/saude/Estudo-revela-os-prejuizos-que-a-tecnologia-pode-causar-as-criancas/> acesso em 04 jun de 2016.
Disponívem< http://www.tecmundo.com.br/estilo-de-vida/32723-ate-que-ponto-a-tecnologia-faz-mal-na-infancia-.htm> acesso em 04 jun de 2016.
Disponível< http://blog.clinipam.com.br/como-o-uso-excessivo-de-tecnologias-pode-causar-doencas/> acesso em 04 jun de 2016.