A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
2 pág.
obj e tivo  da   e ntre vista   dom i ci l i a r é   cla ro

Pré-visualização | Página 1 de 1

obj e tivo da e ntre vista dom i ci l i a r é cla ro; o que é pre ciso e vita r a s vi si ta s dom i ci l i a re s á s hora s de re fe i çã o; 
que é possíve l a ce i ta r alg um a s corte si a s com o, ca fe z i nho , re fre sco, e tc. 
16- Du ra nte o est agi o c urric ul ar, o es t agi ári o dep ar a s e c oma at u aç ão d o pr ofis s ion al c on fo rme as c omp etênci as 
pre vis t a no a rt. 4ºdo c ó digo de ét ic a ( lei 8 662/ 93) c it e um ex em plo d e atuaç ão vi ve nc iad o no c am po d e es t ágio e 
c orrel aci on e –o a u m dos it ens re fe rid os : A CRIT É RIO DO AL UN O 
 R- No ca m po de e stá gi o o b se rve i a a ssi ste nte socia l ori e nta n do a m ãe de uma cria nça a procura r ajuda no 
C EMA DI, poi s o c om porta m e nto da cria nça e sta va se nd o di fe re ncia d o da s o utra s, poi s e sta va a gre ssi va , 
m e ntia consta nte m e nte e tira va obj e tos de ca sa e d e outro s l ug a re s onde e sta va , poi s e sta cria nça pre cisa ri a 
de um a a valia çã o de um profissi ona l que a tua n a á re a psicol ógi ca . 
17- P o rq ue o est ági o é p art e int e gr ante d a ap ren diz ag em pr o fiss ional ? 
R- È no pe rí odo do e sta gi o que o a ca dê mi co te m o conta to com a prá ti ca profissi ona l a pa rti r de sua i nse rç ã o 
e m um de te rm i na do e spa ço sócio ocu pa cion a l . 
18- A pr atic a pr ofis s . . do as s is t . s oci al oc orre em ambi entes ins t it uc ional, s eja el e pu blic o ou p ri vad o, e s ofr e pr es s ões 
e infl uenci as di retas e in diret as n o c oti dian o pr ofi s s i o nal. Fre qu ent em. O int e res s e do pro fis s ion al ent r a em c on fli t o s 
c om o da ins t it uiç ão. . nest e c aso qual c o nh ec im ent o s ust enta u ma i nte r vençã o c om efet i vi dad e, us an do ex em plos 
vi venc i a dos no c am po d e es t ágio ? 
R-Se l e ci ona ndo os u suá ri os de vido a d e m a nda se r m a i or do que os se rviço s do s p ro ce di m e nto s 
i nsti tuci ona i s, fa z e n do o uso de tria ge m pa ra a i nse rçã o da q ue le s qu e se a pre se nta e m situa çõe s de 
vulne ra bi l i da de d o que dos de m a i s. 
19- O qu e a i nst rum ent alid ad e poss i bilit a a o ass is t . s oc ial no ex ercíc i o pr ofi s s ion al? 
R: Ca pa cida d e do ponto d e vista te óri co e m e todológi co, é tico -pol i tico e té cni co-ope ra tivo, ou se j a , possui 
m e i o e té cnica s, e ne l e há o conhe cim e nto da re a lida de funda m e nta da n a conce pçã o te óri ca com o 
i nstrum e nto de tra b a l ho. 
20- o ass is t ente s oci al é prota gonis t a n a de fes a de di reitos qu an do atu a nos c ons el hos de p olit ic as públi c as , c omo 
s aúde e as s is t ênci a s oc ial, ou qua ndo atua n os c onselhos d e dir eitos de c ria nç as e adol esc ent es , do idos o e do 
de fic i ent e. N es s es espaços , qual o p ap el do p ro fis s ional d o s er viço s oc ial? 
R- Cont ri bui na socia l i z a çã o de i nform a çõe s que pode m sub si di a r a formul a çã o de po l i ti ca s so cia i s publ i ca s 
pa ra ga ra ntir o a ce sso da popul a çã o a os di re i to s socia i s que sã o a sse gu ra do s por l e i . pg113 
21- Gue rr a (2 00 0) d efen de q ue as qu es t ões s oc iais es t ão c ada vez mais c omplex as e o E s t ado, p or s ua vez , a 
s ubdi videm no ate ndim ent o p elas pol ít ic as s oci ais . Para ent e nde r a es s as dem and as , exigem -s e pro fis s ion ais que 
impleme ntem as de vid as pol ít ic as s óc ias , e, de c ert a for ma, c ontrib uam p ar a a pr od uç ão mat erial e i deol ógic a d a 
fo rç a do t ra bal ho. C om bas e n as ideias d a aut o ra e n a dis c us s ão s ob re ins t rum ent ali da de, faç a um t ex t o dis s ert ati vo 
de ap rox. . 10 lin has s obr e a I nserçã o do ass is t ente s oci al na di vi s ã o s oci otéc nic a do t r abal ho. 
R: 
22-A vida c otidi ana não é hom ogê ne a.. . a quat r o f orm as de s us pe ns ão d a vid a c oti dian a – d e pass ag em do 
mera m ent e s i n gula r ao hum ano g en érico. Qu ais s ão elas? 
Re spo sta: S ão ela s: o tra bal ho, a ar te, a ci ên cia e a m oral 
23- Cit e um d os b enef íc ios q/ o est ági o s upe rvis io na do f or nece a o alu no. 
Re spo sta: In seri r o ac adêmi co n o s e spaç o s i n sti tucion ai s d e a tua ção do servi ç o soci al. 
24- Na p ers p ec t iva d urk heimia na, as ins t it uiç ões s ão marca das po r no rmas , re gras e valo res. . . qual o r es ultad o d a 
ref le xão do ass is t ente s oc ial s ob es s a pers pect iv

Crie agora seu perfil grátis para visualizar sem restrições.