A Astrologia da Mãe -Terra - Marcia Starck
127 pág.

A Astrologia da Mãe -Terra - Marcia Starck


DisciplinaAstrologia611 materiais2.087 seguidores
Pré-visualização50 páginas
pôr fim a velhos padrões e tratar de doenças como a artrite e o reumatismo. 
Diamante \u2013 é a mais dura das gemas, e sempre tem sido associada à cerimônia 
do casamento. Amplifica a busca e a pesquisa da alma e facilita a obtenção da 
clareza de espírito. Usados internamente, os diamantes fortalecem o corpo, 
nutrem os tecidos e melhoram a compleição. Os diamantes aparecem em formas 
variadas; às vezes são redondos e, por vezes, são em forma de pirâmides de 
quatro lados. Quatro é o número de Saturno. 
Ônix \u2013 é uma variedade de ágata; o ônix preto tem sido colorido artificial-
mente há anos. E também chamado de pedra "nagel" ou "nail" (unha), pois é útil 
para as unhas, o cabelo e a pele. Confere a seriedade, a perseverança, a 
humildade, pensamentos profundos, força espiritual, reserva e destemor. E 
usado na ocorrência de distúrbios e acidentes circulatórios. O ônix é utilizado 
em rosários, para ajudar a concentração; é também empregado em anéis de 
sinete e em adornos de roupa, durante os velórios. O ônix melhora a audição e a 
atenção e é prescrito em doses homeopáticas para certos distúrbios auditivos. 
 
Calcita verde \u2013 funciona para manter o equilíbrio mental, no sentido de a 
pessoa desprender-se de conceitos ultrapassados e adotar novos. Quando os 
conceitos mentais e emocionais se tornam muito rígidos, manifestam-se com 
freqüência nos ossos, ligamentos, tendões e nas cartilagens. A calcita verde é 
útil nesses casos, que se transformam muitas vezes em artrite, reumatismo e 
tendinite. Ela pode ajudar a canalizar o efeito curativo para o tecido ósseo. É 
boa também para abrandar indisposições acompanhadas de calor, como febres e 
condições emocionais ligadas à ira. 
 
URANO 
As pedras regidas por Urano são usadas para dar origem a novas idéias, 
estimular os centros mentais mais elevados e ajudar a abandonar velhos 
padrões. São também calmantes do sistema nervoso, quando fortes vibrações 
uranianas estiverem presentes. 
Lápis-lazúli \u2013 é uma pedra azul-escura, misturada com Seita branca e contendo 
manchas de ouro ou de pirita. Possui uma forte vibração espiritual, e era uma 
das pedras do peitoral do sumo sacerdote. Moisés inscreveu os Dez 
Mandamentos em blocos de lápis. No Egito antigo ela era conhecida como a 
pedra dos deuses; as manchas de ouro representavam as estrelas do céu 
noturno, e as pedras eram consideradas "pedras de toque", para adivinhação do 
futuro. Elas eram moídas e transformadas em corante para as roupas dos sumo 
sacerdotes e das pessoas de sangue real. Os egípcios julgavam que, usando essa 
cor, tomavam-se representantes dos deuses, e que forças sobre-naturais dariam 
poder às suas vidas. O lápis também era pulverizado e usado como remédio 
para certos males e como antídoto contra envenenamentos. O lápis em pó era 
aplicado em forma de cataplasma sobre a cabeça. Ao secar, expulsava os 
demônios e afastava as impurezas da alma. Em casos extremos, fazia-se um 
pequeno furo no crânio, e o pó de lápis era colocado diretamente na cabeça do 
endemoninhado. Era também colocado em água morna e aplicado sobre 
inflamações e nervos doloridos, e a água era usada como colírio. O lápis é uma 
das sete pedras preciosas do Budismo. É usado para ajudar a limpar ou purgar a 
aura; é freqüentemente colocado na área do terceiro olho, para penetrar nos 
bloqueios do subconsciente. O lápis representa a travessia simbólica da 
escuridão, para encontrar o próprio Deus interior; as manchas douradas 
simbolizam a sabedoria que é alcançada. 
Safira \u2013 é uma pedra sagrada entre os budistas. Acredita-se que tenha uma 
poderosa influência na pureza; é usada em anéis eclesiásticos, na igreja católica. 
Os terapeutas védicos da Índia empregam-na para tratar o reumatismo, as 
cólicas e as doenças mentais. E conhecida como protetora dos olhos e do 
coração, e para superar a melancolia, a febre e os efeitos do veneno. Suas 
mudanças de cor são um alerta de que estamos prestes a entrar em contato com 
uma influência negativa. A pedra mencionada como safira, na Bíblia, na 
realidade é o lápis. 
Água-marinha \u2013 é uma pedra mística; é associada a Urano, e proporciona 
clareza mental e onisciência. Uma vez que é boa para os olhos, é usada na 
confecção de óculos. Fica melhor num colar comprido para que atinja a região 
do coração e influencie o plexo solar. É útil nos casos de nervos doloridos, 
distúrbios glandulares, problemas no pescoço, no queixo e na garganta, dores de 
dentes e problemas no fígado e nos olhos. 
Azurita \u2013 é uma pedra de cor azul-índigo escura, usada pelos sumo sacerdotes e 
sacerdotisas do Egito, a fim de elevar sua consciência e fazê-los entrar em 
contato com a energia divina. Os cristais da azurita são usados para curar todas 
as partes do corpo e para pôr fim a velhos padrões do subconsciente, enquanto 
novas idéias e energias são canalizadas para o reino mental. A azurita pode ser 
colocada sobre qualquer parte do corpo onde exista um bloqueio físico; como o 
raio azul-escuro penetra e dissolve a energia, os motivos emocionais e psíquicos 
que causam o bloqueio podem vir à tona. 
NETUNO 
As gemas associadas ao planeta Netuno funcionam para aumentar a 
sensibilidade psíquica, a fim de aperfeiçoar a receptividade à música e à poesia, 
e para agir em estados de consciência mais elevados. 
Ametista \u2013 tem sido sempre associada à realeza, devido à sua cor purpúrea. 
Atrai para si forças que estão sendo dirigidas a um determinado corpo, e repele 
as vibrações de que o corpo não necessita. E usada para mudanças de estados de 
consciência, desde o despertar normal até áreas de consciência alterada. O raio 
da ametista reflete a habilidade de se mudar de uma realidade para outra; por 
esse motivo, é uma das melhores pedras para a meditação, e pode ser colocada 
sobre o terceiro olho. É útil para as pessoas magoadas e 
 
que estão numa encruzilhada. Uma vez que sua cor é uma combinação de 
vermelho e azul, leva a paz aos estados de ira e de ânimo exaltado; é usada na 
tensão resultante de trabalho excessivo e de esgotamento. A ametista é 
empregada em casos de enxaquecas e de pesadelos ou sonhos maus, quando 
pode ser colocada sob o travesseiro, antes de dormir. A ametista também 
protege a pessoa contra a embriaguez e os venenos; combate a abstração mental 
de Netuno e Peixes e confere clareza nas profecias e na interpretação dos 
sonhos. A ametista ajuda os pescadores em seu trabalho e encoraja o 
desenvolvimento das plantas sob o solo. E também usada em doenças da pele. 
(Colocada em água fervente, utiliza-se o líquido para limpeza da pele.) E usada 
também em casos de daltonismo. Na Idade Média, era mais valiosa do que o 
diamante, mas quando a humanidade começou a demonstrar menos interesse 
pelos assuntos espirituais, seu valor decresceu. A descoberta de ricas minas de 
ametista na América do Sul também influiu no seu valor. 
Fluorita - aparece em forma de drusas, octaedros e pirâmides. Permite à mente 
manter um estado de meditação em meio à atividade física. Representa a 
polaridade da ametista, que consiste na experiência interior de rendição da 
mente. A fluorita leva essa experiência ao processo diário de pensamento, 
permitindo à pessoa divisar a sabedoria por trás das aparências do mundo 
exterior. Transmite ao plano físico formas de verdade mais elevadas. A fluorita 
pode ser usada no tratamento de certos tipos de doenças mentais e de distúrbios 
nas freqüências das ondas cerebrais. Aumenta a carga elétrica das células 
cerebrais, o que proporciona mais força vital ao cérebro, ajudando, desse modo, 
a expandir a consciência. 
Jade - também é regido por Vênus devido à sua cor verde. É considerado a 
pedra mais preciosa na China e no Japão; os chineses acreditam que ele 
proporciona um elo entre o espiritual e o mundano. Os antigos egípcios usavam-
no em amuletos, e acreditavam que