A Cozinha Astrológica - Marie Geberg & Monique Maine
289 pág.

A Cozinha Astrológica - Marie Geberg & Monique Maine


DisciplinaAstrologia611 materiais2.095 seguidores
Pré-visualização45 páginas
Sal, pimenta; 
Dois nabos; Sal grosso. 
 
Comecem por descascar todos os legumes. Cortem as cenouras, os nabos, as 
batatas e as aboborinhas de modo a darem-lhes uma forma bonita. Cozam-
nos separadamente em água salgada, tal como a couve. Ponham de lado. 
Vazem as águas das cozeduras numa panela, juntando 1 l de água, a cebola 
picada com os cravinhos-da-índia, o ramo de cheiros, os alhos-porrós atados 
e o aipo. Cozam este caldo durante vinte minutos, coem-no. Ponham de lado 
os alhos-porrós e o aipo. Deixem arrefecer o caldo na panela. Juntem então 
os salmonetes escamados e sem tripas, os filetes de linguado e os lagostins. 
Acrescentem ainda os peque-nos legumes guardados, a couve, os alhos-
porrós, o aipo. Suavemente, levem à ebulição, mantenham-na durante dez 
minutos. Sirvam em pratos fundos uma escolha de peixes, de legumes, 
reguem com o caldo e apresentem ao mesmo tempo o sal grosso 
 
Uma cozinha natural para o seduzir. 
 
 
OS LEGUMES 
BATATAS NO FORNO 
 
(Para 4 pessoas) 
Quatro grandes batatas; Sal, pimenta; 
500 g de natas; Quatro folhas de alumínio para 
Um ramo de funcho; cozinha. 
Um ramo de ervas aromáticas; 
Em água corrente, lavem e esfreguem as batatas sem as descascar. 
Enxuguem-nas bem num pano. Coloquem as batatas no prato do forno, 
deixem-nas assar durante cerca de hora e meia, voltando as batatas em meia 
cozedura. Assim que estejam assadas, envolvam-nas numa folha de alumínio 
de cozinha. Conservem-nas quentes no forno apagado. Piquem as ervas 
aromáticas e o funcho, misturem estas ervas com as natas, deitem sal e 
pimenta. Apresentem cada batata num prato, desfaçam o alumínio e façam 
uma cruz na parte de cima da batata, para a escavar. Guarneçam o interior 
com as natas de ervas. Sirvam com uma colher 
Também cozinha natural. As batatas assadas na brasa serão ainda 
melhores. 
SALADA 
 
(Para 4 pessoas) 
400 g de trigo pisado; 2 dl de azeite; 
1 kg de tomates sumarentos; Sal, pimenta; 
Um grande ramo de hortelã- Uma pitada de pimenta; 
pimenta; Doze cebolinhas; 
Um ramo de salsa; Três cebolas picadas. 
Cinco limões sumarentos; 
 
Comecem este prato com doze horas de antecedência. Piquem 
finamente as três cebolas, os três quartos do ramo de hortelã-pimenta e o 
ramo de salsa. Pelem os tomates, cortem-nos aos quadradinhos. Numa 
saladeira, deitem o trigo pisado, os tomates, as cebolas e as ervas picadas, as 
cebolinhas, o sumo dos limões, o azeite, sal e pimenta. Mexam tudo. 
Conservem fresco pelo menos durante doze horas, mexendo muitas vezes. 
Passado este tempo, o trigo deve ter absorvido todo o sumo dos tomates, 
o limão e o azeite. No momento de servir, provem, ratifiquem o 
tempero, se assim for preciso, e acrescentem o que resta da hortelã-pimenta 
picada 
 
Uma salada insólita, que tem sempre muito êxito. 
FLANZINHOS DE MILHO 
 
(Para 4 pessoas) 
300 g de milho em bagos de Uma colher de sopa de óleo; 
conserva; Sal, pimenta; 
0,25 l de leite; Noz-moscada raspada; 
Dois ovos; Oito pequenas formas para 
100 g de farinha; tartezinhas de bordos lisos. 
Numa terrina, deitem a farinha peneirada, façam uma abertura 
ao centro e dentro introduzam os ovos. Comecem a misturar a 
massa com batedeira, depois estendam-na, incorporando pouco a 
pouco o leite e o óleo. Deitem sal, pimenta, noz-moscada. Enxuguem bem o 
milho, juntem-no à massa. Untem com pincel cada uma das formas e levem-
nas a forno quente. Tirem-nas imediatamente com três quartos da preparação 
de milho. Voltem a meter no forno, deixem cozer quinze minutos. Sirvam 
como acompanhamento de carnes assadas 
O milho, que com tanta freqüência se esquece, é um legume de que ele 
deve gostar por ser bom para a sua saúde. 
 
ABOBORINHAS COM ARROZ 
(Para 4 pessoas) 
 
 
300 g de arroz agulha; 75 g de queijo flamengo estufado 
Três aboborinhas; e ralado; 
60 g de manteiga; Sal, pimenta, noz-moscada. 
Lavem as aboborinhas, não as descasquem, sequem-nas e cortem-nas às 
rodelas. Meçam o arroz num copo graduado. Deitem o arroz numa caçarola, 
molhem com duas vezes o seu volume de água, aqueçam até à ebulição e 
acrescentem as aboborinhas. Deitem sal, pimenta, noz-moscada, tapem e 
deixem cozer durante vinte minutos em fogo brando. Fora do lume, 
incorporem a manteiga e o ralado, misturem, sirvam sem demora 
 
Um prato rápido para uma noite vulgar. 
PURÊ DE CENOURAS 
 
(Para 4 pessoas) 
1 kg de cenouras; 0,25l de natas; 
Duas batatas Sal, pimenta, noz-moscada. 
0,25 l de leite; 
Descasquem as cenouras, cortem-nas aos quartos, cozam-nas, em 
1,5 l de água salgada, durante quarenta e cinco minutos. Vinte 
minutos antes do fim da cozedura, juntem as duas batatas, igualmente 
cortadas em quartos. Sequem bem os legumes, passem-nos 
pelo moinho de legumes em grelha fina. Juntem imediatamente 
o leite a ferver, depois as natas. Misturem bem, conservem 
quente em fogo brando. Sirvam com grelhados de vaca ou de 
carneiro 
Um prato sóbrio que lhe faz bem. 
 
AS SOBREMESAS 
LADRILHOS DE SÊMOLA 
(Para 4 pessoas) 
 
 
150 g de sêmola de milho; Um saquinho de açúcar 
0,5 l de leite; baunilhado; 
100 g de açúcar; Quatro gemas de ovos; 
150 g de manteiga. 
Numa caçarola, fervam o leite com o açúcar e o açúcar baunilhado. Dentro, 
deitem a sêmola em chuva, misturando com espátula 
de madeira e deixem cozer cerca de cinco minutos, mexendo 
sempre. Fora do lume, incorporem 50 g de manteiga, mexam. 
Depois, uma a uma, juntem as gemas de ovo, mexendo bem 
cada gema. Untem uma pequena forma de bolo e introduzam-lhe a 
preparação. Deixem a arrefecer. Tirem da forma, cortem 
às fatias e dourem-nas na frigideira no que restar da manteiga. 
Para servir, polvilhem com açúcar mascavado 
 
À base de milho é uma excelente sobremesa para a sua saúde. 
CEREJAS EM AGUARDENTE 
 
(Para 1 frasco de 1 l) 
1,250 kg de cerejas; 0,5 l de álcool para frutos. 
100 g de açúcar mascavado; 
Enxuguem as cerejas uma por uma num pano, cortem os pés a 
1 cm das cerejas. Coloquem as cerejas no frasco, cubram inteiramente de 
álcool. Rolhem. Deixem repousar três semanas num 
sítio escuro; juntem então o açúcar, agitando o frasco. Rolhem 
novamente. Comam um mês depois 
 
Para concluir um jantar em beleza. 
 
ARROZ DE DAMASCOS 
 
(Para 4 a 6 pessoas) 
250 g de arroz de bagos redondos; Quatro gemas de ovos; 
0,5 l de leite; 75.g de natas; 
100 g de açúcar mascavado; Um boião de doce de damasco; 
Um pau de baunilha; Duas colheres de sopa de rum. 
100 g de manteiga; 
 
Para a guarnição: 
 
Uma lata de damascos em xarope. 
Num passador, lavem o arroz e mergulhem-no imediatamente 
em 2 l de água. Fervam durante três minutos, escorram o arroz. 
Numa grande caçarola, ponham o leite a ferver com o açúcar e o 
pau de baunilha fendido em dois. Deitem o arroz. Tapem e 
deixem cozer em fogo brando durante cerca de trinta minutos. 
Logo que o arroz esteja cozido, tirem a caçarola do lume e 
incorporem a manteiga. Misturem as gemas de ovo um a um e as 
natas. Untem a forma em coroa, guarneçam-na de arroz, 
calquem bem. Deixem durante uma noite no frigorífico. No dia 
seguinte escorram os damascos em calda. Passem pelo passador 
fino o doce de damascos, diluam-nos um pouco com duas colheres de sopa 
do xarope dos damascos e de rum. Tirem da forma o 
bolo de arroz para um prato de serviço, guarneçam o interior 
com damascos e cubram tudo com a calda 
 
Uma maravilhosa sobremesa das nossas avós. 
TARTE DE UVAS 
 
(Para 4 a 6 pessoas) 
400 g de massa folhada Dois ovos; 
congelada; 30 g de açúcar mascavado; 
500 g de uvas brancas; Um saquinho de açúcar 
0,25 l de leite; baunilhado. 
30 g de farinha; 
 
Estendam a massa com rolo, com ela forrem uma forma para 
tarte. Cubram com uma folha de papel sulfurizado guarnecida