EPS  Alunos   DIREITO PENAL II.
2 pág.

EPS Alunos DIREITO PENAL II.


DisciplinaDireito Penal I77.692 materiais1.304.645 seguidores
Pré-visualização1 página
09/04/2019 EPS: Alunos
simulado.estacio.br/alunos/ 1/2
1a Questão (Ref.:201709301740) Pontos: 0,1 / 0,1 
São requisitos objetivos para a concessão da pena restritiva de direitos, EXCETO:
A pena privativa de liberdade aplicada não superior a 4 (quatro) anos
O crime não ter sido cometido com violência ou grave ameaça a pessoa
não será revogado, pois o crime foi anterior à sua concessão.
 A personalidade favorável do condenado.
Réu não reincidente em crime doloso.
 
2a Questão (Ref.:201709301950) Pontos: 0,0 / 0,1 
Assinale as assertivas a seguir e assinale a alternativa CORRETA: I) No concurso de causas de aumento ou de
diminuição de pena previstas na parte especial, não pode o juiz limitar-se a somente um aumento ou a uma só
diminuição, devendo proceder a todos os aumentos ou diminuições previstos legalmente. II) No concurso entre
agravantes e atenuantes a reprimenda deve aproximar-se do limite indicado pelas circunstâncias preponderantes,
entendendo-se como tais as que resultam dos motivos do crime, da personalidade do agente e da reincidência. III)
No concurso material benéfico, a pena correspondente ao concurso formal não pode exceder a pena que seria cabível
pela regra do crime continuado.
II e III estão corretas.
Apenas a I é correta.
 Apenas a III é correta.
I e III estão corretas.
 Apenas a II é correta.
 
3a Questão (Ref.:201709301692) Pontos: 0,1 / 0,1 
Leia com atenção as proposições e marque somente a alternativa INCORRETA
As circunstâncias atenuantes constituem um rol exemplificativo
 O motivo fútil constitui circunstância agravante que sempre agrava a pena, mesmo quando constitui ou
qualifica o crime
Não se consideram os crimes militares próprios ou políticos para fins de reincidência
As circunstancias agravantes estão alocadas em rol taxativo, não se admitindo analogia para ampliar as
hipóteses legais
A incidência da circunstância atenuante não pode conduzir à redução da pena abaixo do mínimo legal
 
4a Questão (Ref.:201709302625) Pontos: 0,1 / 0,1 
Com relação às penas restritivas de direito e privativas de liberdade, assinale a alternativa INCORRETA:
é inviável a substituição da pena privativa de liberdade em restritiva de direitos, quando o quantum da pena é
fixado acima de quatro anos em prática de crime doloso.
nenhuma das respostas anteriores.
 aplicada a pena restritiva de direitos, a mesma não admite a conversão à pena privativa de liberdade,
devendo ser cumprida até o final, observando-se as condições impostas, mesmo que ultrapasse o prazo da
pena privativa estabelecido na sentença.
as penas restritivas de direitos são autônomas e substituem as privativas de liberdade em situações
específicas.
as penas restritivas de direitos substituem as privativas de liberdade, entre outras situações, quando o réu
condenado não é reincidente em crime doloso.
09/04/2019 EPS: Alunos
simulado.estacio.br/alunos/ 2/2
 
5a Questão (Ref.:201709302295) Pontos: 0,1 / 0,1 
No tocante às circunstâncias atenuantes, é correto afirmar que:
a reparação do dano não há configura, constituindo apenas Causa Geral de diminuição da Pena
 o desconhecimento da Lei, embora inescusável pode ser empregado para atenuar a pena.
são inaplicáveis se não previstas expressamente em lei.
permitem a redução da pena abaixo do mínimo previsto na lei, segundo entendimento sumulado no Superior
Tribunal de Justiça.
esse bem na terceira etapa do cálculo da Pena.