A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
3 pág.
Avaliação Lit. Africana AV1

Pré-visualização | Página 1 de 1

Parte superior do formulário
			Avaliação: CEL0113_AV1_201201401186 » LITERATURAS AFRICANAS DE LÍNGUA PORTUGUESA
	Tipo de Avaliação: AV1 
	Aluno: 201201401186 - THUIANNE OLIVEIRA DE PAIVA 
	Professor:
	ANGELA CRISTINA DE SOUZA REGO
	Turma: 9001/AA
	Nota da Prova: 8,0 de 8,0         Nota do Trab.: 0        Nota de Partic.: 2        Data: 28/04/2015 17:27:44 
	
	 1a Questão (Ref.: 201201581842)
	1a sem.: PANORAMA HISTÓRICO-CULTURAL DA ÁFRICA
	Pontos: 0,5  / 0,5 
	A visão dos povos europeus em relação à África estabeleceu-se por:
		
	
	uma fraternidade entre os povos europeus e os povos africanos, considerados como irmãos. 
	
	parâmetros exóticos, proposta que ficou conhecida como tarzanismo. 
	
	valorização e adoção dos aspectos culturais africanos. 
	
	associação entre os valores culturais africanos e os valores culturais brasileiros. 
	
	compreensão de que seria necessário promover o desenvolvimento urbano nos países africanos colonizados. 
	
	
	 2a Questão (Ref.: 201201577810)
	1a sem.: LITERATURA ESCRITA
	Pontos: 0,5  / 0,5 
	No século XIX, aparecem os primeiros autores africanos de língua portuguesa. Eles são aculturados ou assimilados. Essa literatura produzida na África, com paisagens e figuras africanas, e denomina-se: 
		
	
	Nacional
	
	Colonial
	
	Primitiva
	
	Romântica
	
	Nativista
	
	
	 3a Questão (Ref.: 201201581855)
	2a sem.: PANORAMA HISTÓRICO-CULTURAL DA ÁFRICA
	Pontos: 0,5  / 0,5 
	"A residência dele era um embondeiro, o vago buraco do tronco. Tiago contava: aquela era uma árvore muito sagrada, Deus a plantara de cabeça para baixo". Esta passagem do conto "O embondeiro que sonhava pássaros", do autor moçambicano Mia Couto, representa um elemento do proprium africano. Assinale-a.
		
	
	O ritmo, o que é verificado no estilo de escrita do autor. 
	
	O respeito do homem africano à natureza e aos fenômenos naturais. 
	
	As energias da infância, já que o texto tem um personagem que é um menino.
	
	A ancestralidade, tendo em vista que a árvore conhecida como ¿embondeiro¿ é considerada sagrada. 
	
	A oralidade representada pela fala do personagem Tiago. 
	
	
	 4a Questão (Ref.: 201201581857)
	2a sem.: PANORAMA HISTÓRICO-CULTURAL DA ÁFRICA
	Pontos: 0,5  / 0,5 
	No contexto do proprium africano, qual a importância da figura do ¿velho¿?
		
	
	O ¿velho¿ é o detentor da sabedoria que os anos de vida lhe proporcionaram. 
	
	O ¿velho¿ representa a alegria da existência, considerando-se que ele perde a racionalidade sobre a existência. 
	
	O ¿velho¿ é o guia espiritual de cada tribo, aquele que mantém contato com os espíritos ancestrais. 
	
	O ¿velho¿ é sempre o iniciado, sensitivo, que prevê os fatos que acontecerão no futuro. 
	
	O ¿velho¿ representa a bondade e generosidade dos povos africanos. 
	
	
	 5a Questão (Ref.: 201201581880)
	3a sem.: A COLONIZAÇÃO E A RESISTÊNCIA
	Pontos: 1,0  / 1,0 
	Qual a proposta ideológica dos escritores africanos durante o processo de colonização?
		
	
	Incrementar o turismo nos países africanos. 
	
	Promover o reconhecimento das literaturas africanas em toda a Europa. 
	
	Buscar a valorização de cada escritor africano, individualmente. 
	
	Utilizar a literatura para comover os países europeus que não concordavam com a política de colonização.
	
	Transformar a literatura em arma de resistência contra a colonização europeia. 
	
	
	 6a Questão (Ref.: 201201605159)
	3a sem.: A COLONIZAÇÃO E A RESISTÊNCIA
	Pontos: 1,0  / 1,0 
	Francisco José Tenreiro, poeta nascido em São Tomé e Príncipe, dirige-se à sua terra natal no poema "Corpo Moreno" com os seguintes versos: "És tu minha Ilha e minha África / forte e desdenhosa dos que te falam à volta". O que os versos destacados representam? 
		
	
	A resistência do africano à colonização e à cultura europeia. 
	
	A alienação do eu lírico, que prefere fazer poemas românticos. 
	
	O sofrimento do eu lírico por não ter nascido na Europa. 
	
	A assimilação do africano à cultura europeia. 
	
	Um pedido de ajuda às nações livres, para que se ponha fim à guerra colonial. 
	
	
	 7a Questão (Ref.: 201201581886)
	4a sem.: A LITERATURA ANGOLANA
	Pontos: 1,0  / 1,0 
	O que promoveu o sucesso dos movimentos de guerrilha angolana? 
		
	
	A ajuda de outros povos colonizados, devido ao apelo da comunidade internacional. 
	
	A ajuda da ONU (Organização das Nações Unidas), por considerar justa a causa angolana.
	
	O apoio da população local e o fato de os poemas cantados terem se espalhado entre os angolanos. 
	
	A ajuda dos brasileiros, sensibilizados com a situação colonial. 
	
	A ajuda de médicos guerrilheiros cubanos, que entraram clandestinamente em Angola. 
	
	
	 8a Questão (Ref.: 201201581911)
	4a sem.: A LITERATURA ANGOLANA
	Pontos: 1,0  / 1,0 
	"Minha terra não tem os cristais Dessas fontes do só Portugal, Minha terra não tem salgueirais, Só tem ondas de branco Areal". Os versos em destaque, retirados da obra Espontaneidades da minha alma (1849), do angolano José da Silva Maia Ferreira, apresenta: 
		
	
	uma visão romântica de Portugal e realista de Angola.
	
	uma antecipação ao movimento de Negritude. 
	
	marcas de um autor aculturado, pois compara Angola com Portugal sob uma ideologia eurocêntrica. 
	
	uma frustração de não ter nascido no Brasil. 
	
	o desejo de libertação do povo angolano. 
	
	
	 9a Questão (Ref.: 201201654055)
	5a sem.: Cabo Verde
	Pontos: 1,0  / 1,0 
	Leia as afirmativas abaixo sobre a geração da Revista Cabo-Verdiana Certeza:
I ¿ Apresenta profunda preocupação com a perspectiva social.
II - Expressa um ponto de vista ateu sobre o mundo.
III - Enfoca o problema do isolamento do arquipélago.
		
	
	I e II estão corretas
	
	I e III estão corretas
	
	 Somente II está correta
	
	II e III estão corretas
	
	Somente III está correta
	
	
	 10a Questão (Ref.: 201201581915)
	5a sem.: O SÉCULO XIX E A NOVA LITERATURA ANGOLANA
	Pontos: 1,0  / 1,0 
	O Movimento dos Novos Intelectuais de Angola (ANANGOLA), que tinha como lema ¿Vamos descobrir Angola¿ foi inspirado em que outro movimento cultural? 
		
	
	No Movimento Neorrealista português da segunda metade do século XX. 
	
	No Movimento Romântico brasileiro do século XIX. 
	
	No Movimento Modernista brasileiro de 1922. 
	
	No Movimento Surrealista francês do século XX. 
	
	No Movimento Marxista que ganhou força em Portugal durante a ditadura salazarista.
	
	
	Período de não visualização da prova: desde 14/04/2015 até 04/05/2015.
Parte inferior do formulário

Crie agora seu perfil grátis para visualizar sem restrições.