Caso Concreto 10   Direito do Trabalho.
2 pág.

Caso Concreto 10 Direito do Trabalho.


DisciplinaDireito do Trabalho I27.353 materiais481.705 seguidores
Pré-visualização1 página
DI REI TO DO TRABALHO I - CCJ 0233 
Tít ul o 
Caso Concret o 10 
Descrição 
CASO CONCRETO: 
1- Marilene foi admiti da e m 01 do corrent e ano e trabal ha na Sociedade Empresária 
ABC Lt da., e, mensal ment e faz viagens a trabal ho. O val or das diárias é variável, mas 
a médi a que ela recebe é no i mport e de 70 % do salári o do seu salári o. O empr egador 
infor mou que as diárias para a vi age m não são consi deradas sal ári o, e, portant o não 
constit ue m base de i nci dênci a. Marilene disse que o e mpregador esta errado, tendo 
e m vista que a lei estabelece que se o percent ual ultrapassar 50 % os val ores deve m 
ser consi derados salári o. Analisando o caso concret o, e, com base nas alterações 
trazi das pel a Lei 13467/ 2017, escl areça se Marilene possui ou não razão e m sua 
argument ação? 
R: De acor do com o parágraf o 2º do art. 457 da CLT ajuda de cust os e vi agens que 
exceda m 50%, não se i ncl ue m nos sal ári os. Poré m se ficare m compr ovados paga ment os 
superi ores a 50% do sal ário de um trabal hador, el e te m di reitos das i ntegrações das 
di ári as em sua re muneração. 
Múlti pla Escol ha : 
FCC 2018 -José Henri que, vendedor de uma fábrica de gel adeiras e outros 
el etrodomésticos do Paraná, foi transferi do e m 01 de fevereiro de 2018 para trabal har na 
mai s nova filial da fábrica e m Cabo de Sant o Agostinho, mudando-se com a fa mília e 
passando a vi ver naquel e Muni cí pi o. Al é m de seu salári o fi xo, recebeu ao final do mês 
de fevereiro comi ssão pelas vendas realizadas, aj uda de cust o no val or correspondent e a 
40 % da sua re muneração mensal e prê mi o do di a do "represent ant e de eletrodo mésticos" 
(paga t odo ano no mês de fevereiro). Possui plano de saúde médi co e odontol ógi co e u m 
curso de i nglês t otal mente pagos pel a e mpresa. O e mpregado foi recl a mar com seu 
gerent e o não paga ment o do adi ci onal de transferênci a. Nesse caso, têm natureza salarial 
as comi ssões, 
a) a aj uda de cust o e o prê mio do di a do ?represent ante de eletrodomésticos?; o 
pl ano de saúde e o curso de i nglês caract eriza m salári o utilidade; o e mpregado te m 
direit o ao adici onal de transferênci a. 
b) a aj uda de cust o e o prê mio do di a do ?represent ante de eletrodomésticos?; o 
pl ano de saúde e o curso de i nglês não caract erizam sal ári o utilidade; o e mpregado te m 
direit o ao adici onal de transferênci a. 
c) o que não ocorre co m a aj uda de custo e co m o prê mi o; o pl ano de saúde e o 
curso de i ngl ês não caracteri za m sal ári o utili dade; o e mpregado não tem di reito ao 
adi ci onal de transferênci a.( CORRETA) 
d) e a aj uda de cust o, o que não ocorre com o prê mi o; o plano de saúde e o curso de 
inglês caract eriza m sal ário utilidade; o e mpregado não te m direito ao adici onal de 
transferência. 
e) e o prêmi o, o que não ocorre com a ajuda de custo; o plano de saúde e o curso de 
inglês não caract eriza m sal ári o utilidade; o e mpregado te m direito ao adicional de 
transferência.