AVS COMERCIO EXTERIOR
14 pág.

AVS COMERCIO EXTERIOR


DisciplinaComércio Exterior3.612 materiais19.883 seguidores
Pré-visualização3 páginas
Na estrutura do comércio exterior brasileiro existem determinados órgãos que, em razão da especificidade do produto que controlam emitem parecer técnico sobre o mesmo, na importação e na exportação. Cada um destes órgãos se responsabiliza, dentro da sua área de atuação, por atestar o cumprimento das exigibilidades nacionais em relação ao produto de sua área de competência. De que órgãos estamos falando?
Os Órgãos Anuentes como: Anvisa, ANP, Anatel, Aneel
	A intervenção do Estado na atividade de comércio exterior, agindo no sentido de resguardar seus interesses ou até de se ajustar à conjuntura do Comércio Internacional, cria a necessidade de uma estrutura que normatize e fiscalize o comércio exterior brasileiro. Assinale a única opção correta.
		
Secretaria da Receita Federal
O comércio internacional é constituído de duas operações básicas, a importação e a exportação. Abaixo apresentamos alguns conceitos relacionados à importação. Sinalize a opção correta:
Entrada de mercadorias ou serviços provenientes do exterior, no Brasil, com ou sem cobertura cambial.
É comum usarmos o termo comércio exterior e comércio internacional com o mesmo significado mas eles não são sinônimos. Assinale o verdadeiro significado de comércio exterior
Comércio Exterior é o comércio internacional condicionado às normas impostas por outro país ou bloco regional. São as normatizações com que cada país administra seu comércio com os demais, regulando as formas, métodos e deliberações para viabilizar este comércio.
A política do comércio exterior brasileiro pode ser definida como o ato de governar do Estado, com vistas à consecução e à salvaguarda dos Objetivos Nacionais, no que diz respeito ao comércio do Brasil com os demais países. Neste contexto assinale as respostas que identifiquem a interferência do Estado no Comércio exterior brasileiro:
O governo brasileiro dá as diretrizes aos empresários e comerciantes, para que os mesmos adotem os sistemas e procedimentos compatíveis com os interesses nacionais do momento.
A Organização Mundial do Comércio (OMC) é o órgão que administra, a partir de sua criação, os diversos tratados internacionais realizados como forma de praticar o livre comércio entre as nações influenciando o estabelecimento da legislação nacional de comércio exterior. Quais os tratados administrados, hoje, pela OMC? Assinale a opção correta:
TRIPS
Descreva os dois principais sistemas informatizados que controlam o comércio exterior brasileiro.
Siscomex e Sisbacen. 
Cite três órgãos anuentes nas operações de comércio exterior brasileiro.
Ministério da Saúde; Ministério da Agricultura; Ministério da Defesa; ANP - Agência Nacional de Petróleo; INMETRO - Instituto Nacional de Metrologia; DECEX - Departamento de Comércio Exterior; CNEN - Comissão Nacional de Energia Nuclear; Entre Outros.
Objetivando a reconstrução da ordem econômico-financeira mundial, abalada com a 2ª Guerra Mundial, teve lugar a Conferência de Bretton Woods, em 1944, da qual resultou a criação do FMI e do BIRD, mais conhecido como Banco Mundial. Mais tarde, o GATT, sucessor da OIC, trouxe uma nova ordem para o comércio internacional. Esta ordem estabelece que toda Parte-Contratante deve dispensar às demais Partes-Contratantes tratamento não menos favorável àquele dispensado aos produtos de qualquer outro país. De que "ordem" estamos falando?
A cláusula de nação mais favorecida.
A sistemática de Comércio Exterior do Brasil tem sua base operacional descrita nos Acordos Internacionais assinados pelo Brasil, bem como nas políticas econômicas por ele estabelecidas. O Governo institui, cobra impostos e regulamenta as operações de comércio internacional com base na sua competência, discriminada na Constituição Federal. Exportadores e, principalmente os importadores, enfrentam grandes desafios administrando esta sistemática. Neste contexto, assinale a única afirmativa correta:
Os impostos incidentes nas exportações mas, principalmente, nas importações são uma das principais dificuldades no desempenho dos importadores.
A política do comércio exterior brasileiro pode ser definida como o ato de governar do Estado, com vistas à consecução e à salvaguarda dos Objetivos Nacionais, no que diz respeito ao comércio do Brasil com os demais países. Neste contexto assinale as respostas que identifiquem a interferência do Estado no Comércio exterior brasileiro:
O governo brasileiro dá as diretrizes aos empresários e comerciantes, para que os mesmos adotem os sistemas e procedimentos compatíveis com os interesses nacionais do momento.
A atividade exportadora e importadora no Brasil é fiscalizada pela autoridade aduaneira que possui poderes na zona primária e secundária para controlar o fluxo de entrada e saída de mercadoria do território nacional. Esta responsabilidade compete à:
Fiscais da Receita Federal do Brasil.
Quando a comissão do agente é paga diretamente pelo banco responsável pela cobrança, a modalidade aplicada chama-se:
Conta gráfica.
Uma empresa brasileira exporta essências para uma empresa paraguaia, via terrestre. Qual o Incoterm mais adequado para esta operação?
DAP.
O princípio básico, que é um dos pilares do livre comércio, constante em vários acordos internacionais, como o GATT, por exemplo, e estabelece que todas as partes contratantes têm de conceder a todas as demais partes o tratamento que concedem a um país em especial, chama-se:
Nação mais favorecida.
Assinale a afirmativa correta:
A carta de crédito é um meio de recebimento mais seguro para o exportador, por representar o compromisso de pagamento do banco emissor.
Após entregar sua mercadoria a uma empresa comercial exportadora responsável pela exportação, a empresa fabricante foi informada que a operação foi concluída com sucesso. A consequência disso foi:
A empresa fabricante e a empresa comercial exportadora fizeram jus aos mesmos incentivos fiscais relativos à operação.
Grandes autores revelam a importância do estímulo ao crescimento econômico mundial. Durante os anos do período restritivo às importações contamos com um atraso vigoroso em nosso comércio internacional com a política de substituição às importações. Explique, em poucas palavras, como um país pode incentivar suas exportações, incentivando, também, suas importações.
Resposta múltipla e subjetiva, porém, sem perder o foco das importações de bens de capital para que promovam a qualidade dos produtos nacionais com menor custo de produção.
Faça uma descrição do ambiente internacional de comércio, delineando os objetivos e a atuação das principais organizações na esfera pública e privada.
Prevalência da doutrina de livre comércio, expresso pela OMC - antecedida pelo Gatt. Outras organizações públicas: OMA, UNCTAD. Organismos privados: CCI, principalmente, ISO, Conferências de frete, IATA. O aluno deverá descrever a função dos órgãos que mencionar, contextualizando suas funções.
Quais são e o que significam os canais de conferência aduaneira na importação?
Verde: liberação da mercadoria; Amarelo: exame documental; Vermelho: exame documental e físico; Cinza: análise do valor aduaneiro.
Os Incoterms tratam única e exclusivamente dos riscos e responsabilidades entre as partes envolvidas nas negociações (importador e exportador). Uma mercadoria importada DDP chegou atrasada ao porto destino gerando custos ao importador. Neste contexto, assinale a única resposta correta:
Os custos são de inteira responsabilidade do exportador. Ele deve reembolsar o importador pelo não cumprimento do contrato.
Sobre a competência do Ministério da Fazenda, assinale a única opção correta.
O MF fiscaliza e controla as operações de comércio exterior em suas atividades administrativas relevantes aos interesses da fazenda nacional.
É correto afirmar em relação à "Cláusula da Nação mais favorecida":
A Nação A firma um acordo com a nação B, com a cláusula de Nação mais favorecida. Assim, se B assinar acordo com C, todos os benefícios concedidos