CASOS CONCRETOS COMPLETO 1 A 16 AULA - DIREITO PENAL II
26 pág.

CASOS CONCRETOS COMPLETO 1 A 16 AULA - DIREITO PENAL II


DisciplinaDireito Penal II13.618 materiais302.044 seguidores
Pré-visualização12 páginas
CASOS CONCRETOS 1 - 16 RESOLVIDOS 
 
DIREITO PENAL II - 2015 
 
 
 
CENTRO UNIVERSITARIO ESTACIO UNIRADIAL DE SÃO PAULO 
AV. MORUMBI, 8.724 \u2013 BROOKLIN. CEP: 04703002 
jonasfs.juridico@gmail.com 
DIREITO PENAL 2015 
 
Página 15 de 26 
15) No crime de corrupção ativa, a circunstância de ser um dos agentes 
funcionário público Juiz de Direito \u2013 AL \u2013 2007) 
a) não é elementar, não se comunicando, portanto, ao concorrente particular. 
b) é elementar, mas não se comunica ao concorrente particular. 
c) é elementar, comunicando-se ao concorrente particular, ainda que este desconheça 
a condição daquele. 
d) é elementar, comunicando-se ao concorrente particular, se este conhecia a 
condição daquele. 
e) não é elementar, comunicando-se, em qualquer situação, ao concorrente particular. 
 
CASO CONCRETO 9 
 
Questão n.1 - (OAB EXAME UNIFICADO. DEZ/2011. PROVA PRÁTICO-
PROFISSIONAL \u2013 DIREITO PENAL. QUESTÃO N.2. MODIFICADA). Joaquina, ao 
chegar à casa de sua filha, Esmeralda, deparou-se com seu genro, Adaílton, 
mantendo relações sexuais com sua neta, a menor F.M., de 12 anos de idade, fato 
ocorrido no dia 2 de janeiro de 2011. Transtornada com a situação, Joaquina foi à 
delegacia de polícia, onde registrou ocorrência do fato criminoso. Ao término do 
Inquérito Policial instaurado para apurar os fatos narrados, descobriu-se que Adaílton 
vinha mantendo relações sexuais com a referida menor desde novembro de 2010. 
Apurou-se, ainda, que Esmeralda, mãe de F.M., sabia de toda a situação e, apesar de 
ficar enojada, não comunicava o fato à polícia com receio de perder o marido que 
muito amava. A partir da premissa de que Adaílton praticou o delito de estupro de 
vulnerável majorado pelo fato dele ser padrasto de F.M (art.217-A c.c. art. 226, II, 
ambos do Código Penal), responda de forma objetiva e fundamentada, com base nos 
estudados realizados, às questões propostas: 
a) Esmeralda praticou crime? Em caso afirmativo, qual? 
Sim, pois Esmeralda era agente garantidora do menor, portanto tinha obrigação de 
impedir o resultado. Cometeu o crime comissivo por omissão 
 
b) Considerando que o Inquérito Policial já foi finalizado, deve a avó da menor oferecer 
queixa-crime? 
Não, pois se trata de ação pública incondicional, portanto cabe ao ministério público 
oferecer a denúncia. 
 
Questão n.2 - Um professor na aula de Processo Penal esclarece a um aluno que o 
Ministério Público, após ingressar com a ação penal, não poderá desistir dela, 
conforme expressa previsão do Art. 42 do CPP. O professor estava explicando ao 
aluno o princípio da: (X EXAME DE ORDEM UNIFICADO \u2013 TIPO 01 \u2013 BRANCA) 
a) indivisibilidade. 
b) obrigatoriedade. 
c) indisponibilidade. 
d) intranscedência. 
 
Questão n.3 - Fernanda, durante uma discussão com seu marido Renato, levou vários 
socos e chutes. Inconformada com a agressão, dirigiu-se à Delegacia de Polícia mais 
próxima e narrou todo o ocorrido. Após a realização do exame de corpo de delito, foi 
constatada a prática de lesão corporal leve por parte de Renato. O Delegado de 
Polícia registrou a ocorrência e requereu as medidas cautelares constantes no Artigo 
23 da Lei nº 11.340/2006. Após alguns dias e com objetivo de reconciliação com o 
marido, Fernanda foi novamente à Delegacia de Polícia requerendo a cessação das 
 
CASOS CONCRETOS 1 - 16 RESOLVIDOS 
 
DIREITO PENAL II - 2015 
 
 
 
CENTRO UNIVERSITARIO ESTACIO UNIRADIAL DE SÃO PAULO 
AV. MORUMBI, 8.724 \u2013 BROOKLIN. CEP: 04703002 
jonasfs.juridico@gmail.com 
DIREITO PENAL 2015 
 
Página 16 de 26 
investigações para que não fosse ajuizada a ação penal respectiva. Diante do caso 
narrado, de acordo com o recente entendimento do Supremo Tribunal Federal, 
assinale a afirmativa correta. (XIII EXAME DE ORDEM UNIFICADO \u2013 TIPO 01 \u2013 
BRANCA) 
a) No âmbito da Lei Maria da Penha, nos crimes de lesão corporal leve, a ação penal é 
condicionada à representação. Desta forma, é possível a sua retratação, pois não 
houve o oferecimento da denúncia. 
b) No âmbito da Lei Maria da Penha, nos crimes de lesão corporal leve, a ação 
penal é pública incondicionada, sendo impossível interromper as investigações 
e obstar o prosseguimento da ação penal. 
c) No âmbito da Lei Maria da Penha, nos crimes de lesão corporal leve, a ação penal é 
pública incondicionada, mas é possível a retratação da representação antes do 
oferecimento da denúncia. 
d) No âmbito da Lei Maria da Penha, nos crimes de lesão corporal leve, a ação penal é 
pública condicionada à representação, mas como os fatos já foram levados ao 
conhecimento da autoridade policial será impossível impedir o prosseguimento das 
investigações e o ajuizamento da ação pena. 
 
CASO CONCRETO 10 
 
Questão n.1 - Cleyton Neves foi condenado à pena de 3 (três) anos e 4 (quatro) 
meses de reclusão a ser cumprida em regime inicialmente fechado pelo tráfico de 73 g 
de maconha, 23 g de cocaína e 7 g de crack, tendo sua conduta prevista no art.33, 
caput, da lei n.11343/2006, crime equiparado a hediondo. Inconformado com a 
decisão interpôs recurso de apelação com vistas à substituição da privativa de 
liberdade por restritiva de direitos e a fixação de regime menos gravoso, o que foi 
negado pelo Tribunal de Justiça Estadual. Cleyton Neves, então, interpôs habeas 
corpus ao Superior Tribunal de Justiça com vistas à substituição da privativa de 
liberdade por restritiva de direitos e sucessivamente, a concessão da suspensão 
condicional da execução da pena imposta. A Corte superior negou a ordem em 
relação à substituição de penas, pois entendeu que o paciente não atendia aos 
requisitos subjetivos estabelecidos pelo art.44, do Código Penal. Ante o exposto, com 
base nos estudos realizados sobre o tema, responda de forma objetiva e 
fundamentada sobre a possibilidade da concessão do sursis pela Corte. 
Não cabe PRD ou SURSIS (pena de 12 anos) conforme Art 77 do CPB. 
** São os seguintes os requisitos para a substituição de PPL em PRD (segundo o 
art. 44 do Código Penal): 
a) pena privativa de liberdade aplicada não superior a 4 anos (no caso de crime 
doloso) e o crime cometido sem violência ou grave ameaça à pessoa; 
b) não há limite de pena se o crime é culposo; 
c) não reincidência em crime doloso, salvo o disposto no § 3º (caso o condenado seja 
reincidente, poderá haver substituição, desde que, em face de condenação anterior, a 
medida seja socialmente recomendável e a reincidência não se tenha operado em 
virtude da prática do mesmo crime); 
d) culpabilidade, antecedentes, conduta social e personalidade do condenado, motivos 
e circunstâncias indicarem que a substituição é suficiente. 
** SURSIS é o mesmo que suspensão condicional da execução da pena é o instituto 
que permite ao juiz, em vez de ordenar ao condenado o cumprimento de pena de 
pequena duração, suspendê-la por período, chamado período de prova. 
 
CASOS CONCRETOS 1 - 16 RESOLVIDOS 
 
DIREITO PENAL II - 2015 
 
 
 
CENTRO UNIVERSITARIO ESTACIO UNIRADIAL DE SÃO PAULO 
AV. MORUMBI, 8.724 \u2013 BROOKLIN. CEP: 04703002 
jonasfs.juridico@gmail.com 
DIREITO PENAL 2015 
 
Página 17 de 26 
Aplica-se à execução da pena privativa de liberdade, não superior a dois anos, 
podendo ser suspensa, por dois a quatro anos, desde que: o condenado não seja 
reincidente em crime doloso; a culpabilidade, os antecedentes, a conduta social e 
personalidade do agente, bem como os motivos e as circunstâncias autorizem a 
concessão do benefício; não seja indicada ou cabível a substituição por penas 
restritivas de direitos. Veja Arts. 77 a 82 do Código Penal e Arts. 156 a 163 da Lei de 
Execução Penal. 
 
Questão n.2 - A respeito do benefício da suspensão condicional da execução da 
pena, assinale a afirmativa incorreta. (XIII EXAME DE ORDEM UNIFICADO \u2013 TIPO 01 
\u2013 BRANCA) 
a) Não exige que o crime praticado tenha sido cometido
edson
edson fez um comentário
mqqoollm junho bj de%*zc?⛰️⛰️????⛰️??⛰️lll AZ 7"Xu, de, junho yh
0 aprovações
carla
carla fez um comentário
otimo
2 aprovações
Carregar mais